Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts de novembro 2011

Especial de Natal com vídeos e passo a passo

29 de novembro de 2011 2

Imagem Felipe Sato

No ano passado, quando preparava vídeos de artesanato relacionados ao Natal, uma colega me perguntou se eu sabia onde encontrar peças que servissem como porta-retratos para pendurar no pinheirinho.

Fizemos algumas pesquisas e a única alternativa foi imprimir as imagens em tecido e forrar bolas de isopor com ele. Mas, neste ano, me deparei com uma outra opção na loja PQNs Detalhes, em Campinas. São peças recortadas em MDF com formato de Papai Noel, pacote de presente e outros objetos relacionados à época, vazadas no meio para encaixar uma imagem ou foto.

Gravamos um vídeo com a professora Schanamara Teixeira, que dá aula na PQNs Detalhes, mostrando como preparar um destes pingentes. Ela utiliza algumas técnicas básicas da pintura em madeira que você poderá aplicar tanto nesta peça quanto em outras que vier a fazer.

Imagem Felipe Sato

Além do vídeo que gravamos nesta semana, reuni o melhor do que fizemos em artesanato e culinária de Natal no ano pasado, para você relembrar (veja no final deste post).

Confira aqui como fazer o porta-retratos para o pinheiro de Natal e veja a lista de material necessário abaixo:


 


Você vai precisar de:


recorte em mdf

tinta base para country primitivo

rolinho

pincel chato

pincéis chanfrados (grande e pequeno)

pincel liner

pincéis redondo (mopi)

pincel de cerda dura para envelhecer (e outro menor, opcional, para espalhar o giz formando o blush)

estêncil de bolinha

giz pastel laranja (opcional para fazer o blush da pombinha)

mousse envelhecedora

papel toalha

tinta acrílica nas cores camomila, castanho claro, mogno, cerâmica vermelha, vermelhão, marrom, preto e branco

cordão dourado

foto ou imagem de Natal


Confira um especial de Natal com outros posts e vídeos ensainando enfeites e guloseimas de Natal já publicados pelo blog Feito em Casa:

 


Cupcakes para o pinheiro de Natal.


Panetones embrulhados para presente.


Bolas de patchwork (com vídeo).

Boneco gingerbread de Natal para enfeitar a porta (com vídeo).

Biscoito de Natal decorados (com vídeo).

Pinheirinhos de Natal para pendurar na porta ou na árvore (com passo a passo).

Ovelhas de tecido para o Presépio de Natal (com vídeo).


Sem mosquito: faça repelente caseiro com cravo

28 de novembro de 2011 4

 


Foto Márcia Feijó


No ano passado, já ensinei aqui no blog como fazer almofadinhas de cravo- da-Índia para espantar as formigas de dentro dos armários. Com o verão chegando – e os mosquitos também – aqui vai mais uma dica de como utilizar o cravo para ficar livre das picadas. Trata-se de um repelente natural bem eficiente. Experimentei e gostei do resultado. Apesar de ter óleo corporal entre os ingredientes, não deixa a pele oleosa nos locais onde você passa.


Repelente caseiro com cravo-da-Índia


Ingredientes:

 100 ml de álcool de cereais
1 pacote de cravo da Índia (10 gr)
30 ml de óleo para o corpo (pode ser de calêndula, amêndoa ou Johnson)




Como fazer:

Coloque o cravo e o alcool em um frasco (de preferência d evidro) bem fechado. Deixe curtir por 5 dias, agitando o frasco diariamente.

No quinto dia, retire o cravo e acrescente o óleo ao alcool aromatizado.

Coloque o repelente num borrifador. Sempre que precisar usar, borrife uma pequena quantidade nas mãos ou num algodão e passe principalmente nos braços e pernas.

 

Dica: por ser caseiro, o efeito deste repelente tem uma duração mais curta do que os encontrados à disposição no mercado. Reaplique sempre que necessário (aproximadamente a cada duas horas)































Bazar de Natal

25 de novembro de 2011 0

Tem mais bazar de Natal neste final de semana, em Florianópolis.

Foto divulgação

Amanhã, sábado e também nos dias 3 e 4 dezembro, a cake designer Carla Machado e a empresa Singulare apresentam seus produtos em Jurerê. O bazar será das 15h às 21h, na Rua da Baleia Franca, 275. A entrada é gratuita.

Decoração de Natal deliciosa

22 de novembro de 2011 3

 

 Fotos Márcia Feijó



 


Os doces invadiram a decoração de Natal neste ano. Cupcakes, biscoitos, algodão doce, sorvetes aparecem pendurados nos pinheiros, nas guirlandas e em outros enfeites típicos desta época do ano, tornando-a ainda mais deliciosa.

Há objetos de plástico e outros materiais industrializados, com esta temática, mas os que ganham maior destaque são aqueles com jeitinho (mesmo que o método de produção não seja) de artesanal.

A empresária Rosa Rigon, proprietária da loja Roka, relaciona a preferência pelos doces, com outra tendência:

- A decoração que teve incremento maior em termos de variedade foi a infantil – afirma ela.

Neste ano, estes artigos vêm em cores alegres e suaves quem lembram o algodão doce: azul, branco, verde lilás. Estes tons candy fogem um pouco o uso do vermelho, verde, dourado e prateado tradicionais. Embora não os exclua.

- O nude com azul é outra tendência – explica Rosa.

Além dos doces, casinhas, bonecas do de neve, ursinhos, pinguins e bonecos de gengibre dividem espaço com Papai e Mamãe Noel, renas e duendes. Os brinquedos, que até andavam meio esquecidos nas decorações natalinas, também voltaram à vida na forma de carrinhos e trens, entre outros.

Quanto ao adianto na preparação das casa para o natal, Rosa opina:

- Antigamente as árvores eram naturais e, se eram montadas muito antes, acabavam murchando até o Natal. Hoje não há mais este problema. A decoração de Natal é uma mudança no clima da casa, traz alegria. Acredito que isto motive as pessoas a fazerem esta decoração cada vez mais cedo. Desta forma, as lojas especializadas estão começando este comércio cada vez mais cedo também.

No pé deste post você encontra uma galeria de fotos com alguns exemplos destas tendências.

Para ajudar você a entrar no clima doce deste Natal, o blog Feito em Casa ensina como fazer um pingente para o pinheiro em forma de cupcake. Afinal, esta delícia tão marcante entre as receitas que apresentamos aqui, não poderia faltar também nas nossas festas de final de ano.





 



 

Você vai precisar de:

pedaços de tecido (há estampas que lembram o glacê dos cupcakes, inclusive com confeitos coloridos, e outras listradinhas que podem ser usadas para representar as forminhas de papel)

pedaços de manta acrílica (para o recheio)

linha em cores semelhantes ás dos tecidos que você escolher

tesoura

agulha

fita de cetim fina

guizos (ou botões vermelhos para fazer as vezes de cereja)

moldes com formato de forma e merengue do cupcake (se preferir um tamanho maior ou menor, amplie ou diminua o molde)



Confira aqui a galeria de fotos:


 


 



 

Com exceção do pingente de pinheiro ensinado neste post, os demais produtos que aparecem na galeria de fotos são da loja Roka de Natal instalada no Shopping Iguatemi Florianópolis.





Risoto para acompanhar as miniabóboras

18 de novembro de 2011 1

O Nós Testamos de hoje, no caderno Gastronomia do Diário Catarinense, traz uma receita de miniabóboras recheadas. Na foto, aparece um risoto como acompanhamento.

Aqui vai a receitinha dele também.

Foto Márcia Feijó

Risoto de alho-poró e pasta de pimentão

 

Ingredientes:

1,5 xícara de arroz  carnaroli

3 colheres (sopa) de pasta de pimentão*

3 colheres (sopa) de alho-poró picado (cebolão)

1 colher (sopa)  de azeite de oliva

sal

Como fazer:

Coloque o alho-poró na panela e refogue rapidamente com o azeite de oliva. Acrescente o arroz e água fria (suficiente para cobrir o arroz). Cozinhe até começar a secar. Acrescente o creme de pimentão, misture delicadamente. Mantenha no fogo, mais baixo, até o arroz estar cozido. Desligue e sirva.

Montagem:
Coloque o arroz num potinho de sobremesa e vire sobre o prato.  Enfeite com folhinhas de manjericão ou orégano frescas.  

* Usei uma pasta pronta da marca La Pastina, que encontrei na loja Imperatriz Gourmet (Beiramar Shopping), indicada para bruschettas e canapés. Ela é feita com pimentão, óleo de girassol, sal, vinagre de vinho branco, alho, açúcar, especiarias e ácido cítrico.

 

Outras opções:

Mini abóbora vegetariana

Para o recheio, refogue a polpa de abóbora somente com o brócolis, a azeitona, um fio de azeite de oliva e um pouco de extrato de tomate, deixando a carne de fora.

Mini abóbora para intolerante a lactose

Deixe de lado o cream cheese e o queijo ralado. Faça um molho de carne um pouco mais incorpadopara rechear as abóboras. Depois de assar, polvilhe sobre o recheio uma colher (sopa) de cebolinha ou tempero verde picadinho.

Em tempo: o arroz branco também é uma ótima companhia para as miniabóboras.

Veja neste post como aproveitar as sementes da abóbora.

 



Miniabóboras recheadas

17 de novembro de 2011 0

Reprodução internet

Volta e meia a gente encontra no supermercado ou na feira aquelas miniaturas de moranga ou abóbora cabotiá. São tão bonitinhas que dá vontade de levar para casa. E elas não são lindinhas somente assim, cruas. Também podem ser utilizadas num prato que deverá lhe render muitos elogios num almoço ou jantar.

Aqui vai uma dica de como prepará-las, com molho de carne e brócolis. Mas você pode variar bastante o recheio. No pé do post há ainda uma opção vegetariana e outra para intolerantes a lactose.

Foto Márcia Feijó

Miniabóboras recheadas

Ingredientes:

4 abóboras Baby (miniabóboras)

8 colheres (sopa) de cream cheese

1 dente de alho

sal

4 colheres (sopa) de queijo ralado

papel alumínio

150g carne moída

1 tomate picado (sem pele)

1/4 cebola picada

meio  brócolis (1/4, se for grande)

azeitonas picadas (cerca de 6 ou mais, conforme o gosto)


Como fazer:

Lavar bem a miniabóboras (de preferência, deixar de molho em solução apropriada ou com uma colher de vinagre) . Cortar um círculo ao redor do talo de cada abóbora, formando uma tampa. Abrí-las e retirar a parte da polpa com as sementes (reservar esta polpa).

Picar o alho bem miúdo e esfregar nas paredes internas e fundo das abóboras. Salpicar sal dentro delas (1/2 colher de chá). Colocá-las em uma panela com água e cozinhar até amolecer  (não deixar amolecer demais). Reservar.

Dica: se você tiver panela adequada para cozinhar verduras a vapor, utilize-a. O resultado é muito melhor.


Recheio:

Enquanto as abóboras cozinham, separe as sementes da polpa (no próximo post ensino uma receita bem legal para aproveitar as sementes). Reserve a polpa.

Pique o brócolis bem miúdo. Reserve.

Faça um molho como tomate e a cebola picada e cozinhe a carne moída nele. Adicione ao molho a polpa de abóbora, o brócolis e a azeitona. Salgue levemente e deixe mais um pouco no fogo para diminuir o líquido. Reserve.


Montagem:

Cubra uma assadeira com papel alumínio. Ajeite as abóboras sobre ele. Coloque duas colheres (sopa) de crem cheese no fundo de cada uma das abóboras. Encha com o recheio. Polvilhe sobre o recheio uma cojher (sopa) de queijo ralado. Leve ao forno por mais 30 minutos, em média


Outras opções:

Mini abóbora vegetariana

Para o recheio, refogue a polpa de abóbora somente com o brócolis, a azeitona, um fio de azeite de oliva e um pouco de extrato de tomate, deixando a carne de fora.


Mini abóbora para intolerante a lactose

Deixe de lado o cream cheese e o queijo ralado. Faça um molho de carne um pouco mais incorpadopara rechear as abóboras. Depois de assar, polvilhe sobre o recheio uma colher (sopa) de cebolinha ou tempero verde picadinho.



Em tempo: na foto a miniabóbora aparece acompanhada de um risoto de alho poró e pimentão (veja a receita), mas o arroz branco é uma ótima companhia também.









Avental-camiseta para a Saúde Criança Florianópolis

17 de novembro de 2011 3

Foto Márcia Feijó

Há alguns dias recebi da Fernanda Lago, colunista do caderno Variedades, no DC,  um convite muito bacana: customizar uma camiseta cuja renda será revertida para a entidade Saúde Criança Florianópolis.

Fiquei dias pensando no que fazer. Ontem consegui dar forma a uma ideia que me surgiu no final de semana. A camiseta ficou com jeitinho de Feito em Casa, unindo as minhas paixões pelo artesanato e pela culinária (além de melancias, uma das minhas frutas preferidas).

A minha camiseta-avental e as peças criadas por mais 72 convidados serão apresentadas no evento Com Arte é Melhor!, no próximo domingo, das 19h às 23h, na Alameda Casa Rosa (no bairro Itacorubi, no pé do Morro da Lagoa), em Florianópolis.

Além de camisetas, a mostra/leilão inclui vários tênis All Star. Estes foram customizados por artistas plásticos de Floripa. O ingresso para o evento custa R$ 15 (com acesso à festa).   Em tempo: a minha colega Karin Barros me deu um help servindo de modelo, para poder mostrar a minha camiseta-avental aqui.


Sementes de abóboras como aperitivo

16 de novembro de 2011 5

Foto Márcia Feijó

Neste final de semana preparei uma receita com miniabóboras e descobri uma bela maneira para aproveitar as sementes.Elas ficam uma delícia salgadas e torradinhas. Servem como aperitivo e para dar aquela enganadinha na fome.

Além de gostosinhas, as sementes de abóbora têm uma fama muito boa entre especilistas na área da saúde. Elas contém zinco, cuja ação fortalece o sistema imunológico. Também são ricas em fibra, o que melhora o funcionamento do intestino. Possuem ainda um óleo chamdo betasistorol que pode ajudar a evitar problemas na próstata. E, recentemente, foi descoberto que até de renovar os genes elas são capazes.

Não saberia dizer se tostadas elas mantém as mesmas propriedades (a da fibra, com certeza sim), mas, no mínimo, são gostosinhas assim.


Sementes de abóboras tostadas


Ingredientes:

sementes de abóboras

sal

curry

orégano

flocos de manjericão


Como fazer:

Retire bem a polpa da abóbora que ficou grudada nas sementes. Lave-as e coloque sobre papel toalha. Se possível, deixe-as secar ao sol. Se demorarem para secar, você também pode usar o micro-ondas, com potência baixa, de 15 em 15 segundos, mexendo-as nos intervalos, para secarem por inteiro.

Depois de secas, coloque as sementes numa frigideira, com um fio de azeite de oliva e frite-as levemente (desligue antes de ficarem escuras).

Tempere e espalhe-as bem numa assadeira. Leve ao forno e torre até que fique com um tom dourado e bem crocantes.

Dicas de Natal - decoração e culinária

15 de novembro de 2011 0

Foto Márcia Feijó

A cada ano, o Natal chega mais cedo. Já é hora de mexer no baú e ver o que podemos reaproveitar da decoração do ano pasado. E o blog Feito em Casa faz o mesmo. Vamos recapitular algumas sugestões que fizeram sucesso em 2010.

Panetones embrulhados para presente – clique aqui.

Bolas de patchwork – clique aqui (com vídeo).

Boneco gingerbread para colocar na maçaneta da porta – clique aqui (com vídeo).

Biscoito de Natal decorados – clique aqui (com vídeo).

Pinheirinhos de Natal para pendurar na porta ou na árvore – clique aqui (com passo a passo).

Ovelhas de tecido para o presépio - clique aqui (com vídeo).




A mudança da jabuticabeira

14 de novembro de 2011 12

Foto Márcia Feijó

No último verão, ao retornar das férias, minha família cometeu uma loucurinha. Trouxemos conosco, no carro abarrotado, uma pequena jabuticabeira. Nascida na cidade de Ampére (PR), onde as jabuticabeiras ainda guardam o sabor da infância, ela veio parar dentro de um vaso, numa sacada de São José. Em princípio, sentiu muito a mudança. Perdeu todas a folhas. Ficou nua. Chegamos a pensar que ela morreria.

Naquela sacada, o vento castiga. O sol é forte durante as tardes. E, por maior que seja o vaso, não parece o suficiente para uma jabuticabeira. Mesmo achando que ela não resistiria, continuamos a regar. Colocamos o vaso numa posição onde o vento não era tão forte, mas o sol continuava generoso. Enfim, as adaptações necessárias e possíveis.

A alegria foi geral, há poucos meses, quando minúsculas folhas voltaram aos poucos a brotar. Há quatro semanas, alguém observou que pequenas florzinhas também surgiram em seu tronco.

E, há quatro dias, num olhar meio apressado, encontrei uma bolinha verde, firme e forte, agarrada no tronco, onde antes havia uma florzinha. Se vierem outras – e eu acredito que virão – nossos filhos também terão a oportunidade de sentir o sabor da infância da terra onde o pai deles viveu a sua, nem que seja na sacada do apartamento.