Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

A força do JEC

06 de novembro de 2014 1

Quem viu ou viveu o futebol catarinense dos anos 80 conhece bem a força do Joinville. É um potencial que está adormecido desde o final daquela década. De lá para cá o JEC experimentou uma realidade bem diferente, mas ressurgiu com toda a força nos últimos anos. A chegada à Série A pode fazer renascer também esse potencial da ligação cidade/torcedor/futebol. O número de sócios deve dobrar, pois a torcida ficou cada vez mais apaixonada pelo time, mesmo com os insucessos das décadas de 1990 e dos anos 2000.

::: Confira o especial do acesso do Joinville
::: Leia mais notícias do JEC

Outro valor potencial é o número de patrocinadores e os valores que os parceiros vão ter que desembolsar para atrelar suas marcas ao time. A tendência é que a camisa fique mais limpa e mais cara também. Joinville é uma cidade de indústrias e empresas. Parceiros não vão faltar. Fora tudo isso, entra o conhecimento de quem faz atualmente o futebol do Joinville. O presidente Nereu Martinelli foi diretor de Futebol, portanto, conhece o mercado e sabe lidar com empresários, montar times e maximizar a relação custo x desempenho. O Joinville tem tudo para crescer ainda mais no cenário maior do futebol nacional. A chegada à Série A pode abrir o caminho para um novo tempo de glórias no Norte do Estado.

 

Comentários (1)

  • RUDI diz: 6 de novembro de 2014

    Concordo contigo Faraco; Realmente o time todo está de parabéns; nessas duas últimas décadas o JEC estava adormecido; e, por isso sofreu o JEC, a torcida e uma cidade inteira; agora conseguimos voltar pra ELITE do futebol brasileiro; Sou Joinvilense e JEQUIANO de coração; mas como catarinense torço para que: Figueirense, Criciúma e Chapecoense permaneçam na série A para o bem do futebol de SC; pois creio que se SC tiver 4 times na série A de 2015 Santa Catarina será mais respeitado pela CBF e no meio esportivo do Brasil todo; E:… Se tem um nome que deve ser muito lembrado e respeitado pelo acesso do JEC a série A é o presidente Nereu Martinelli; pois no final do primeiro turno a imprensa de Joinville e muitos torcedores do tricolor pediram um novo técnico; foi aí que o Nereu bateu o pé e disse que não iria trocar de técnico novamente pois não havia tempo pra começar um trabalho com um novo técnico e que ele conhecia e acreditava no trabalho do Hemersom Maria; Então: Junto com o Nereu tem mais o H. Maria que podem ser considerados os grandes responsáveis pelo acesso do JEC à elite do futebol brasileiro; e é lógico todos os jogadores desse time de guerreiros…
    FATO

Envie seu Comentário