Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Perfil de Max Fercondini e Amanda Richter

19 de junho de 2017 0
Max Fercondini e Amanda Richter

Max Fercondini e Amanda Richter

Amanda Richter, 27 anos, é cheia de energia, fã de aventura e apaixonada por viagens. Natural de Joinville, deixou a cidade natal aos 14 anos para morar em São Paulo. Além da capital paulista, a atriz e apresentadora já morou em Taipei, em Taiwan, e em Bangkok, na Tailândia. Formada em cinema, iniciou os trabalhos na televisão em 2008, na novela Ciranda de Pedra, da TV Globo. Foi nestas gravações que conheceu o namorado e também ator Max Fercondini, 31.

Recentemente ela assumiu o papel de repórter no programa Como Será, da Globo, ao lado de Max. Ele é ator, produtor e apresentador e estreou na TV em 2000, na novela Esplendor. Entre 2009 e 2014 foi apresentador do programa Globo Ecologia.

Max, fã de gastronomia, foi o grande vencedor em 2012 do quadro Super Chef Celebridades, do programa Mais Você, e ao lado da apresentadora Ana Maria Braga fez sucesso na cozinha. Desde 2014 assumiu a função de repórter e apresentador do programa Como Será.

No ar aos sábados pela manhã, o casal divide com o público aventuras ao redor do mundo. Em 2016 eles conheceram seis países da América do Sul em um motorhome e agora dividem as suas experiências no livro América do Sul Sobre Rodas, lançado recentemente e que terá uma turnê especial em Santa Catarina com a presença do casal.

Eles estarão na região nesta semana. Vão participar de sessões de autógrafos nas Livrarias Catarinense – no Balneário Shopping na quinta-feira e no Norte Shopping, em Blumenau, na sexta. Os eventos iniciam às 19h30min.

Com vocês, um pouco mais de suas vidas!

- Hobby:

Max – Voar.
Amanda – Cantar.

- Lugar Inesquecível:

Max – Deserto do Atacama.
Amanda – Glaciar Perito Moreno.

- Música:

Max – Sultans of Swing (Dire Straits).
Amanda – Soulman (Ben L’Oncle Soul).

- Mania:

Max – Perfeccionismo.
Amanda – Organização.

- Filme:

Max – Trilogia De Volta para o Futuro.
Amanda – 8 1/2 (Fellini).

- Luxo:

Max – Voar.
Amanda – Viajar.

- Não vive sem:

Max – Não vivo sem a Amandinha.
Amanda – Ah, fiquei até sem palavras.

- Sonho:

Max – Volta ao mundo.
Amanda – Ter uma família sempre feliz e saudável.

- Caos

Max – A política brasileira.
Amanda – Terremoto que passamos no Equador.

- Comida preferida

Max – Japonesa.
Amanda – Adoro receitas com cogumelos.

- Cidade em que moraria

Max – Porto Venere (Itália).
Amanda – Santa Barbara, Califórnia (EUA).

- Como surgiu a ideia da viagem pela América do Sul? Após realizarmos uma grande viagem pelo Brasil de avião monomotor e gravar oito episódios para a TV Globo, nós resolvemos expandir os nossos horizontes. E então percebemos que havia muitos países da América do Sul que nós não conhecíamos e que seria maravilhoso poder mostrar um pouco mais da cultura e da paisagem destes belos países “hermanos”. Foi com este pensamento que a ideia da segunda série foi concebida.

- E o livro? Iniciaram durante a viagem? Não, o livro foi uma ideia posterior à viagem. Após terminar a edição e a entrega dos programas para a TV, o Max pensou que se fizéssemos um livro conseguiríamos dividir muito mais informações, dicas e histórias interessantes com outras pessoas que também gostariam de fazer esta viagem. Por isso resolvemos fazer o livro para contar tudo que não foi ao ar no programa, todos os bastidores da viagem e as nossas dicas.

- Qual lugar mais marcante do trajeto?

Max – Para mim, escavar um dinossauro de mais de 90 milhões de anos na Argentina foi uma atividade muito marcante que fiz na viagem.

Amanda – Escalar o vulcão Villarrica no Chile foi o momento de maior superação para mim, foram cinco horas de subida e eu quase desisti. Ainda bem que a força de vontade foi maior e nós conseguimos chegar ao topo.

- Qual o maior desafio de fazer uma viagem em casal? Respeitar o tempo e o espaço do outro em um ambiente pequeno. É muito importante a parceria, a compreensão e o carinho de ambos os lados. A nossa expedição não foi de férias e sim de muito trabalho, então era sempre importante conversar, planejar o roteiro e os próximos passos para não dar estresse durante a viagem.

- Uma dica imperdível para quem quer curtir o passeio de motorhome: Não pense que será difícil ou que você não terá segurança durante o percurso, pois a gente fez uma viagem incrível pela América do Sul e tivemos sucesso na nossa missão.

- Para qual lugar voltariam? Pucón.

- Próximo destino: Mediterrâneo.

- Planos para o futuro: escrever o livro da primeira expedição que fizemos pelo Brasil.

- Conselho: não desista jamais de realizar seus sonhos. Às vezes pode demorar, mas é o tempo necessário para que a ideia amadureça e que você tenha êxito.

- Frase: “O real não está na saída e nem na chegada: ele se dispõe para a gente é no meio da travessia”, de Guimarães Rosa.

Dê sua opinião

comentários

Envie seu Comentário

%d blogueiros gostam disto: