Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Perfil de Waldemaro Ferreira

21 de novembro de 2015 0

O mês de novembro é marcado pela campanha de conscientização e prevenção do câncer de próstata, realizada por diversas entidades em todo o país, chamada Novembro Azul. O movimento surgiu em 2003 na Austrália, em razão das comemorações do Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata em 17 de novembro.
Em Blumenau a Secretaria de Saúde realiza várias ações de prevenção e informação nas unidades de saúde e ambulatórios. Aproveitando a data, a entrevista de hoje é com o médico blumenauense Waldemaro José Ferreira, especialista no assunto.
Ele escolheu a medicina influenciado pelo irmão mais velho, o cardiologista Alexandre Ferreira, que sempre foi um ídolo para ele, e assim procurou seguir seus passos. Optou pela Urologia como especialidade por ser uma área cirúrgica mesclada com muita clínica, conta ele, e também definiu sua escolha espelhado no professor curitibano João Átila Rocha.
Waldemaro se formou na Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Paraná em 1980 e atua em Blumenau desde 1983. Casado com Marla Couto Ferreira, é pai de três filhas. Para seu orgulho, uma delas, a mais nova, segue seus passos na carreira e é estudante de Medicina na Furb. Carismático, assim como o irmão, ele conta um pouco de sua vida e também sobre este mês especial.

Hobby: triathlon (nadar, pedalar e correr, nesta sequência).

Lugar inesquecível: Isla del Sol, na Bolívia.

Música: Canção da América, de Milton Nascimento.

Mania: não sossegar.

Filme: Perfume de Mulher.

Luxo: BMW.

Não vive sem: minha esposa, Marla.

Sonho: escalar o Everest.

Caos: o terrorismo causado pelo Estado Islâmico.

Comida preferida: picanha do restaurante Figueira Rubaiyat (SP)

Cidade em que moraria: Auckland, na Nova Zelândia.

Qual a importância da campanha Novembro Azul? É de extrema importância para conscientizar os homens que o diagnóstico se deve fazer antes dos sintomas e a doença pode ter cura nas fases iniciais.

A procura por um especialista aumenta neste período do ano? Aumenta muito. Algo como 60% em novembro e dezembro.

O câncer de próstata é facilmente diagnosticado? Sim, com o toque retal, que dura seis segundos, e o exame de sangue PSA (Ptostatic Specific Antigen, que é uma proteína produzida só pela próstata e que aumenta no caso de doenças desta glândula).

Qual um sintoma característico da doença? Na fase inicial não tem nenhum sintoma. Nos casos mais avançados pode determinar dificuldade para urinar, aumentar a frequência miccional, principalmente à noite, urgência miccional. Estes sintomas podem estar presentes também no aumento benigno da próstata, que é muito mais comum.

Existe algum modo de prevenir além do exame precoce? Estudos mostram que atividade física regular e alimentação pobre em gorduras podem diminuir a incidência do câncer.

O preconceito do exame ainda causa uma alta incidência dos casos? Sem dúvida. Muitos homens só consultam quando pressionados pela esposa e filhos. Muitos têm vergonha que os amigos saibam e façam piadas de mau gosto.

Com que idade deve se fazer o primeiro exame? Em geral após os 50 anos. Homens que tenham pais ou irmãos com a doença devem começar mais cedo, aos 45.

Conselho: fazer exercícios deixará você feliz. Corra, mexa-se, pratique esportes.

Frase: “Não existe caminho para a felicidade. A felicidade é o caminho”, de Mahatma Gandhi.

Waldemaro- foto de Patrick Rodrigues

Waldemaro- foto de Patrick Rodrigues

Dê sua opinião

comentários

Envie seu Comentário

%d blogueiros gostam disto: