Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Segundo dia versátil no Fashion Rio

13 de janeiro de 2011 0
Coleções leves, pesadas, românticas, estruturadas. A versatilidade foi a palavra do segundo dia do Fashion Rio. Aproveite e inspire-se tem opções para todos os gostos!

ACQUASTUDIO

O contraste entre a fragilidade humana e o estilo de vida e arquitetura das metrópoles foi a base para a coleção da Acquastudio. A modelagem aparece perto do corpo, as cores são neutras e o destaque das peças vem das formas estruturadas por tramas enceradas e laminadas. 


foto divulgação


Essa estrutura com ares arquitetônicos foi com certeza a característica marcante do desfile, mas como os acessórios fazem toda a diferença, vou destacar as luvas de canutilho com detalhes em pele como um dos momentos altos da apresentação. 


foto divulgação


Nos pés, mocassins com solado de borracha, confeccionado em lã.

foto divulgação

 COVEN

Depois de assistir ao desfile da Coven veio aquela vontade de fazer as malas e pegar o primeiro avião para o hemisfério norte. A coleção é pesada, inspirada em processos de tapeçaria. Os fios tramados formam as opções para enfrentar o frio: calças, saias e vestidos xadrezes, tweeds com pedrarias, franjas e peças vazadas que, com muito charme, deixam a pele aparecer.  

foto divulgação












foto divulgação




















Os looks combinam com uma temporada de inverno fria, talvez com temperaturas abaixo das que nós, brasileiros, estejamos acostumados, por outro lado, porque não fazer um mix de peças isoladas da coleção com tecidos mais leves? As saias, os tweeds, alguns vestidos são perfeitos para usar a criatividade e criar looks bem originais!


foto divulgação


MARIA BONITA EXTRA

Se a Coven mostrou peso das peças para o inverno, a Maria Bonita Extra mostrou leveza. Duas coleções tão lindas quanto diferentes. A inspiração veio do esporte, mais especificamente da dança. Os tecidos leves como o tule e a cartela de cores predominantemente neutra deram o ar delicado e romântico da coleção. 


foto divulgação


 Um look com legging fez questionar rapidamente se a peça voltará para o inverno de 2011, mas logo depois, uma sequência de shorts e saias fluidas e calças de modelagem ampla confirmaram o que até agora vimos no Fahsion Rio: a troca dos curtos pelos longos, dos justos pelos amplos, uma beleza mais versátil, que cai bem em diferentes tipos de corpo. 
 

foto divulgação


Destaque: detalhe em pele nos ombros

foto divulgação


GIULIA BORGES
 
Giulia Borges apostou em um mix de estampas baseado em uma das criações da artista japonesa Nagi Noda, o Hanpanda. A figura é metade panda, metade outro animal. A partir disso, a estilista trouxe a dualidade para vestidos curtos e combinações divididas entre estampas: teve tigre com onça, zebra com poá e Pied-de-coq (pé de galo em francês – estampa que lembra grandes pegadas de galo). As cores também dividem peças como blusas e vestidos. Maxi botões em tons como caramelos, verdes, e laranjas aparecem quase que como um acessório. Segundo a estilista, a ideia foi trazer um ar de universo pop dos anos 60 para mostrar um inverno selvagem, mas também delicado e feminino. Ponto alto para as aplicações de pelúcia nas barras das saias.

foto divulgação

Apesar dos longos predominarem até agora, Giulia mostrou shortinhos curtos, um em especial de pelúcia combinada com uma camisa com aplicações de renda!

foto divulgação

Envie seu Comentário