Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Fotos interativas para conhecer os mercados de Natal da Alemanha

14 de dezembro de 2015 0
 O mercado de Natal de Bremen tem uma aura meio mágica! Adoro!


O mercado de Natal de Bremen tem uma aura meio mágica! Adoro!

Não fosse a falta que a família faz nessa época do ano, eu responderia sem titubear que o Natal na Alemanha é o melhor do mundo. É lindo e as celebrações já começam em novembro com a montagem dos tradicionais mercados de Natal: Weihnachtsmarkt, também chamado de Christkindlmarkt (algo como mercado do Menino Jesus). A tradição se espalha de Norte a Sul (e em outros países da Europa também) e cria um clima especial em todas as cidades.

São barraquinhas decoradas, luzes, o cheiro de amêndoas doces e vinho quente pelo ar. A atmosfera é quase mágica: um convite a enfrentar o frio e passear pelas ruas. Só em Berlim são aproximadamente 60 mercados de Natal espalhados pelos 16 distritos da capital Alemã. Há quem diga que mercado de Natal é assim: quem viu um, viu todos. É evidente que há muitas coisas em comum entre eles: são 4,5 mil mercados espalhados por toda a Alemanha e que recebem anualmente 180 milhões de pessoas, movimentando cerca de 1,9 bilhões de Euros. Um baita negócio!

Em Bremen, tudo é lindo de dia ou ànoite!

Em Bremen, tudo é lindo de dia ou ànoite!

Há coisas comuns a todos: barraquinhas de Lebkuchen, um doce de Natal que lembra muito o nosso pão de mel, Glühwein (o vinho quente), amêndoas carameladas. Então, vou publicar uma série de posts natalinos aqui no Blog ensinando a fazer todas essas delícias! Mas cada mercado tem suas peculiaridades, claro. O primeiro teria sido o de Dresdem, que completa 581 anos de atividades em 2015. Alguns mercados – ou parte deles – tentam manter costumes medievais: servem bebidas em canecas de barro e seus vendedores se vestem com roupas tradicionais.

A noite cai em Wartburg e o clima é medieval! Impressionante!

A noite cai em Wartburg e o clima é medieval! Impressionante!

Eu acho o mercado de Bremen, no Norte da Alemanha, um dos mais bonitos. Mas o meu favorito não é dos mais famosos nos roteiros turísticos, mas esbanja charme. É o mercado do castelo Wartburg, em Eisenach, que fica isolado no alto de uma montanha. Nesse castelo, depois da publicação das teses protestantes em Leipzig, Martinho Lutero, que estava sendo caçado pela igreja católica, se abrigou para traduzir a bíblia para o alemão. É possível visitar o castelo e conhecer o quarto de Lutero, mas em dezembro, a pedida mesmo é passear pelo mercado medieval. É fabuloso!

Música medieval no mercado de Wartburg

Mas queria fazer aqui um convite para quem quer conhecer os mercados bem de pertinho. Essas imagens aí eu preparei no ano passado para o meu outro blog, o De Volta a Nave Mãe, mas gostei tanto delas que decidi compartilhar por aqui também. Quer ver como são os mercados de verdade? É só conferir as imagens abaixo, feitas em diferentes cidades da Alemanha. É mais ou menos como visitar todos os mercados em quatro fotos e sem nem gelar as mãos!

thinglink

Uma visão geral:

Barraquinhas de enfeites:

As bebidas quentes:

Doces do advento:

Comente

comentários

Envie seu Comentário