Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Receitinhas para combater a ansiedade + Tipos e sintomas

20 de março de 2014 0
Albert Einstein/ Divulgação

Albert Einstein/ Divulgação

Insônia, fome constante, perda da libido e maior incidência de alergias e infecções. Estes são alguns dos sintomas que a ansiedade provoca no organismo. Atuante principalmente na região das glândulas adrenais – responsáveis pela liberação de hormônios – a ansiedade altera a produção de deidroepiandrosterona (hormônio que dá sensação de bem-estar) por cortisol (hormônio do estresse).

“Quando nascemos, vivemos a primeira situação de estresse, que é controlada pela amamentação. Desse modo, ao longo da vida, associamos bem-estar aos alimentos; principalmente os calóricos como doces e carboidratos, responsáveis pela liberação de serotonina (hormônio do prazer)”, conta a nutricionista consultora da farmácia online, Netfarma, dra. Sulanne Carvalho Oliveira.

A especialista explica que para evitar os efeitos da ansiedade, o corpo precisa de algumas vitaminas e minerais como: vitamina B5, vitamina C e magnésio. “As glândulas precisam de grande suprimento de vitamina C, substância que o corpo não é capaz de produzir ou armazenar, e, portanto, tem de ser obtidos todos os dias por meio da alimentação.”

Entre os alimentos que possuem as vitaminas mais ricas estão todas as frutas vermelhas e pretas, além do kiwi, frutas cítricas, salsa, agrião, batata e pimentão. “O magnésio é outra substância essencial para as glândulas adrenais, alimentos que o contenham devem ser ingeridos diariamente. Grãos, verduras folhosas, soja, sementes de girassol, sementes de gergelim, gérmen de trigo, amêndoas e bacalhau são boas opções”, sugere dra. Sullane.

Suco natural de frutas - Tumblr

Confira três receitas exclusivas que prometem combater a ansiedade:

Suco anti -estresse
Ingredientes
200ml de água
5 morangos
½ pera
1 banana prata
1 colher de gérmen de trigo ou linhaça
3 pedras de gelo
Modo de preparo: Bater tudo no liquidificador e consumir imediatamente.

SuChá relaxante
Ingredientes
1 colher de sobremesa da erva valeriana em infusão.
½ copo de suco de maracujá orgânico light ou feito em casa com açúcar mascavo ou adoçante
Modo de preparo: ½ copo de suco misturado com ½ copo de chá, tomar gelado ou quente 30 minutos antes de dormir.

Vitamina antiansiedade
Ingredientes
1 /2 copo de leite desnatado
1 banana prata
1 colher de sobremesa de cacau 100%
3 pedras de gelo
Modo de preparo: Bater no liquidificador e tomar imediatamente.

Tipos de ansiedade e sintomas

Transtornos de pânico, com ou sem agorafobia: se caracteriza por breve período de medo e/ou intenso desconforto, no qual sensações de morte, ou de estar fora da realidade, está presente, ocorrendo ocasionalmente e com o indivíduo evitando situações associadas a estes sintomas. A agorafobia consiste no medo de estar desacompanhado em lugares públicos, particularmente em lugares em que há dificuldade de saída.

ansiedade

Fobias: é um medo intenso e desproporcional a um objeto específico, uma circunstância ou uma situação.

Distúrbio de ansiedade devido a uma condição médica geral: problemas físicos podem causar quadros de ansiedade e nervosismo. Muitas condições médicas, como desequilíbrio hormonal, problemas respiratórios e problemas cardíacos podem manifestar-se por meio de sintomas de ansiedade.

Transtorno de ansiedade generalizada: caracterizado por ansiedade e preocupação excessiva com várias situações, atividades e eventos na maior parte dos dias, durante pelo menos seis meses consecutivos, sem relação com outro transtorno psiquiátrico ou evento estressante. Pode causar sintomas físicos como dor de cabeça, dor nas costas, alteração intestinal ou no estômago. Esse distúrbio também pode ocorrer em crianças.

Ansiedade induzida por substâncias: é resultado do uso tanto de substâncias ilícitas (como cocaína, crack, ecstasy, maconha), como de medicações. Os sintomas podem durar até um mês após o uso pelo indivíduo.

Transtorno de estresse pós-traumático: uma síndrome que se desenvolve a partir de uma experiência de participar, ver, ouvir ou estar submetido a importante estressor que qualquer indivíduo julgaria traumático, como assalto, sequestro, doença aguda traumática, acidente, agressão etc. O indivíduo com este tipo de transtorno passa a reagir a esta experiência com medo e insegurança, revivendo persistentemente o evento e afastando a intenção de falar ou de ser lembrado do que aconteceu.

Informações da Netfarma enviadas pela agência Comunicado e Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein.

Envie seu Comentário