Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts do dia 19 agosto 2015

Prévia do Banco Central indica queda na economia de Santa Catarina

19 de agosto de 2015 0

Em junho, o Índice de Atividade Econômica Regional de Santa Catarina (IBCR-SC), calculado pelo Banco Central do Brasil, registrou queda de 0,75% frente ao mês anterior, maio, considerados ajustes sazonais. Mas frente ao mesmo mês do ano passado, registrou crescimento de 1,77%. No acumulado do ano frente aos mesmos meses de 2014, houve queda de-1,21%. No acumulado de 12 meses, o IBCR-SC apresentou um leve aumento de 0,03% na comparação com os 12 meses anteriores.

A economia brasileira, segundo o IBC teve queda de- 0,58% em junho frente ao mês anterior e de 1,2% na comparação com junho de 2014. No acumulado de janeiro a junho, recuou 2,49%.

Lei as últimas notícias

Sinotruk explica atraso na instalação de montadora em Lages

19 de agosto de 2015 0

A montadora chinesa de caminhões Sinotruk, que anunciou a instalação de uma fábrica de caminhões em Lages a partir de outubro de 2013, explica porque postergou mais uma vez o projeto. Segundo executivos da companhia, o atraso, agora, é em função do cenário econômico do país.Esta decisão mostra que o mercado brasileiro de caminhões é difícil e que os chineses ainda buscam uma situação ideal para o seu plano de negócio. Mas a expectativa é de que uma hora o projeto vira realidade porque o Brasil é um dos cinco maiores mercados do mundo para veículos e, se os grandes grupos mundiais estão aqui, uma fabricante chinesa de caminhões também vai querer estar. É bem-vinda porque os lageanos sonham uma montadora há décadas.

 

Confira, abaixo, a nota divulgada pela empresa hoje: 

 

Nota à Imprensa

A Sinotruk Brasil através de sua direção geral reitera que o projeto de instalação da fabrica no Brasil, a ser construída na cidade de Lages/SC, permanece inalterado. A futura montadora entrou com pedido de prorrogação do prazo referente ao inicio da obra junto ao MDIC. O presidente da empresa, Sr. Joel Anderson, retornou de recente reunião com a direção da Sinotruk China, aonde ambos concordaram ser o projeto brasileiro prioridade pra marca neste momento. A Sinotruk Brasil informa que os projetos de construção estão 100% concluídos, sendo que o atraso no início das obras visou ajustes nas datas de inicio da produção, em decorrência do atual cenário econômico do Brasil. Segundo a empresa, o início da operação da linha de montagem está previsto para o primeiro trimestre de 2017, período em que, de acordo com as projeções de mercado, é esperada a retomada do crescimento da economia brasileira.

A empresa destaca ainda o empenho e dedicação do Governo de SC, um dos futuros acionistas da fábrica (por meio de sua agência de fomento, a SC Parcerias), na viabilização do projeto. A SBTC (razão social sob a qual girará a operação da planta Sinotruk Brasil) conquistou sua habilitação ao Inovar Auto, na categoria projeto de investimento, em agosto de 2014, com validade pelo período de um ano.  Na fase atual, a empresa encontra-se em tratativas com o governo federal/ MDIC para a renovação de sua habilitação ao programa, em função do novo cronograma físico-financeiro estabelecido para implantação da unidade fabril brasileira.

Campina Grande do Sul/PR , 15 de agosto de 2015

Descrição: Descrição: Descrição: cid:image001.jpg@01CBEE15.EC164F00

Rigidez fiscal de Santa Catarina eleva receita e outros destaques desta quarta-feira

19 de agosto de 2015 0

Destaque nacional por apresentar finanças equilibradas nesta fase de recessão, o governo catarinense reconhece que boa parte desse resultado está ligado à firme atuação de fiscais da Secretaria de Estado da Fazenda, com especial rigidez contra a sonegação de impostos. Balanço da pasta mostra que mais de R$ 70 milhões foram sonegados por contribuintes identificados pela operação Atzo, iniciada em 2009 no Oeste. O trabalho mirou um dos maiores atacadistas do Estado e milhares de comerciantes da Região Sul. Nessa operação, o fisco conseguiu recuperar R$ 24,7 milhões aos cofres públicos. Parte dos valores estão sendo cobrados parceladamente e R$ 43 milhões foram inscritos em dívida ativa.

– A fiscalização da Fazenda de Santa Catarina é referência nacional, com controles tecnológicos cada vez mais rígidos – afirma o secretário Antonio Gavazzoni.

Em outra operação, no setor de transporte, a Fazenda apurou evasão de R$ 24 milhões de créditos de ICMS apropriados irregularmente. O trabalho do grupo de especialistas em transportes investigou 20 contribuintes.

– De 2009 a 2014, a nossa arrecadação de ICMS quase dobrou. O combate à sonegação contribuiu para isso. Estamos atentos para garantir a justiça fiscal – disse Gavazzoni.

Consignado

Até os servidores federais passam a ser vítimas indiretas da operação Lava Jato. É que os bancos privados decidiram suspender a oferta de crédito consignado para servidores da União porque a empresa de tecnologia que faz essas operações, a Consist, virar alvo de investigações da operação que fiscaliza corrupção.

Nas asas da TAP

Fornecedora de barras de cereais e outros itens para voos da Azul, a Parati, de São Lourenço do Oeste, vê oportunidades para avançar no mercado de Portugal. É que como a Azul comprou a portuguesa TAP, os produtos para lanche podem compor o cardápio da empresa européia. Vale destacar que a crise ficou longe do setor de inovação da Parati. Entre os produtos lançados estão wafer integral e até um mel do Nordeste, informa a gerente de marketing Débora Schafer.

Trigo Dourado

A Casaredo, outra poderosa indústria de biscoitos e massas de São Lourenço do Oeste, adotou nova logomarca que destaca o dourado do trigo e o azul do céu. Um dos lançamentos é wafer Neo escuro premium, feito com chocolate.

Segundo o gerente comercial Ermeto Naressi e o coordenador de vendas Ary Andryeiak, a companhia, que oferece 700 empregos diretos, atua em todo o mercado brasileiro e exporta para o Uruguai, Paraguai, Colômbia, Costa Rica, EUA e países da África.

Em Jaraguá do Sul

A Câmara Regional do Movimento A Indústria Pela Educação realiza hoje, às 16 horas, a segunda reunião de trabalho em Jaraguá do Sul. A iniciativa da Fiesc promove o debate sobre a melhoria dos indicadores educacionais em todas as regiões do Estado.

Vinculadas às vice-presidências da entidade, o encontro ocorre no Centro Empresarial de Jaraguá do Sul. O vice-presidente da Fiesc, Célio Bayer, diz que o objetivo é envolver toda a sociedade.

Com Parlamentares

A Facisc será a anfitriã, nesta sexta-feira (21), da reunião do Fórum Parlamentar Catarinense e audiência pública com a presença do ministro dos Transportes Antonio Carlos Rodrigues. Em momentos distintos, a Federação apresentará aos deputados federais e ao ministro, questões relacionadas ao desenvolvimento da atividade empresarial e da economia catarinense.

Entre as prioridades da entidade estão as melhorias do sistema viário estadual, especialmente de rodovias federais do Oeste.

Leia as últimas notícias

Conhecendo Treze Tílias e o jeito catarinense de inovar e encatar

19 de agosto de 2015 0

1Villaggio

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Com dias de sol e sem pressa, aproveitei as férias para percorrer distâncias maiores do nosso Estado, chegando até o início do Oeste catarinense, na região de Treze TíliasNada como estar nos locais. Eles reforçam que o visionário Beto Carrero, o empresário Sérgio Murad que fundou o parque de Penha que leva seu nome artístico, o Beto Carrero World, tinha razão quando dizia que Santa Catarina é um parque de diversões. A soma de natureza exuberante, equipamentos turísticos criativos, comércio e serviços atuantes e de qualidade, garantem ao Estado roteiros surpreendentes. Mas com meu olhar focado em economia e negócios, fiquei atenta ao empenho de empreendedores para inovar em tudo o que fazem. Isso mostra que o Estado conta com uma situação presente diferenciada e terá um futuro brilhante se não for atrapalhado por governos que erram na gestão e desequilibram a economia, como ocorre atualmente com a União. Conhecemos a vinícola Villagio Grando, em Água Doce, onde o jovem empresário Guilherme Grando, sua mãe Josy (foto acima) e o pai Maurício desenvolvem um projeto inovador em vinhos e espumantes de altitude, sucos e avaçam com atrações turísticas de alto padrão, formando um polo especial no município.

Visitamos a vinícola Kranz, do casal Walter e Ao Kranz (foto) e filhos, em Treze Tílias. Além da parte de vinhos e espumantes, avançam com sucos e geleias com processos inovadores. A propósito, a cidade de Treze Tílias é um capítulo a parte, com suas casas no estilo austríaco e totalmente voltada ao turismo, incluindo cerveja artesanal, esculturas em madeira e chocolates. Essa série de atrações turísticas e o dinamismo econômico do Meio-Oeste e Oeste do Estado poderiam ganhar impulso ainda maior se SC tivesse, pelo menos, uma rodovia duplicada de Leste a Oeste.

estela_benetti

Leia as últimas notícias

Curso sobre empresas familiares é ministrado nesta quarta-feira, em Florianópolis

19 de agosto de 2015 0

O curso Governança Corporativa em Empresas Familiares, promovido em Florianópolis pelo Instituto Brasileiro de Governança Corporativa (IBGC), começa nesta quarta-feira (19), às 8h30min, e vai até a próxima quinta-feira (20), às 17h no Hotel Majestic. O foco é o aprimoramento da gestão para a perenidade das empresas. Entre os palestrantes estarão o conselheiro e acionista do Grupo RBS, Pedro Sirotsky, e representantes da família do Grupo Romagnole. Entre os líderes empresariais que confirmaram presença estão o presidente do Grupo de Líderes Empresariais (Lide-SC), Wilfredo Gomes; Mario Schlickmann, da Copabras; e Gilberto Zanette, da Molduras Santa Luzia. O presidente do conselho de administração da Usiminas e presidente do IBGC em Santa Catarina, Marcelo Gasparino, também participa.  

A maioria das empresas mundiais é familiar. Quanto melhor a gestão, maior continuidade e sucesso essas companhias terão. O curso é voltado para sócios, gestores, herdeiros e conselheiros de empresas familiares. O programa é baseado na experiência desenvolvida pelo IBGC e apresentado por profissionais com relevante experiência profissional e pessoal em empresas familiares. Faz abordagens sobre a complexa relação entre empresa, família, sócios e investidores, destacando as vantagens da implantação das melhores práticas de governança.

Leia as últimas notícias