Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de fevereiro 2012

Soda italiana, uma bebida refrescante e color blocking

27 de fevereiro de 2012 2

Há pouco tempo o pessoal aqui de casa descobriu a soda italiana. Num café que frequentamos, em São José, sempre tem de morango e maçã verde. Um a delícia nesses dias de calor! Eu mesmo dia desses me peguei desejando um copo bem geladinho no meio da tarde. Mas como nem sempre dá para ir até o café tomar a soda, resolvi descobrir como fabricara uma versão caseira. Comprei os ingredientes e ensinei a garotada aqui a fazer.

Foto Márcia Feijó



Soda italiana


Ingredientes:

xarope de frutas (framboesa, groselha, morango, maçã verde – de preferência os que têm cores fortes)

água com gás

gelo

frutas para decorar o copo (opcional – pode ser kiwi, laranja ou limão – com casca-, cortados em rodelas)


Como fazer:

Se for usar a fruta para decorar, descasque (se for mo kiwi) e corte em rodelas.

Coloque no copo 50ml de xarope para 150ml de água com gás. Complete com gelo.

Se quiser aumentar a porção, preserve a proporção de 1 dose de xarope para 3 de água.


Dica: você também pode usar guarda-chuvas ou enfeites de canudinho bem coloridos para enfeitar o copo.



Receita de bruschettas, rápidas e fáceis de preparar

24 de fevereiro de 2012 0

Hoje tem bruschettas na seção Pratique Aqui da Revista de Verão. O prato original, que surgiu da necessidade – pão, tomate e manjericão eram ingredientes fáceis de ter em casa, durante períodos de escassez – deu origem a versões ilimitadas. No caderno, encaretado no Diário catarinense de hoje, as receitas são de bruschetta tradicional e de minibruschettas de azeitona e nozes.

Aqui vão mais duas opções.


Bruschettas de salmão e alcaparras

Foto Márcia Feijó

Ingredientes:

1 pão italiano cortado em fatias (se preferir, use um pão de trigo mais macio ou crie minibruschettas usando fatias de baguete na base)

1 dente de alho

azeite de oliva extravirgem

 patê de salmão (veja a receita aqui)

alcaparras

 

Como fazer:

Coloque as fatias de pão sobre uma assadeira. Esfregue-as com o dente de alho, regue com o azeite.

 Leve ao forno por cerca de 10 minutos, até que  as fatias fiquem douradas e crocantes.

Retire do forno, passe o patê sobre as fatias e decore com alcaparras.


Minibruschettas de pesto e tomate cereja

  

Ingredientes:

1 pão baguete cortado em fatias

1 dente de alho

azeite de oliva extravirgem

tomates cereja cortados ao meio

pesto de manjericão

 

Como fazer:

Siga o mesmo procedimento das bruschettas de salmão, no preparo do pão.

Depois de tostadas as fatias, passe sobre elas o pesto (você encontra opções prontas nos supermercados).

Decore com os tomates cereja cortados ao meio.

 

Dica: as fatias de pão italiano, que têm consistência mais dura, devem ser cortadas com cerca de 1cm. Se você usar um pão mais macio, corte um pouco mais grossas.

Receita de catchup caseiro (servido em embalagem monstruosa)

23 de fevereiro de 2012 1

Foto Márcia Feijó

 

Cachorro quente com catchup é algo que passa pela nossa mesa pelo menos uma vez a cada 10 dias. Principalmente naquelas noites de sexta-feira ou domingo, quando não sobrou energia para preparar um jantar cpmpleto. Em 80% das vezes, o molho do cachorro é feito em casa. E agora, o catchup também. Nunca imaginei que fosse tão simples fazer.

Ingredientes:

1 lata de 340g de extrato de tomate (de preferência que seja bem consistente)

1/2 medida da mesma lata de vinagre de vinho tinto

1/2 medida da mesma lata de açúcar

1 colher (café) de sal

1/4 colher (café) de pimenta do reino (ou mais, se preferir)

1 colher (sopa) de molho de pimenta vermelha

1 colher (sopa) de curry

 

Como fazer:

Misture todos os ingredientes numa vasilha.

Passe água quente em um recipiente e encha com o catchup.

Está pronto para usar.

Rendimento: 2 potes

 Foto Márcia Feijó

As divertidas tampas dos frascos, para catchup e mostarda, eu encontrei no Empório Casa em Florianópolis (a loja fica logo depois do elevado Angeloni Capoeiras, antes de passar por baixo do túnel que leva à São José). São importadas, da marca Evriholder. Mas cuidado, pois elas não se encaixam em qualquer frasco. A Ketchup Kritter entrou na embalagem da marca Hemmer. Já a Mustard Monster, mais larga, só coube naquelas do tipo bisnaga.

 
Empório Casa:
Av. Gov. Ivo Silveira, 3290 – Capoeiras – Florianópolis – Santa Catarina – (48) 3244 1600
Horário de funcionamento: de segunda à sexta-feira das 9h às 19hs; aos sábados das 9h às 14hs
Site: www.lojaemporiocasa.com.br

Pesquisando na internet achei mais modelos, mas estes ainda não encontrei à venda por aqui.

  

 

Reprodução internet

 

Reprodução internet

Como fazer conserva de miniberinjelas

22 de fevereiro de 2012 5

Quando eu era criança, detestava berinjela. Minha mãe as fazia à milanesa, prato típico do sul do país. Não adiantava. A berinjela ficoulá, solitária, na lista de coisas que eu nunca comia até a vida adulta. Mas de uns tempos para cá a lista esvaziou-se de vez. Comecei a curtir a berinjela quando a minha irmã me apresentou sua caponata. E dia desses avancei mais um passo. De pessoa que odiava berinjela, virei uma fazedora de berinjela em conserva. Tudo por conta da minha paixão por miniaturas. Quando vi as miniberinjelinhas na bancada do hortifruti do supermercado, me apaixonei. Decidi fazê-las em conserva, bem acompanhadas de alho e pimenta. Fizeram sucesso lá em casa. Principalmente sobre as bruschettas. Então, divido com vocês a receita que usei. Espero que também gostem.

 

Conserva de miniberinjelas

 

Foto Márcia Feijó

 

Ingredientes:

1 bandeja de miniberinjelas

vinagre

sal

2 dentes de alho picados bem miúdos

azeite extra-virgem

1 ou 2 eaminhos de alecrim

pimenta calabresa seca

 Como fazer:

Lave as berinjelas e corte-as em fatias finas, sem tirar a casca.

Coloque as fatias de molho, por cerca de 1hora, numa tigela com ½ litro de água, 1 colher (sopa, rasa) de sal e 100 ml de vinagre.
Retire a água e deixe no escorredor, sem lavar. Se estiver com pressa, seque as fatias usando papel toalha.
Numa assadeira, disponha as fatias evitando que fiquem umas por cima das outras. Regue com um fio de azeite. Leve ao forno médio para desidratar. Vire-as de tempos em tempos, para que sequem e dourem dos dois lados.

Enquanto a berinjela desidrata, ferva água em uma panela. Mergulhe o vidro onde irá guardar a berinjela na água fervente. Retire-o sem tocar as mãos (usando uma pinça) e coloque sobre uma superfície de madeira ou outra cujo contato não trinque o vidro.

Prove uma fatia de berinjela para verificar o sal.

Dentro do vidro, coloque as fatias de berinjela mesclando com o alho picado, o ramo de alecrim e a pimenta seca. Complete com o azeite. E, se precisar, adicione mais sal.

Vede o vidro (use os herméticos ou passe filme plástico antes de tampar) e espere cerca de três dias antes de consumir.


Receita de sanduíche para os foliões

15 de fevereiro de 2012 2

Criei esta receitinha no ano passado, às vésperas do Carnaval. Aqui vai ela de novo.

Foto Márcia Feijó



Sanduíche folião

Ingredientes

1 pão de sanduíche fatiado sem casca


Molho verde

1 xícara de talos de espinafre picados

1 dente de alho descascado e picado

3 colheres (sopa) de maionese

1colher (chá) de azeite de oliva

6 folhas de manjericão

 

Molho laranja

1 cenoura (tamanho médio) ralada (crua)

2 colheres (sopa) de queijo ralado

1 pitada de sal

1 colher (chá) de azeite de oliva

 

Molho vermelho

1/2 beterraba ralada (crua)

1/2 colher de sal

temperos secos (orégano, manjericão, manjerona, sálvia, cebolinha)

100 g de ricota

1 colher (chá) de azeite de oliva

1 dente de alho descascado e picado

 

Como fazer:

Bater todos os ingredientes do molho verde (menos a maionese) no processador ou no liquidificador. Depois de processado, misturar a maionese e reservar.

Bater todos os ingredientes do molho vermelho no processador ou no liquidificador e reservar.

Misturar a cenoura ralada com o queijo ralado, o azeite de oliva e o sal (molho laranja). Reservar.

 

Montagem:

Alternar fatias do pão de sanduíche e os três molhos, formando camadas coloridas.

Com esta quantidade de molho é possível fazer de 4 a 5 sanduíches.

 

Dica: se não for consumir na hora, embalar em papel alumínio e manter na geladeira.



Cupcake para o Valentine's Day

14 de fevereiro de 2012 1

Gente, chegou o Valentine’s Day e eu nem consgeui preparar um post especial para este dia.

Aliás, não fosse a minha colega Sarah aqui me avisar, tinha passado em branco.

Mas vale lembrar do cupcake preparado para o Dia dos Namorados, no ano passado.

Quem sabe você nãos e anima e espera aquela pessoal especial com um bolinho igualmente especial?

A receita do cupcake apaixonado está neste post.

 

Foto Márcia Feijó

Como fazer um porta lápis de cor personalizado

09 de fevereiro de 2012 3

É hora de voltar para a escola. As livrarias estão repletas de opções com os ídolos musicais e os personagens de desenho animado da televisão (e lotadas de pais e mães). Mas se você gosta de exclusividade, é possível criar vários itens que somente os seu filhote ou “filhota” terá (a não ser que você resolva ganhar um dinheirinho extra vendendo esses artigos).

Com tecidos e estampas coloridas e divertidas, dá para produzir capas reforçadas de cadernos, penal e lancheiras. Sem falar em cases de equipamentos eletrônicos como máquina fotográfica, celular, notebook e iPad que agradam aos grandinhos.

Já mostrei aqui como fazer penal e capa de máquina fotográfica. E como fazer uma capa de iPad cujo processo pode ser adaptado para um case de notebook.

Aqui vai mais uma opção bacana, um case para organizar os lápis de cor, giz de cera ou canetinhas.

Fotos Márcia Feijó


Você vai precisar de:

2 retângulos de tecido (podem ter diferentes estampas) de 30 X 35cm

1 retângulo de manta acrílica de 30 X 35cm

1 pedaço de fita mimosa (cerca de 6cm)

1 botão

linha de costura

agulha

tesoura

alfinetes

máquina de costura


1. Monte um “sanduíche” da seguinte maneira: primeiro a fibra, depois o tecido de fundo com a estampa para cima e, por último, o outro tecido com a estampa para baixo.

2. Na lateral esquerda ou direita, a uns 6cm da borda superior,  prenda a fita com um alfinete entre os dois tecidos, dobrada em duas (a dobra fica para dentro e as bordas para fora), formando uma alça.

3. Costure toda a borda do retângulo deixando cerca de 4cm abertos para desvirar.

3. Desvire a peça (você ficará cum a fibra entre os dois tecidos e estes com as estampas para o lado de fora) e costure o pedaço aberto com pontos invisíveis.

4. Faça uma nova costura em toda a volta do retângulo, a cerca de 1,5cm da borda.

5. Dobre 10 cm da base da peça para o lado de cima dela, como se estivesse criando um bolso. Costure as laterais deste bolso.

6. Costure canaletas na parte dobrada, a cada 2cm, formando os nichos para os lápis.


6. Feche os penal dobrando duas abas laterais uma por cima da outra. A dobra com a alça da fita fica por cima. Na de baixo, prenda o botão na altura da alça formada pela fita.



Os pêssegos em calda do Wando

08 de fevereiro de 2012 0

O cantor Wando, morto hoje pela manhã, não só costumava receber calcinhas das fãs como brindá-las com um presente também: pêssego em calda. Ele entregava o doce diretamente na boca das mulheres.

Então, como despedida, aqui vai uma receitinha bem caseira para relembrar o cantor de Fogo ePaixão.

Foto Márcia Feijó

Ingredientes:

2,5 kg de pêssego (pode ser o brasileiro, mas procure os que possuem uma tonalidade amarelada)

250g de açúcar

1 copo de água

cravos

Como fazer:

Descasque o pêssego tirando a pele delicadamente (procure manter o formato da fruta). Coloque na panela deixando os pêssegos que estiverem mais verdes na parte debaixo. Cubra com o açúcar e um copo de água. Acenda o fogo e acompanhe a calda se formar mexendo delicadamente de tempos em tempos para não grudar no fundo da panela. Quando o pêssego estiver cozinho e a calda adquirir um tom dourado, está pronto.

Dica: escolha pêsssegos que não estejam maduros demais. Principalmente se a intenção for usá-los para decoração de pratos, procure não cozinhá-los muito. Então, desligue o fogo antes de começarem a desmanchar, afaste a panela do bico quente e deixe-a aberta para enfriar logo.

Como preparar minipalmiers ou... orelhas de macaco

06 de fevereiro de 2012 0

Feitos com massa folhada e moldados com um formato inconfundível, eles têm muitos nomes. Na minha infância, pedia por orelhas de macaco na padaria. Mas também são chamados de orelhas de elefante, óculos e folhas de palmeira. Ou palmiers, sua denominação mais chique e atualmente a mais usada.

Fotos Márcia Feijó

A receita da massa folhada não é exatamente para iniciantes na cozinha, mas se você comprá-la prontas, em folhas laminadas, criar palmiers com diferentes sabores é muito fácil. E, servidos com certos acompanhamentos, eles fazem bonito no seu café da manhã, no lanche da tarde ou no brunch.

Aliás, embora ainda sejam menos populares, também é possível fazer palmiers salgados.

Palmiers de laranja

Ingredientes:

1 massa folhada descongelada (folha laminada, caixa 300g)

raspas de 1 laranja

açúcar mascavo (bem desmanchado, sem bolotas)

1 ovo (para pincelar)

Como fazer:

Unte uma assadeira com óleo (ou margarina) e farinha.

Bata o ovo numa tigela pequena. Reserve.

Abra a massa numa superfície antiaderente (pincelada com óleo ou polvilhada com um pouco de farinha). Pincele-a por dentro com metade do ovo batido. Polvilhe o interior da massa com açúcar mascavo e as raspas de laranja.

Pegue uma das extremidades da massa, na largura, e enrole-a até o meio. Faça o mesmo com o outro lado, encostando os dois rolinhos.

Corte as fatias. Ajeite-as para que fiquem com o formato das orelhas, pois a massa fica um pouco achatada. Leve à assadeira e pincele-as novamente com o restante do ovo batido.

Leve para assar em fogo de aproximadamente 200 graus. Leva cerca de 30 minutos para assar e dourar.

Dica 1:

Você pode variar os recheios dando sabores diferentes aos seus palmiers.

Algumas opções: queijo e orégano, chocolate em pó, raspas de limão, queijo e alecrim.

Palmiers de queijo parmesão com orégano

Palmiers com flocos chocolate

Dica 2:

Os palmiers doces podem ser servidos acompanhados de geleia (a da foto é de frutas vermelhas).

Dica 3:

Eles também ficam ótimos sob uma calda de chocolate.

Case de notebook com estampa de jornal

01 de fevereiro de 2012 2

Eis mais um jeito de proteger seu brinquedinho favorito.

Este case de notebook foi encomendado pelo colega Danilo Duarte depois que ele viu a capa de iPad feita sob medida para a Pati Prado.

 O processo de fabricação :0) é praticamente o mesmo. Basta mudar as dimensões. E, como a do notebook é um pouco maior, usei dois botões desta vez para prender a aba.

Veja aqui como fazer.

 O tecido, com recortes de jornal e letreiro do New York Times, é fabricado pela Círculo.

Foto Danilo Duarte