Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts de maio 2017

Franquia espanhola de chás gourmet abre sua primeira loja em SC

31 de maio de 2017 0
md2016_03_22-131314

Chás

image1-6

Ervas


O gosto pelo chá e infusões acompanha a nutricionista catarinense Luiza Kasulke, 24 anos, desde a infância quando tomava a bebida junto à família. Uma ida a Porto Alegre, no final de 2016, para um show de rock a levou à uma loja da Tea Shop, na charmosa e movimentada rua Padre Chagas.

- Tive uma experiência multissensorial incrível, que aguçou meus cinco sentidos. Desde a iluminação ao espaço aconchegante até o aroma incrível e sensível e a música tranquila. Me encantei. Comprei alguns chás, trouxe para casa e não parei de pensar que poderia abrir uma franquia em Floripa – conta a nutricionista.

A primeira franquia espanhola da Tea Shop em Santa Catarina inaugura nesta quarta-feira, dia 31 de maio, no Shopping Iguatemi. A ideia de trazer a marca ao país foi de Michel Bitencourt de Melo, que a conheceu quando fazia MBA em Barcelona e agora é diretor geral no Brasil. A primeira loja abriu em Porto Alegre, em 2013. O processo de expansão da marca se deu de forma mais forte a partir da metade do ano passado. Atualmente são nove no país com meta de inaugurar mais três até final de junho, incluindo a da Capital. A loja de Florianópolis oferecerá um espaço gourmet, com seis mesas disponíveis para clientela e cardápio de doces e salgados para harmonizar com os chás e as infusões.

A Tea Shop tem mais de 100 tipos de chás gourmet, que podem ser bebidos tanto quentes quanto gelados. Entre os chás, a marca oferece as versões preto, vermelho, branco, verde, azul (também chamado de oolong) e descafeinado. Já as bebidas chamadas apenas de infusões (por não conterem a planta do chá) levam tanto ingredientes tradicionais, como maçã, canela e ervas, quanto opções mais ousadas, como rosas, casca de cacau e pimentas.  Uma das mesclas exclusivas é a Gracia Blend, a mais antiga da marca e sucesso de vendas, que reúne baunilha, casca de laranja e pétalas de rosa, de marianinha e de girassol. A mistura está disponível nas versões preto, verde, vermelho, branco e descafeinado, além da versão Rooibos, um arbusto sul-africano rico em sais minerais e sem cafeína.

A marca também oferece acessórios charmosíssimos para o cliente preparar seus chás, bem como decorar. São canecas, bules, infusores, latas. Tudo para trazer o melhor do universo dos chás para o dia a dia do cliente.

- O aumento do consumo da bebida é mundial, e o Brasil vem acompanhando esse desenvolvido. Por isso é que a rede vem registrando crescimento desde que chegou ao país, tanto em número de lojas quanto em faturamento – avalia Bitencourt.

Sobre a Tea Shop

Com modelo de negócio atrativo e em pleno crescimento, a Tea Shop tem muita história para contar. Fundada em 1990 em Barcelona, e com mais de 70 lojas espalhadas por dois continentes, a Tea Shop lança o programa de franquias no país justamente quando o mercado de chás está aquecido por aqui. Supersaudáveis, os chás são a bola da vez no Brasil para quem quer manter a forma e investir em qualidade de vida. Especialista no assunto, a Tea Shop – que desembarcou em Porto Alegre pelas mãos do empresário Michel Bitencourt , possui um completíssimo portfólio de produtos renovado por coleções, com mais de 100 tipos de chás e acessórios exclusivos. Naturais e com diversas funcionalidades, os produtos da Tea Shop entregam saúde e bem estar para quem os consome, além da experiência de compra diferenciada no ponto de venda. As lojas seguem o padrão internacional da marca, assim como a ambientação e o atendimento. Ou seja, sinal de bons negócios e sucesso certeiro.

Katz Orange em Berlim

31 de maio de 2017 0

Um dos restaurantes mais bacanas e modernos de Berlim é o Katz Orange. O restaurante tem uma pegada contemporânea e um conceito slow food- movimento que ressalta a qualidade, produtos artesanais, a forma do cozimento e o prazer em si da refeição. Em recente viagem, pude conhecer o espaço, que já na chegada chama a atenção, pois fica escondido em um pátio de uma antiga construção, lembrando um pequeno palacete. São poucas mesas e no verão, o terraço pode ser usado. Os pratos são servidos ou individualmente ou para 2 pessoas, em mini panelas Staub, um charme. Nosso pedido: Candy on Bone de cordeiro com especiarias e cuscuz e costela cozida por horas com batatas e cebolas crocantes. Fica o endereço: Bergstrasse 22. Superindico!

 

FullSizeRender-101

Panelinhas Staub

FullSizeRender-102

Pátio do restaurante

FullSizeRender-99

Meu escolhido

House of Cards - Quinta Temporada

30 de maio de 2017 0

Hoje a quinta temporada da série política chega ao Netflix chegando. Frankie Underwood até manda recado nos Stories do perfil de Instagram do House of Cards, deixando os fãs eufóricos.

Claire Underwood e Doug também prometem incendiar a temporada, que em seu último episódio termina com a frase impactante  de Frankie “nós não nos submetemos ao terror, nós fazemos o terror“. Dá um frio na barriga, não é?!

Eu sou fã desde a primeira e selecionei minhas frases preferidas abaixo.

Ah! Espero que sim, que eles possam nos surpreender, ao contrário do tweet lançado esses dias com um debochado “Está difícil competir” satirizando nossa situação por aqui.

Então seguem as eleitas e bom seriado a todos!

“Decisões baseadas em emoções não são decisões. São instintos.”

“Afinal, não somos nada mais nada menos do que escolhemos revelar. ”

“Não sei se reparou ou não, mas a política já não é só teatro. É um espetáculo”

“Amigos se transformam nos piores inimigos.”

Todas muito verdadeiras nos tempos de hoje.

Curtiram?

FullSizeRender-104

Frankie e Claire

FullSizeRender-103

Doug

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Homenagem no Museu de Hábitos e Costumes

30 de maio de 2017 0

Muito bacana a exposição que o Museu de Hábitos e Costumes prepara para homenagear a saudosa colunista social Neusa Manzke. Ela será lembrada na mostra que exibirá suas roupas e trajes usados nas festas e nas edições da Noite de Gala Catarinense, evento que Neusa promoveu por muitos anos. Quase todos os vestidos foram confeccionados por Gesoni Pawlick, estilista de Florianópolis, que nos deixou este ano.
A abertura da exposição será no dia 11 de julho no museu que fica na Rua Alwin Schrader. A visitação será de terça-feira a domingo, das 10h às 16h. Neusinha, dedicou 26 anos de carreira neste espaço que hoje ocupo e sempre muito querida e lembrada por todos, merece tal deferência.

FullSizeRender-100

Neusa em uma das edições da Noite de Gala

 

 

Projeto Meu Primeiro Livro

30 de maio de 2017 0

Muito bacana o projeto lançando pelas Livrarias Catarinense chamado Meu Primeiro Livro. O principal objetivo da ação é reunir pais e filhos para ouvir histórias infantis, estimular a imaginação nas crianças e dar a oportunidade para que os pequenos escrevam sua primeira obra.

A iniciativa  segue até outubro e é gratuita. Ela será realizada junto com a Hora do Conto, que ocorre sempre aos sábados nas lojas, em horários variados.

“Nosso desejo é fazer com que toda família desenvolva ou amplie o hábito da escrita e da leitura, em especial as crianças. E para isso vamos incentivar ainda mais a participação dos pais e filhos ao longo de 2017. Será um orgulho ver os pequenos lançando sua primeira obra”, explica Augusto Pedri, diretor de marketing do Grupo Livrarias Curitiba, que administra a Livrarias Catarinense.

 Como irá funcionar

Após ouvirem as histórias interpretadas pelos contadores profissionais, as crianças, de qualquer idade, irão receber uma folha de atividades para relatarem ou desenharem o que aprenderam a respeito da fábula apresentada.

A cada oito participações elas irão ganhar um brinde surpresa e ao completarem  20 presenças ao longo do ano suas páginas vão se transformar em um livro infantil.

 Em outubro a Livrarias Catarinense irá recolher o material – que ficará guardado com os pais no decorrer do ano – e enviar para uma gráfica para que seja montado o livro . A obra será entregue gratuitamente à família e ao autor mirim, que poderá lançar oficialmente, em novembro, a sua obra dentro de uma das dez lojas em Santa Catarina.

Adorei!

foto divulgação

foto divulgação

 

Corrida de rua em prol da Escola de Cães Guia Helen Keller

30 de maio de 2017 0

O Movimento Faça Mais e a Corre Brasil se unem na corrida que acontece no próximo domingo, 4 de junho, em Itajaí, com toda renda revertida para a Escola de Cães Guia Helen Keller, com sede em Balneário Camboriú. Essa é uma oportunidade de aliar a prática da corrida e da caminhada e ser solidário ajudando a manter a instituição que há cerca de 20 anos atua na formação de animais que acompanham deficientes visuais. A corrida chamada de Run4More acontece em Itajaí, com saída às 8h, da Pousada Soleil da Brava, na Praia Brava, e terá trajetos de 5km e 10km (solo e duplas), além de caminhada de 3km, que podem ser feitas na companhia dos animais.

 

Todos os recursos arrecadados com a realização da prova serão destinados ao espaço de treinamento de cães guia que já entregou 23 cães e, atualmente, conta com sete em fase de socialização. As inscrições estão abertas no valor de R$ 60 e podem ser feitas através do sitewww.correbrasil.com.br. As provas iniciam às 8h no Soleil da Brava (Rua Carola Coelho, 57, esquina com Av. José Medeiros Vieira) na Praia Brava.

 

Sobre a Escola de Cães Guia Helen Keller

Há cerca de 20 anos, a Escola de Cães Guia Helen Keller (ECG-HK) começou uma trajetória inovadora para o Brasil. Com referências internacionais, muita vontade e um grupo de amigos, o Dr. Augusto Luiz Gonzaga iniciou a entidade em Florianópolis. Em 2008 a ECG-HK mudou-se para Balneário Camboriú, onde está até hoje.

Cães Guias

Cães Guias

 

As atividades são mantidas por um time de voluntários e socializadores que convivem com os cães por um período de 18 meses. Depois eles voltam para a Escola para um treinamento específico para atuação como guias que dura seis meses e só depois são entregues aos deficientes visuais.​

Alianças de Sandro Padial e Maria Luisa Gilli

30 de maio de 2017 0

Sandro Padial e Maria Luisa Gilli trocaram alianças em Blumenau em uma cerimônia emocionante que ocorreu na Igreja Evangélica Luterana Centro, seguida de uma festa pra lá de animada.

 

Os noivos são filhos de Soraya e José Luis Gili e José Carlos Padial (i.m.) e Vera Lúcia Allegrini.

 

A casa de eventos do Moinho do Vale, onde rolou a recepção foi decorada por Ninha Piske, em tons de rosa e pink, muito chique. A mesa de doces era um sonho, com doces que vieram de Florianópolis da Casa de Chá Mayra Pauli, e um bolo lindíssimo assinado por Bianca Fiedler.

 

A animação da pista ficou por conta do DJ Sergio Mello, e a festa foi coroada com uma apresentação da banda de Sandro, The Lumberjacks and the Cavalry. Ao final do repertório, o noivo cantou a música Stand By Me, relembrando o momento quando se conheceram.

 

O vestido da noiva estava maravilhoso e foi confeccionado pela estilista blumenauense Ana Wolff, e o noivo usou um terno azul, de Ricardo Almeida. A organização e o cerimonial foram assinados por Juliano Manzke. A lua de mel será na Europa, em setembro.

As fotos são de Pedro Waldrich

 

IMG_5182

Sandro e Malu

IMG_3039

Ricardo e Alessandra Fiedler

IMG_3321

Juliana e Percy Borba Neto

IMG_3894

Família dos noivos

IMG_3665

Morgana e Giancarlo Jaeger

Noite de San Genaro em Blumenau

29 de maio de 2017 0

A tradicional Noite de San Genaro, promovido pela APAE de Blumenau, através das voluntárias de eventos da entidade foi um sucesso. As madrinhas estão da parabéns  pois todos os convites, ao todo 500, foram vendidos e a renda será integralmente revertida para a instituição.

A noite contou com uma variedade de receitas de nhoque preparados pelo Restaurante Tabajara e ainda com a apresentação do Coral Lira Circolo Italiano di Blumenau e da pianista Soninha Schlossland, que todos os anos participa voluntariamente.

As fotos exclusivas para a coluna são de Pedro Waldrich.

 

As madrinhas da noite

As madrinhas da noite

IMG_9867

Geral da festa

IMG_9126

Lira Circolo Italiano

IMG_9453

Jean e Ana Gláucia Fritzke

IMG_9486

Elise e Wallace Oliveira

IMG_9519

Deni Beduschi, Fran Axt, Denise Demmer e Josy Leite

IMG_9558

Neusa Kreibich, Denise Zadrozny e Silvia Karsten

IMG_9641

Letícia e Ricardo Bauer

IMG_9671

Daniela e Djalma Faraco

IMG_9687

Helio e Sandra Campagnaro

IMG_9691

Jair e Rozane Lopes

IMG_9761

Marcos Luz e Carmem Deschamps com a filha

IMG_9725

Ricardo Viotti e Susana Pabst

IMG_9758

Luis Carlos Schmidt de Carvalho Filho e Fernanda Koerich Carvalho

Monja Coen em BC

29 de maio de 2017 0

Ela foi a primeira monja e a primeira de descendência não japonesa a assumir a presidência da Federação das Seitas Budistas do Brasil. Monja Coen Roshi, como é conhecida, estará no Balneário Shopping, no dia 1º de junho. Ela vai compartilhar um pouco da sua sabedoria durante o encontro que terá como tema o ‘Elas & Eles – o empoderamento do bem’. O evento será gratuito e aberto ao público.

“Somos o que estimulamos, quer como sociedade, quer como indivíduos. Precisamos empoderar o bem, a esperança, a prosperidade, o sucesso, a alegria, o bem-estar e a tranquilidade”, comenta a Monja Coen. Segundo ela, todos esses benefícios surgem da sabedoria, da compreensão mais profunda de si mesmo e da realidade. “Convido você a refletir comigo sobre meios hábeis que podemos cultivar para que o bem readquira poder em nossas vidas”, ressalta.

Monja Coen Roshi é missionária oficial da tradição Soto Shu do Zen Budismo e primaz fundadora da Comunidade Zen Budista Zendo Brasil. Ela se casou aos 14 anos em busca de independência – era jornalista e atuou em grandes veículos no Brasil – mudou-se para Los Angeles, nos Estados Unidos, para trabalhar como funcionária local do Banco do Brasil S.A. na década de 70. Foi ordenada monja em 1983.

Após viver 12 anos no Japão, retornou ao Brasil para liderar, durante seis anos, as atividades do Templo Busshinji, sede da tradição Soto Shu da América do Sul.  Em 2001, fundou a Comunidade Zen Budista com sede no Templo Tenzui Zenji, no bairro do Pacaembu, em São Paulo. Ela participa de diversas atividades públicas, incluindo encontros interreligiosos, buscando promover o princípio da não violência ativa e da cultura de paz. Além disso, é autora dos livros ‘Viva zen’, ‘Sempre zen’, ‘Palavras do Darma’, ‘A sabedoria da transformação’, ‘108 contos e parábolas orientais’ e ‘O Monge e o touro’.

O evento do Balneário Shopping está marcado para as 20h e será realizado no Espaço Trends, no pavimento L2 com acesso ao lado da Tok&Stok. As vagas são limitadas e para garantir a participação no evento é necessário se inscrever no link: bit.ly/2qIvXl5

A Monja Coen também irá ministrar a palestra ‘Elas & Eles – o empoderamento do bem’ no Garten Shopping, em Joinville, no dia 31 de maio.

Monja Coen

Monja Coen

Palestra com a Monja Coen Roshi sobre o tema ‘Elas & Eles – o empoderamento do bem’

Local: Balneário Shopping, no Espaço Trends (acesso ao lado da Tok&Stok)

Data: 1º de junho

Horário: 20h

Valor: gratuito

Inscrições: as vagas são limitadas, inscrições no link bit.ly/2qIvXl5

Perfil de Emil Chartouni

27 de maio de 2017 0
IMG_0888

Emil foto Pedro Waldrich

Emil Chartouni, presidente do Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Blumenau e Região-SIHORBS, está em seu terceiro mandato e se prepara para deixar o cargo em agosto deste ano.

 

Ele é proprietário do Oasis Chartouni Hotel, que administra há 25 anos e aproveitou a experiência adquirida nos anos de dedicação ao negócio da família para fortalecer o turismo de Blumenau e região.

 

Pai dedicado, junto à sua esposa Priscila, Emil participou da criação do movimento Março Roxo em Blumenau, um mês dedicado à conscientização sobre a epilepsia.

 

Após deixar o cargo no SIHORBS, seu objetivo principal será se dedicar integralmente à filha Camille, que é portadora da doença.

 

Na entrevista conta um pouco mais de sua vida e sua intimidade.

 

Hobby: Assar carne na churrasqueira com minha filha Camille e minha esposa Priscila, ouvindo uma boa música.

 

Lugar Inesquecível: Líbano, terra natal do meu pai.

 

Música: My Way, executada por André Rieu.

 

Mania: De limpeza.

 

Filme: De volta para o futuro.

 

Luxo: Me dou ao luxo de beber uma boa cerveja artesanal.

 

Não vive sem: Minha filha Camille Vitória Chartouni.

 

Sonho: Ver minha filha curada da epilepsia.

 

Caos: A política brasileira.

 

Comida preferida: Charutinho árabe com folhas de uva.

 

Cidade que moraria: Não me vejo morando fora de Blumenau, mas gosto muito de Pomerode.

 

O que precisamos para melhorar nosso turismo e hotelaria? Precisamos urgentemente de um centro de eventos para atender nossa demanda. Este equipamento é fundamental para nosso segmento de turismo de eventos e corporativo.

 

Nossa cidade tem condições de receber um grande congresso com mais de 4 ou 5 mil pessoas? Nossa cidade sozinha não, mas nós temos em âmbito regional, tranquilamente, capacidade de atender um evento deste porte. No Vale Europeu, num raio de 60 quilômetros, temos 30 mil leitos, que é um número significativo, pois 90% dos eventos captados no Brasil são de até três mil pessoas.

 

Como avalia os hotéis da cidade e região? Na última década, nossos hotéis passaram por um período de renovação e modernização da sua estrutura física, além de uma série de treinamentos com as equipes de trabalho. Avalio que Blumenau tem excelentes hotéis para atender nossos turistas.

 

O que acha que mais atrai os turistas para cá? Nossa cultura. Temos algo que o resto do Brasil não tem, que é a herança cultural germânica, que envolve vários itens como gastronomia, danças, música, arquitetura, entre outros. Além disso, temos as nossas cervejas artesanais, que são reconhecidas nacional e internacionalmente.

 

Como avalia a sua gestão à frente do SIHORBS que encerra em agosto deste ano?Acredito que conseguimos atingir nossos objetivos dentro daquilo que nos propomos no início do mandato, que era investir na qualificação e requalificação de nossos colaboradores através de cursos e palestras para empresários associados ao SIHORBS.

 

Quais os projetos que mais se orgulha e que contribuíram para potencializar o turismo de Blumenau e região? Nos orgulhamos muito de criar o Festival Gastronômico de Blumenau, em 2010. E, no ano passado, conseguimos fortalecer e fixar a imagem do pão com bolinho como lanche símbolo de Blumenau, a exemplo do pão com mortadela de São Paulo. Isso foi possível através do festival, realizado em setembro de 2016, que gerou um acréscimo de 40% no movimento dos estabelecimentos participantes. Acreditamos que a gastronomia tem um potencial extraordinário na atividade do turismo e pode alavancar o número de turistas na região.

 

Projetos futuros: Para o futuro vou me dedicar à minha filha e cuidar de seu tratamento e desenvolvimento.

 

Conselho: Nunca deixe ninguém dizer o que você pode ou não fazer. O único que sabe seu potencial é você mesmo. Portanto, acredite, estude e corra atrás daquilo que você deseja.

 

Frase: Obrigado Blumenau por tudo que nossa família conquistou nessa terra maravilhosa.

 

 

 

 

 

 

 

Fernanda N