Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts na categoria "Relacionamento"

Ingredientes da sorte para o Réveillon

31 de dezembro de 2011 0

Alguns ingredientes não podem faltar na ceia do Réveillon. Não somente pelo sabor mas porque são considerados verdadeiros amuletos para o ano que começa.

Reprodução internet

Um deles é a lentilha. Na minha família, não só se come uma deliciosa lentilha cozida, como era costume da minha avó distribuir aos netos alguns grãos, dentro de um saquinho d e tecido (chamado “breve”) que deveriam ser mantidos dentro da carteira de dinheiro, para atrair mais.

A carne de suíno também é tradicional na ceia de final de ano. Isto porque o porco “fuça” para a frente. Da mesma forma não é considerado sinal de bom agouro comer aves, que ciscam para trás. A relação é com o andar para frente ou para trás, no ano que começa.

Há pouco descobri que peixes como salmão, atum e bacalhau também são considerados bons para a data. São peixes chamados de corajosos, pelo tipo de água que enfrentam. Assim, trazem a força para driblar as dificuldades.

Reprodução internet

Em casa sempre consumimos nozes, avelãs e castanhas nesta época do ano. E elas também têm um significado interessante. São relacionadas à fartura e ao sucesso.

De Portugal importamos a superstição relacionada à uva. Varia a indicação o número de grãos que devem ser ingeridos bem na hora da virada, mas a dica mais comum é comer 12, um para cada mês do ano. Se estiver na beira no mar, aproveite para pular um onda a cada grão. Dentro de casa, pule com o pé direito.

Reprodução internet

Romã é outra frutinha da sorte. Também deve-se comer os grãos. E, assim como a uva e a lentilha, outra recomendação é guardar as sementes secas na carteira.

Evite excessos na ceia de Natal e Ano-Novo

16 de dezembro de 2011 2

 

Época de festas geralmente é também a de cometer pequenas loucuras contra a nossa própria saúde. A soma de alimentos calóricos, bebidas alcoólicas e doces em profusão é um verdadeiro coquetel molotov no organismo.

Mas também não precisa passar as festas beliscando uma folha de rúcula e sentindo-se uma rena. Com bom senso, é possível aproveitar o banquete sem arrepender-se ou temer as consequências.

Daniel Magnopni, cardiologista e nutrólogo do HCor, de São Paulo, listou algumas dicas importantes para fazer sua ceia mais saudável.

 

- Coma e prove o que sentir vontade, porém tome cuidado com os excessos.

- Beba bastante líquidos, como água e chás. Lembre-se que os sucos também possuem calorias.

- Cuidado com o excesso de álcool e conheça os seus limites.

- Evite sal e cuidado com os aperitivos.

- A gordura saturada e a gordura animal devem ser evitadas.

- Evite pratos com molhos e cremes, pois eles podem estar contaminados devido a exposição da temperatura ambiente, que pode causar distúrbios intestinais.

- Cuidado com os energéticos que podem alterar o ritmo cardíaco.

- No final das festas abuse de frutas, que hidratam e melhoram a digestão.

- Faça pequenas e leves refeições durante o dia. Evite deixar de se alimentar, pois a ausência de líquidos e alimentos pode provocar fraquezas, tonturas e mal-estar.

- Não belisque os alimentos enquanto estiver preparando a ceia, assim evitamos as calorias extras.

- Prepare-se com antecedência. Procure diminuir a ingestão de açúcar e adote uma alimentação light duas semanas antes das festas. Evite ao máximo as carnes vermelhas e os pães.

- Procure preencher o prato com um tipo de carne branca, metade com saladas e o restante com acompanhamentos saudáveis. Escolha apenas um tipo de sobremesa e opte pelas por frutas que auxiliam na digestão, como é o caso do abacaxi.

- Entre todas as opções de carnes existentes para as comemorações de fim de ano, de preferência para as assadas e grelhadas. Se possível retire a pele, pois ela é rica em gorduras e calorias.

- Evite os molhos à base de maionese, prefira os feitos com iogurte.

- Entre as opções de frutas natalinas prefira as frutas frescas (melão, melancia, uva, kiwi, morango), pois são menos calóricas.


Há sol? Coloque as roupas nele

29 de junho de 2011 0

Neste inverno frio que chegou, cada vez que um solzinho apontar, coloque seus casacos e blusões de lã em cabides e espalhe-os por todas as áreas de sol que você estiver disponíveis – mesmo que você more num apartamento. Os raios solares vão fritar os ácaros dessas peças.

Reserve apenas uma área da casa. Arrede  a cadeira mais confortável para o espaço de sol reservado, pegue um livro, sente-se e relaxe. Os raios irão mandar fritasr as teias de aranhas do sue cérebro também!

Se tiver um notebook, puxe para perto mas nem pense em usá-lo para trabalhar. Apenas deixe rolar os vídeos abaixo:




Em tempo: o solzinho que havia hoje pela manhã já era, mas fica a dica para quando ele retornar.

 

Provas de Santo Antônio Casamenteiro

10 de junho de 2011 2

Reprodução internet

A noite do próximo domingo será de comemoração para quem tem namorado. Mas quem não tem também pode se divertir. Na minha adolescência, esta era a ocasião em que fazíamos uma espécie de festa do pijama só para garotas. A véspera do Dia de Santo Antônio era a noite em que, antigamente, se fazia uma série de “provas” – ou seja, simpatias – para adivinhar qual seria o nosso futuro. Principalmente em relação aos relacionamentos amorosos, já que ele é o Santo Casamenteiro. E minha mãe é expert no assunto. Então, nessas noites nós ríamos, comíamos e sonhávamos muito.

Então, que tal reunir as amigas e relembrar esta tradição? Para ajudar, aqui vão algumas dicas de “provas”.

1. Aliança no copo

Pegue uma aliança e amarre na ponta de um barbante. Encha um copo de água e coloque sobre a mesa. Segure o barbante firme sobre o copo, mirando o meio, com uma mão. E, com a outra, segure a aliança. Quando soltar a aliança conte quantas vezes ela bate nas bordas do coppo. Quantas vezes bater são os anos que faltam para você se casar.

Não vale ficar batendo de propósito nas bordas para atrsara o casório, hein!!

2. Cera da vela na água

Encha uma bacia de água. Acenda uma vela e pingue a cera. Analise bem o desenho que se formar pois trata-se de uma pista do que irá acontecer com você em breve.

Alternativa: use uma gema de ovo no lugar da cera quente.

O problema é entender o que a vela (ou o ovo) quis dizer quando a imagem não passa de um borrão.

3. O barquinho vai de encontro ao futuro

Na mesma bacia de água, cole nas bordas papéis os nomes dos seus “candidatos” a namorado.  Faça um pequeno barco de papel e solte na bacia. Santo Antônio irá soprá-lo até que ele atraque junto ao nome certo. Uma alternativa é usar palavras como “viagem”, “casamento”, “trabalho”, “filhos” e descobrir que área terá destaque em breve.

Dica: se colocar apenas coisas boas, já fica com o futuro garantido de qualquer jeito :0)

4. Faca na bananeira

À meia-noite, cravar uma faca numa bananeira. No outro dia pela manhã a seiva terá desenhado na lâmina a inicial do homem com quem você irá se casar.

Bom, esta defintivamente caiu em desuso. Mesmo  que você acredite que uma bananeira vai lhe garantir um marido, hoje em dia ninguém iria sair a esta hora da noite procurando bananeira sei lá aonde, e correndo o risco de ter seu futuro reduzido por algum maluco de plantão.

Uma alternativa mais segura é deixar a tal faca no sereno e conferir no outro dia o que Santo Antônio escreveu nela. (Não, gente, não adianta checar o e-mail, o Facebook ou até o Orkut. Santo Antônio é do tempo em que se deixava mensagens em lâminas de facas mesmo.)


Nestas noites, chegava num ponto que a festa invariavelmente descambava para a mãe contando algumas histórias bem assombradas a respeito dessas provas… e a gurizada se pelando de medo.

Uma dessa histórias (tudo sempre tinha se passado com alguma amiga de infância dela) era a da prova em que a a garota tinha que ficar na frente do espelho à meia-noite para enxergar alguma mensagem do além. E a imagem refletida era algo pavoroso (por via das dúvidas, nunca tente fazer esta).


E, quando a mãe nos tocava para a cama, porque já estava realmente muito tarde, vinha a última prova.

5. O homem certo pra você está embaixo do seu travesseiro

Escreva o nome de homens que você conhece em pequenos papéis. Dobre e coloque-os embaixo do travesseiro. Durma sobre eles, sonhe com os anjos e nam,anhã seguinte, ao acordar, retire um dos papéis. è só ler e descobrir quem será o seu futuro marido.

(Esta é muito simples e a minha preferida. Nunca deu certo, mas eu adorava fazer!)


Bem, ninguém vai acreditar nisso tudo. Mas com uns petiscos gostosos e uma bebidinha quente (se as solteiras em questão forem maiores de idade, claro), a festinha vai ser divertida de qualquer maneira.


Feliz Dia das Mães, meninas!

08 de maio de 2011 0

Um bolinho de chocolate para o lanche da tarde.

Uma calça furada no joelho que precisa de conserto.

Um chá quentinho na cama para espantar aquele resfriado.

Uma solução mágica para tirar a mancha daquela camisa preferida que ganhou um jato de catchup.

Um temperinho plantado na sacada para tornar a comida mais saborosa.

Um blusão tricotado à mão.


Coisas do dia a dia.

Coisas de quem cuida.

Coisas de mãe.

Coisas de quem acredita que não lugar melhor do que a casa da gente – além, claro, do que a casa da mãe da gente.


Um beijo para todas a leitoras do Feito em Casa que são mães.

Mães de seus filhos, de seus netos, dos sobrinhos, dos afilhados, da meninada da rua, de seus cachorrinhos, de seus gatinhos e de seus gatões.


P.S.: Estas duas criuaturinhas aí na foto são a minha melhor produção.


Foto: Mãe Coruja. Data: dezembro de 2005

Melancia nas unhas

02 de maio de 2011 2

Não basta ser mãe de adolescente estilosa. Às vezes tem que virar manicure também. Minha filhota adora um esmalte e eu adoro melancia. Quando vimos a foto deste look no site da revista Capricho, nos puxamos na hora para testar a produção.

Fizemos assim:

1. duas camadas de vermelho Beijo (da Risqué)

2. nas pontas, passamos verde Forest Green (da Arezzo) usando a pontinha do pincel

3. os pontinhos pretos foram feitos usando palito de unha molhado no preto Black Lead (também da Arezzo)

Feliz Dia da Doméstica! Para ela e para você, se conseguiu uma

27 de abril de 2011 3

Reprodução internet

Acabei de saber que o hoje é Dia da Doméstica! Gente, se você tiver uma e estiver contente com o trabalho dela (e), abrace-a (o) muito e acenda uma vela em agradecimento para seu santo protetor . E não esqueça de observar bem os direitos dela (e). Se não souber quais são, vai uma dica aqui.

Não há profissional competente mais difícil de se encontrar em Florianópolis/São José – seja diarista ou mensalista – do que nesta área. Eu já passei por tantos percalços em busca de uma boa empregada doméstica que daria para escrever um livro – ou fazer outro blog – só sobre este assunto. No ano passado, por exemplo, fiquei dois meses e meio em busca de uma. Passei por duas agências. Perdi as contas de quantas entrevistas e testes fiz.

Quando converso com outras pessoas que necessitram deste profissional, ouço exatamente as mesmas questões. As candidatas que aparecem não possuem um preparo ou simplesmente não gostam do que fazem. E, acreditem, é preciso gostar, sim, ter talento, aptidão e muita paciência – esta, de ambos os lados, claro. Não fiquem pensando que só é empregada doméstica quem não conseguiu fazer outra coisa na vida. É preciso valorizar um trabalho que a gente muitas vezes não conseguiria fazer tão bem.

E trata-se de uma relação delicada esta entre patrões e empregados domésticos, que mescla intimidade e profissionalismo. Um contrato de trabalho, sim, mas onde o contratado passa o dia – se não a noite também – na sua casa e na maioria das vezes cuida de seus bens mais preciosos: seus filhos.



Operação torneiras fechadas

17 de setembro de 2010 0

Foto Júlio Cordeiro

Catarinense de apenas 5 anos, Igor Silveira da Silva ganhou um prêmio especial. Ele participou de um concurso da Natura e ficou entre os cinco finalistas. Como resulatdo, a escola onde o Igor estuda, em Governador Celso Ramos, vai receber computadores e hoje seus coleguinhas poderão desfrutar de um show exclusivo com o grupo musical Palavra Cantada, um dos melhores do país, atualmente.

Esta história, matéria publicada no caderno Variedades de hoje (no DC impresso) conta com detalhes. Mas tem um fator muito importante para discutirmos aqui: o Igor ganhou tudo isto com um vídeo de apenas 11 segundos onde ele dá uma importante lição de cidadania: conclama todo mundo a cuidar melhor dos mares e cachoeiras. Isto por que a água é seu “líquido preferido”.

A gente geralmente não lembra que a água é nosso líquido preferido também. Por mais que a gente aprecie outros, é ela que nos garante a sobrevivência.

Então, seguindo o exemplo do Igor, o Feito em Casa repassa uma lista de cuidados para não desperdiçar a água. A maioria das ações pode se refere aos nossos lares. A fonte é o Instituto Harmonia na Terra, de Santa Catarina, que trabalha em parceria com a Natura.

É bem fácil de seguir esta receita. Basta criar o hábito.

1. Praticamente tudo aquilo que consumimos utiliza água em seu processo produtivo. Evite comprar produtos que realmente não necessita.

2. Não deixe a torneira aberta ao escovar dentes e ao fazer a barba. Se você escovar os dentes com a torneira aberta durante 2 minutos, vai gastar mais ou menos 13,5 litros de água, mas só precisaria de 0,5 litros se abrisse a torneira apenas quando necessário. Escovando os dentes três vezes ao dia, o desperdício será de 37,5 litros diariamente.

3. Não dê descargas prolongadas. As bacias sanitárias com caixa acoplada gastam, em média, 12 litros de água a cada vez que a descarga é acionada. Se você tem em sua casa descargas desse tipo e usa o banheiro cinco vezes por dia, gasta 60 litros de água diariamente. Existem bacias sanitárias mais modernas, com apenas 6 litros de água.

4. Diminua o tempo de banho. Uma ducha gasta cerca de 16 litros de água por minuto.

5. Não utilize mangueiras para ”varrer” calçadas e quintais.

6. Otimize a capacidade da lavadora de roupas e pratos.

7. Faça captação da água da chuva em sua casa para lavar o chão, molhar as plantas e lavar o carro.

8. Mantenha a torneira fechada enquanto ensaboa louças e panelas e escova os dentes.

9. Use uma bacia para lavar a louça.

10. Não deixe uma torneira pingando. Uma torneira pingando pouco mais de uma gota por segundo, em média, pode desperdiçar em um dia 46 litros d´água. Em um ano, esse desperdício chega a 16.500 litros.

11. Para produzir 1 kg de carne bovina gastam-se até 15 mil litros de água, enquanto são necessários menos de 500 litros de água para se obter 1 kg de soja. No Brasil, 45% da água doce é gasta na pecuária. Procure reduzir o consumo de carne.

12. Verifique instalações hidráulicas e conserte os vazamentos. Um buraco de 2mm (um pouco maior do que a cabeça de um alfinete) em um cano desperdiça até 3.200 litros de água em um dia. Em um mês, o desperdício desse pequeno vazamento pode chegar a 96.000 litros, suficientes para suprir as necessidades de água potável dessa família por quase 33 anos.

13. Proteja os mananciais plantando árvores nativas nas matas ciliares.

14. Para o tratamento de esgoto invista em um tratamento ecológico com tecnologias de evapotranspiração ou zona de raízes.

15. Não utilize venenos, agrotóxicos ou fertilizantes químicos em hortas ou jardins.

16. Denuncie qualquer agressão e poluição a mananciais, rios e mares.

Para assistir ao vídeo que o Igor fez para o concurso da Natura, acesse aqui.

 

Cardápio adequado para receber os amigos

12 de setembro de 2010 1

Atualmente tenho percebido um sensível aumento de pessoas alérgicas a determinados alimentos, no meu círculo de amigos e parentes. E acho que não sou só eu, pois até o McDonald’s colocou, junto aos caixas, uma lista dos ingredientes usados em seus produtos que podem provocar reações alérgicas.

Esta é uma questão importante a considerar quando você tem convidados para as refeições em sua casa. É sempre bom sondar se entre eles não há pessoas alérgicas à glúten (celíacos), intolerantes à lactose, gente que possui alergia à amendoim, frutos do mar e outros alimentos bem comuns.  Ou, ao fazer o convite, é interessante comunicar o cardápio, para que os alérgicos tenham oportunidade de se manifestar.

Se houver alérgicos a ingredientes que você pretende usar, é bom saber de antemão, para poder adequar os pratos ou preparar algo especial como alternativa. Afinal, seria constrangedor ter um convidado à mesa que irá acompanhar a refeição só com os olhos.

Fique à vontade, o Feito em Casa é seu

06 de setembro de 2010 5

Cozinhar, costurar, cuidar das plantas, decorar, preparar a casa para receber convidados, resolver pequenos dilemas do cotidiano eram tarefas antes relegadas somente às donas de casa. Hoje, a maioria das mulheres trabalha fora e o tempo para executar estas atividades diminuiu. Mas embora a gente viva num mundo bem mais prático, a maioria das tarefas domésticas não deixou de existir. E para muitas pessoas, estar em casa às voltas com estes afazeres faz parte da rotina, seja ela agradável ou não.

Este blog é dedicado tanto para àqueles que não têm muito tempo para o lar doce lar, e necessitam de dicas práticas de como atender às demandas casa, quanto para aqueles que gostam mesmo de reservar parte do seu tempo de folga para torná-la um pouco mais aconchegante. Aqui você vai encontrar segredinhos de como tirar de letras as tais “prendas domésticas”, como jardinagem, decoração, artesanato, receitinhas caseiras e muitas outras coisas.

Quem me conhece já deve estar pensando: tudo o que ela adora fazer. E é verdade. Então, gostaría de recebê-los no Feito em Casa, um blog ao estilo “chá com biscoitos quentinhos na mesa da cozinha”.