Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "peixe"

Receita da Tainha Fresca

14 de maio de 2012 4

Este post é do ano passado, mas em tempos de tainha, vale a pena repetir:

Foto Márcia Feijó

- A minha é das grandes, com ova, viu moço?

- Eu quero duas menores. Tem da limpa?

- O senhor pode tirar a cabeça? Mas eu quero levar junto, pro pirão.

O Mercado Público de Florianópolis fervilhava, ao fim da manhã do último sábado, com o povaréu todo tentando garantir a tainha do final de semana. Com ova, sem ova, limpa, com escama, grande ou pequena. A preferência do freguês varia na hora de escolher o peixe.

No momento de fazer, mais ainda. Bastou postar aqui, dias atrás, umas dicas sobre como preparar a tainha, e vários leitores contriburam com propostas mais ou menos ortodoxas.

Na verdade, nem era só o Mercado que fervilhava, todo o Largo da Alfândega era um grande convite ao paladar. Ao lado, havia a feira livre, com suas verduras, frutas, ervas, embutidos, biscoitos. E mais adiante, havia a Feira do Mel. Almoço e sobremesa garantidos, com produtos saudáveis e a preços menores.

Minha filha, nascida na era dos supermercados e que nunca havia presenciado este tipo de feira, achou tudo muito “medieval”, mas divertido. O caçula fez cara feia para um caldo de cana, de início, mas acabou cedendo à provinha e se esbanjando no líquido adocicado. Aproveitou já para petiscar umas bolachas coloniais. Eu e o Jacy matamos as saudades das feiras de nossa infância.

O resultado do passeio de sábado pelo Largo da Alfândega foi uma bela tainha assada, ontem, acompanhada de pirão, molho de camarão, arroz branco e salada verde. Já para a minha manezinha que não come tainha, um salmão grelhado especial, mas também lá do mercado.


Tainha Fresca*

Ingredientes:

1 tainha limpa (óbvio)

folhas de louro secas

alfavaca fresca

tomilho seco

manjericão seco

sal temperado com alho (ou sal + um dente de alho)

limão


Para o pirão:

1 cabeça da tainha

4 copos de água

extrato de tomate

sal a gosto

farinha de mandioca


Como fazer:
Temperar a tainha, regar com o sumo do limão e reservar. Forrar a assadeira com papel alumínio. Retirar a cabeça da tainha (guardar para fazer o caldo do pirão) e colocá-la na assadeira. Levar ao forno cuidando de tempos em tempos para não deixar secar demais.

Gente, o leitor Carlos me alertou que a explicação de como temperar o peixe não está clara. Então, é o seguinte: pode simplesmente espalhar os temperos (louro, alfavaca, tominho e manjericão) e sal no peixe, depois regar com o sumo do limão por cima. Ou, como eu gosto de fazer, misturar temperos e sal num potinho, adicionar bastante suco de limão e depois regar o peixe, por dentro e por fora, com este caldo temperado.

Nos primeiros minutos, gosto de deixar um pedaço de papel alumínio sobre o peixe também. Mas depois de meia hora, é preciso tirá-lo para permitir que a pele seque e fique douradinha.

Leva cerca de 1 hora para assar em fogo médio, se a tainha tiver um tamanho de médio a grande (o tempo vai depender da potência do forno).


Como fazer o pirão:

Coloque a cabeça do peixe para ferver em cerca de 4 copos de água. Depois que estiver cozida, adicione sal e uma colher de extrato de tomate ao caldo. Retire a cabeça da panela e reserve o caldo.

Deixe para finalizar o pirão  quando a tainha estiver prestes a ir para a mesa. Com o fogo ligado, despeje a farinha de mandioca aos poucos mexendo vigorosamente para não embolotar.

Se por acaso a farinha embolotar, um jeito de recuperar o pirão é usar um mixer de mão para desmanchá-la. Retire o pirão da panela, bata levemente num recipiente plástico e retorne-o à panela.


* A receita ganhou o nome de Tainha Fresca porque foi temperada com várias ervas. E a tradição local manda que a tainha seja temperada apenas com sal e limão.


Quer mais dicas sobre tainha? Confira aqui.

 

Agenda de novembro do Caminhão do Peixe

03 de novembro de 2011 0

Depois de uma pausa no feriado, o Caminhão do Peixe segue circulando por São José, sempre de terça a sábado, das 7h30min às 12h.

Entre as opções disponíveis há filé empanado, filé de pescada, isca de peixe, ostra gratinada, filé de sardinha, filé de linguado, caldeirada, casquinha de siri, sardinha, gordinho, linguado, camarão, corvina, espada, bolinho de siri, bolinho de camarão, empanado, salmão, cação em posta e anchova fresca.

Confira a programação:

Hoje – Pátio da Igreja - Los Angeles

4/11 – Pátio da Igreja - Sertão do Imaruim

5/11- Praça de Barreiros – Barreiros

8/11 – Centro de Ensino Fundamental Califórnia – Forquilhas

9/11 - Em frente ao Colégio Municipal Renascer - Cristo Rei

10/11 - Em frente ao Posto de Saúde - Bela Vista

11/11 – Centro Educacional Municipal Luar – Serraria

12/11 – Pátio da Igreja Santo Antônio – Campinas

15/11 – Feriado

16/11 – Igreja Sagrados Corações – Barreiros

17/11 – Igreja Nossa Senhora Aparecida - R oçado

18/11 – Creche Nossa Senhora Aparecida - Dona Wanda

19/11 - Em frente ao Colégio Barreirão - Bairro Ipiranga

22/11 – Igreja Santa Cruz – Areias

23/11 – Lanchonete Varandão – Potecas

24/11 – Igreja Nossa Senhora do Rosário - Final da Rua Iano

25/11 – Drive do Arthur – Forquilhas/ Vila Formosa

26/11 – Ginásio de Campinas – Campinas

29/11 – Em frente ao Ginásio Municipal – Zanelatto

30/11 – Igreja Nossa Senhora dos Navegantes – Serraria

01/12 – Centro Municipal Araucária – Serraria

Caminhão do Peixe em outubro

03 de outubro de 2011 2

O Caminhão do Peixe segue circulando por São José.

O local varia, mas o horário é sempre das 7h30min às 12h.

Confiram o calendário:


04/10 (amanhã) – Centro Educacional Municipal Araucária, no Bairro Serraria

05/10 – Lanchonete Varandão, Potecas

06/10 – Igreja Nossa Senhora do Rosário, no final da Rua Iano

07/ 10 – Ginásio de Campinas, no Bairro Campinas

08/10  - Drive do Arthur, Loteamento Vila Formosa, Bairro Forquilhas

11/10 – Em frente ao Ginásio Municipal Jardim Zanelatto

13/10 – Igreja Nossa Senhora dos Navegantes, no Bairro Serraria

14/10 – Centro Ed. Municipal Morar Bem, Serraria

15/10  - Colégio Santa Terezinha, no Bairro Forquilhas

18/10 – Centro Educacional Municipal São Luiz, São Luiz

19/10  - Pátio do CATI, Avenida Beira-Mar

20/10 – Ao lado da Agropecuária do Chico, Fazenda Santo Antônio

21/10 – Pátio da Igreja Colônia Santana

22/10 – Pátio da Igreja São Francisco, Forquilhinha

25/10 – Ginásio Municipal Picadas do Sul

26/10  - Pátio da Igreja Católica, Procasa

27/10   – Pátio do Colégio Ceniro Martins, Ceniro Martins

28/10  - Frente ao Ginásio Municipal, Centro Histórico

29/10  - Praça Eugênio Raulino Koerich, Kobrasol

Caminhão do Peixe - agenda de agosto

01 de agosto de 2011 0

 

O Caminhão do Peixe divulgou sua programação até o dia 17 de agosto. Estes são os pontos onde o veículo frigorífico estará nos próximos dias, sempre das 7h30min às 12h.


São vendidos no Caminhão produtos como cação em posta, casquinha de siri, gordinho, filé de peixe, posta de espada, isca, sardinha, linguado eviscerada e mistura de peixe eviscerada.


O projeto, que tem sido um grande sucesso, é desenvolvido pela Prefeitura de São José e pela Fundação Municipal do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável em parceria com a Colônia de Pescadores Z-28 e o Ministério da Pesca e Aquicultura.


Calendário:


 2/08 (amanhã) – Igreja Santa Cruz no Bairro Areias


3/08 – Centro Educacional Municipal Luar no Bairro Serraria


4/08 – Igreja Sagrados Corações no Bairro Barreiros


5/08 – Igreja Nossa Senhora Aparecida no Bairro Roçado


6/08 – Centro Educacional Municipal Maria Iracema Martins de Andrade (Barreirão) no Bairro Ipiranga


9/08 – Creche Nossa Senhora Aparecida na comunidade Dona Wanda – Bairro Serraria


10/08 – Centro Educacional Municipal Araucária no Bairro Serraria


11/08 – Lanchonete Varandão no Bairro Potecas


12/08 – Igreja Nossa Senhora do Rosário no Final da Rua Iano – Bairro Barreiros


13/08 – Ginásio de Campinas – Bairro Campinas


16/08 – Ginásio Municipal Jardim Zanelatto


17/08 – Igreja Nossa Senhora dos Navegantes no Bairro Serraria








 






Tem lanço de tainha no Gastronomia

01 de julho de 2011 0

Foto Márcia Feijó

Hoje é dia de tainha no caderno Gastronomia do DC e não custa lembrar aqui algumas dicas sobre este e outros peixes.

- Se a tainha não estiver eviscerada, ou seja, limpa, ela só irá durar no máximo dois dias na geladeira. Limpa, guardada no congelador, inteira ou em postas, a durabilidade é muito maior.

- Guarde o peixe ainda não limpo embrulhado em papel alumínio, para o cheiro dele não se espalhar pela geladeira.

- Tainha fresca é muuuito melhor. Mas se você a manteve congelada, descongele dentro da própria geladeira, cerca de 6 horas antes de prepará-la.

- Outros temperos recomendados para pratos à base de peixe: coentro e estragão.

- Carne de peixe “pega” tempero muito rápido. Portanto, é bom não deixá-la marinando. Tempere e coloque em pouco tempo no forno.

- Depois de usar a panela para cozinhar o peixe, ferva nela água com folhas de chá para tirar o cheiro.

- Ferver uma caneca de água com tiras de casca de laranja também ajuda a tirar op cheiro de peixe da cozinha.


Aqui no blog também tem dicas de como escolher o peixe, mais informações sobre o preparo e a receita da Tainha Fresca.


Chegou mais tainha. Fica de olho nas dicas

09 de junho de 2011 0

Apareceu mais tainha na Ilha, ontem, desta vez na Barra da Lagoa. Nada menos do 15 toneladas. Então, ficam valendo as dicas deste post e as colaborações dos leitores – desde os mais tradicionais até as propostas mais gourmet.

 


Roteiro do Caminhão do peixe

02 de junho de 2011 0

O Caminhão de Peixe, que faz parte de um projeto da Prefeitura de São José com o objetivo de disseminar o consumo de pescados, continua circulando pelos bairros.

Filé de peixe, isca, casquinha de siri, posta de espada, gordinho, linguado eviscerada, mistura de peixe eviscerada e sardinha são alguns dos produtos comercializados.

A cada dia o veículo é estacionado num local diferente, onde fica das 7h30min às 12h.

Aí vai a rota:

Amanhã – pátio da Igreja Católica  Sertão do Maruim

4 de junho (sábado) – em frente ao Colégio Maria Luiza de Melo, no Bairro Kobrasol

7 de junho (terça-feira) – Centro de Ensino Fundamental Califórnia, no bairro   Forquilhas

8 de junho (quarta-feira) – pátio da Igreja Santo Antônio, no Bairro Campinas

9 de junho (quinta-feira) – ao lado da Lanchonete Varandão, no Bairro Potecas

10 de junho (sexta-feira) – em frente ao Posto de Saúde Bela Vista

11 de junho (sábado) – praça do Bairro Barreiros (hummm…. que tal fazer um peixinho no Dia dos Namorados?)

14 de junho (terça-feira) – pátio da Igreja Nossa Senhora do Rosário

15 de junho (quarta-feira) – estacionamento Fundação Municipal de Esporte e Lazer, na Avenida Beira-Mar

16  de junho (quinta-feira) – em frente ao Colégio Renascer, no Bairro Real Parque

17 de junho (sexta-feira) – em frente ao Centro Educacional Luar, no Bairro Serraria

18 de junho (sábado) – Drive do Arthur, no Loteamento Vila Formosa, No Bairro Forquilhas

21 de junho (terça-feira) – pátio da Igreja Santa Cruz, no Bairro Areias

22 de junho (quarta-feira) – pátio da Igreja Sagrados Corações Barreiros

28 de junho (terça-feira) – em frente ao Ginásio Municipal do Jardim Zanelato

29 de junho (quarta-feira) – pátio da Igreja Nossa Senhora de Fátima, Serraria

30 de junho (quinta-feira) – em frente Igreja Nossa Senhora Aparecida, Roçado

1 de julho (sexta-feira) – Centro Educacional Municipal Araucária, Serraria

2 de julho (sábado) – em frente ao Centro Educacional Municipal Professora Maria Iracema Martins de Andrade (Barreirão), no Bairro Ipiranga


Olha o peixe!

29 de abril de 2011 2

Sexta-feira Santa já passou, mas comer pescado faz bem para saúde em queluer dia e o Caminhão do Peixe segue circulando pelos bairros de São José.

Ele fica estacionado das 7h30min às 12h.

O itinerário da próxima semana é este:

3/5 – Pátio da Secretaria de Infraestrutura – Bairro Areias

4/5 – Em frente ao Ginásio Zanelatto – Bairro Jardim Zanelatto

5/5 – Em frente Igreja Católica Nossa Sra. Aparecida – Bairro Roçado

6/5 – Centro Educacional Municipal Araucária – Bairro Serraria

7/5 – Em frente ao Colégio Municipal Barreirão – Bairro Ipiranga

 

Entre os dias 9 e 14 de maio, o veículo frigorífico estará em manutenção.

Já experimentei as postas de cação (ensopadadas) e o filé empanado feito com uma mistura de peixes. Aprovado!

No caminhão você também encontra iscas de peixe, casquinhas de siri, postas de espada, gordinhos, linguados eviscerados e sardinhas, entre outros.

Como escolher o peixe para Sexta-feira Santa

18 de abril de 2011 1
Foto Fabrizio Motta
 
A Sexta-feira Santa está chegando. Então, antes de seguir para a peixaria, vamos recapitular os 9 dicas para comprar um bom peixe:
 
Fica frio aí

 Em primeiro lugar, os peixes devem ser mantidos sob refrigeração ou envoltos em uma espessa camada de gelo, mesmo que sejam frescos.

Encare-o de frente

Os olhos de um peixe fresco jamais se encolhem nas órbitas. Eles devem estar brilhantes e salientes, sem pontos brancos no centro.

Saradão é bem melhor

Se tiver um saquinho de plástico à mão, coloque na mão e verifique a textura. A carne deve ter elasticidade e não soltar dos ossos facilmente.

Pele descamando não

As escamas também devem estar resistentes, além de parcialmente transparentes e brilhantes.

Tudo vermelho

Aproveite e investigue as brânquias. Vermelho é a cor delas. Se perceber um líquido pastoso (muco), isto não é bom sinal.

Meta a mão nas guelreas dele

Um peixe de boa procedência oferecerá resistência a este seu ato invasivo. A pele sobre as guelreas deve ser rígida e também devem estar vermelhas na parte interna, com vasos sanguíneos cheios.

Era um peixe sem máculas

A pele precisa ser úmida e também demonstrar elasticidade. Sem manchas, cortes ou furos.

Gélido e sem frescuras

As mesmas dicas valem para o peixe congelado. Confira ainda se a embalagem não contém acúmulo de líquido e se o peixe não está mole – sinal de que está descongelando ou foi descongelado.

Diga-me onde vives e te direi quão congelado estás

Observe ainda o balcão frigorífico. Se tiver água ou gelo concentrado em alguns pontos, é porque este não teve a temperatura ideal mantida. Ou seja, ficou desligado ou com temperatura inadequada quando não tinha movimento no mercado.

Feito em Casa vai ao Caminhão do Peixe

12 de abril de 2011 0
 Fotos Jacy Gubert

 

 O Caminhão do Peixe já divulgou sua programação até o final de mês de abril. Parece que o projeto da prefeitura de São José que pretende incentivar está dando certo mesmo. Ainda mais neste período pré-Semana Santa.

Hoje ele está no bairro Campinas, no pátio da Igreja Santo Antônio.

Estive lá às 7h30min para conferir. Fila bem organizada, atendimento gentil, produtos de excelente qualidade.

Comprei postas de cação e filé empanado, uma mistura de vários peixes que, segundo as atendentes,é ótima opção para crianças, pois não tem espinhas.

De lambuja, hoje é dia da feira de hortifrutigranjeiros no pátio da mesma igreja. Ou seja, dá para garantir ali um almoço bem saudável.

O caminhão fica nos pontos das 7h30min às 12h.

A Aline e a Doroti, que atendem no veículo, também têm boas dicas sobre o preparo dos pescados vendidos no local. Esse aí na mão é o gordinho, um peixe ainda pouco conhecido mas que as meninas recomendam.

 

Confira aqui mais informações e dicas de receitas.

 

Calendário

Hoje – pátio da Igreja Santo Antônio, em Campinas

Amanhã – em frente ao Colégio Maria Luiza de Melo, no Kobrasol

Dia 14 – estacionamento Fundação de Esporte, na Avenida Beira-Mar de São José

Dia 15 – pátio da Igreja Católica, Procasa

Dia 16 – em frente ao Centro de Saúde do Bairro Bela Vista

Dia 18 – em frente do Colégio Municipal Renascer, no Bairro Real Parque

Dia 20 – em frente ao Ginásio Municipal de Areias

Dia 26 – pátio da Igreja Nossa Senhora do Rosário, no Bairro Roçado

Dia 27 – em frente a Colônia de Pescadores, na Serraria

Dia 28 – em frente ao Centro de Educacional Municipal Luar

Dia 29 – praça de Barreiros (ao lado do 7º Batalhão Militar)

Dia 30 – em frente à Igreja de Barreiros