Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Madonna é a dona do pedaço

16 de fevereiro de 2010 1

Para aqueles que acham que celebridades em excesso prejudicam o samba, a noite de domingo, definitivamente, não foi para eles. Tudo na Sapucaí se dividiu entre AM e DM – antes e depois de Madonna. Muitos gritaram, chamaram pela estrela, mas ela nunca parou para fotos. Não foi antipática, pelo contrário, mas fez o estilo discreto, sem concessão a jornalistas e fãs.

No camarote do governador Sergio Cabral, provocou confusão ao aceitar a infeliz ideia de alguém que a acompanhava para descer à pista e tentar atravessá-la durante o desfile da Imperatriz. Passar de um lado ao outro da Sapucaí quando um desfile está ocorrendo é proibido por motivos óbvios: prejudica o espetáculo.

Os seguranças da Liga das Escolas (Liesa) não se sensibilizaram com a presença da estrela e, antes que atrapalhasse a evolução da escola, a mãe do pop teve de voltar para o camarote do governo, onde estava a mãe do PAC. Dilma Rousseff interagiu com o grupo. Em certo momento, a ministra segurou a filha mais nova da cantora, Mercy (vestida de fadinha), no colo.

Com 30 seguranças, Madonna rumou para seu segundo compromisso: camarote da Brahma. A Ambev doou US$ 1 milhão para a sua ONG e garantiu sua presença no espaço. O saldo de Carnaval no Brasil é muito positivo. Some-se ao milhão da Ambev outro milhão, doado em um jantar, na quarta-feira, pelo banqueiro Luís Octavio Índio da Costa.

O Camarote N° 1 se mobilizou para recebê-la. Um cercadinho VIP, com grades de proteção, foi montado no início da noite. Aos poucos, começaram a chegar seguranças, e os convidados fizeram correr a notícia de que a área era para “ela”.

Justiça seja feita, a grande tietagem pela presença de Madge no camarote foi da imprensa e de um grupo de fãs. Artistas e convidados bateram fotos, mas continuaram curtindo o Carnaval, dando umas espiadelas para ver se conseguiam avistar a estrela em lugar mais privilegiado. Três integrantes da comitiva da cantora chegaram mais cedo, seguidos do namorado dela, o modelo e agora DJ Jesus Luz. À espera, bateram fotos e gravaram parte dos desfiles. Antes de Madonna chegar, os seguranças não deixavam as pessoas nem se apoiarem na grade de metal:

– Não pode, não. Desculpe – dizia um deles constrangido.

Quando ela chegou, foi a vez de eles cumprirem ordens. Foram orientados a ficar de costas para a cantora, de frente para os fotógrafos. Um corredor humano, com mais de 40 homens, formou-se para garantir o acesso seguro. Madonna entrou no local anunciada por Rodrigo Santoro, assim como o ator escocês Gerard Butler.

– Quero chamar uma convidada muito ilustre que está aqui hoje. O Brasil é o país do amor. Aqui é uma celebração da felicidade, e nós estamos muito felizes de ter você. Bem-vinda ao Brasil e ao Rio – disse Santoro.

A cantora lascou um “muito obrigada” e um estranho “muito felice”. Foi só. Depois, ficou no seu espaço Golden VIP com o namorado e a comitiva – as filhas não participaram desta segunda parte do desfile. Um dos rapazes insistia em vestir apenas um braço da camiseta do patrocinador. A segurança não deu mole, obrigou o traje completo.

Com uma garrafa de água, vestindo calça justa preta e uma sandália de salto agulha altíssima (a cantora é mesmo bem baixa), ela ensaiou uns passinhos com a modelo brasileira Michelle Alves, mulher do seu agente, Guy Oseary. Cansou do salto e ficou um bom tempo sentada no chão. Fez cara de espanto e vibrou quando passou o carro alegórico com o sósia de Michael Jackson. Chegou a se levantar para ver de pertinho. Gostou, mas foi embora cedo, antes de o Salgueiro passar.

Comentários (1)

  • fernando pereira diz: 21 de fevereiro de 2010

    VOCES ACHAM QUE ELA VEIO AJUDAR ALGUEM COM ESSA GRANA?
    SE TODAS AS ONG’S DO BRASIL E DO MUNDO FIZESSEM O QUE SE PROPOEM A FAZER, TODOS OS PROBLEMAS DO MUNDO JA TERIAM ACABADO.
    TODOS OS ANOS COISAS COMO O TAL CRIANÇA ESPERANÇA ROUBA DINHEIRO DO POVO NA CARA DURA E CADO OS RESULTADOS. DEIXEM DE SER BABACAS.

Envie seu Comentário