Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Três anos após início das obras, Complexo do Badenfurt será inaugurado no dia 17 de agosto

05 de agosto de 2014 11
Operários trabalham na pintura das faixas de sinalização do Complexo Viário do Badenfurt / Foto: Gilmar de Souza/Agência RBS

Operários trabalham na pintura das faixas de sinalização do Complexo Viário do Badenfurt / Foto: Gilmar de Souza/Agência RBS

O Complexo Viário do Badenfurt será entregue oficialmente à comunidade blumenauense no próximo dia 17, a partir das 8h. Representantes da prefeitura e do consórcio Stein-Pacopedra estiveram reunidos durante a tarde desta terça-feira para definir a finalização da obra e os detalhes do evento de inauguração. O prazo inicial de conclusão da obra era abril de 2012, mas de acordo com a Prefeitura, contratempos como a enchente de 2011 atrasaram a entrega.

O evento acontecerá das 8h às 12h e contemplará uma rota de lazer com caminhadas e passeios ciclísticos. Também haverá serviços em saúde, exposições do Samae e Defesa Civil e atividades propostas pela Faema. O prefeito Napoleão Bernardes fará um pronunciamento por volta das 11h e descerrará placas de inauguração. Após as 12h, as equipes começarão a preparar o terreno, que deve ser aberto ao trânsito a partir das 13h.

— É a grande obra de Blumenau nas últimas três ou quatro décadas. Houve problemas de toda ordem e alguns episódios por conta da natureza. Pela grandeza da obra, acredito que foi concluída em tempo razoável — explicou o secretário de Comunicação, Raimundo Mette.

O complexo ligará a BR-470 à rua Bahia. Com orçamento previsto em pouco mais de R$ 31 milhões, os gastos com a obra passaram para R$ 39 milhões. Entre os principais motivos para o aumento de custo estão os prejuízos causados pela cheia de 2011, acréscimo de etapas e redução do ritmo de trabalho durante cerca de quatro meses por falta de verbas.

Evento será chamado de entrega à comunidade
O secretário explica que a administração municipal optou por chamar o evento de entrega à comunidade e não inauguração. Não haverá palanques, nem sequência de discursos. De acordo com ele, se optassem pelo modelo tradicional de evento, em função do período eleitoral, várias figuras políticas que tiveram participação na execução da obra, não poderiam ser mencionadas, nem fazerem uso da palavra.

— Vai ser um evento diferente, uma modalidade nova de entregar um monumento público. Iremos transferir a rota de lazer que seria na rua XV de Novembro para o Complexo do Badenfurt — explicou o secretário.

Além disso, a cobertura da ponte localizada na rua Arnold Hemmer será finalizada até a próxima quinta-feira. A travessia que fica localizada nas proximidades do complexo foi danificada por um caminhão que tentou atravessá-la no final de julho.

Reunião nesta terça-feira pode definir data de inauguração do Complexo Viário do Badenfurt

05 de agosto de 2014 1

Os trabalhos de pintura das faixas de sinalização do Complexo Viário do Badenfurt devem terminar nesta quinta-feira. A previsão é do secretário interino de Obras, Carlos Leite. O secretário adiantou que uma nova reunião entre Secretaria de Obras e o consórcio Stein-Pacopedra está marcada para a tarde desta terça-feira. O local do encontro ainda não foi definido, mas segundo Leite, o objetivo da reunião é definir os prazos e detalhes finais da obra.

Operários trabalham na pintura das faixas de sinalização do Complexo Viário do Badenfurt / Foto: Gilmar de Souza/Agência RBS

Operários trabalham na pintura das faixas de sinalização do Complexo Viário do Badenfurt / Foto: Gilmar de Souza/Agência RBS

 

 

Abertura da ponte do Badenfurt complicará acesso à BR-470

29 de julho de 2014 12

Os gargalos nas pontas do Complexo Viário do Badenfurt são problemas anunciados. Mas enquanto no acesso à rua Bahia a prefeitura adapta o entorno para minimizar o impacto e garantir a fluidez do trânsito, no outro extremo _ o Km 59,5 da BR-470 _ a população teme que a situação se torne ainda mais caótica. É pela rotatória improvisada com gelo-baiano na rodovia federal que passarão todos os dias 21 mil veículos que quiserem acessar e sair da nova ponte, segundo projeção da Secretaria de Planejamento de Blumenau.

Rotatória de gelos-baianos na BR-470 é estrutura que suportar fluxo de veículos no acesso à ponte (Patrick Rodrigues/Agência RBS)

Rotatória de gelos-baianos na BR-470 é estrutura que suportar fluxo de veículos no acesso à ponte (Patrick Rodrigues/Agência RBS)

Além de dar conta do fluxo de quem vai e volta de Pomerode pela rua Werner Duwe e dos 31 mil veículos _estimativa de 2010 e mais recente divulgada pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit)_ que trafegam pela BR-470 em direção ao Alto Vale e ao litoral, a rótula construída há 23 anos vai ter de arcar com o aumento do tráfego com a abertura da nova via.

- Com acessos de todos os lados, acho que vai embolar tudo se não tiver algum guarda ou policial para controlar o trânsito – opina Noeli de Liz dos Santos, 52 anos, que mora perto do trevo de Pomerode há 25.

Ao movimento dos acessos junta-se o fluxo da rua Heinrich Hemmer – transversal que liga o complexo do Badenfurt à rodovia federal – onde ficam duas escolas: Lauro Müller e Wigand Gelhardt. O diretor da Lauro Müller, Dieter Haertel, acredita que com a abertura da ponte os estudantes precisarão redobrar o cuidado no trajeto para escola:

-  Os alunos que moram do outro lado da BR vão ter que atravessar mais duas vias.

A travessia da BR-470 é feita sem a existência de faixas de segurança. O agente da Polícia Rodoviária Federal (PRF) José Figueroa acredita que boa sinalização e a construção de uma rotatória compacta pode reduzir os riscos no trecho. Porém, o policial aponta a lentidão na rodovia como resultado de tantos acessos concentrados.

O engenheiro do Dnit em Rio do Sul, Elifas Levi Nolasco Marques, estima que as melhorias do trevo de Pomerode levem no mínimo dois meses, considerando ajustes no projeto e execução. Prazo que ultrapassa os 15 dias trabalhados previstos para que as obras da ponte sejam concluídas.

-  Em condições normais, dá para executar em um mês. Mas com a intensidade de tráfego e outros complicadores não tenho um prazo – argumenta Marques.

O engenheiro do Dnit no Vale observa que as melhorias, como a construção de uma nova rotatória, dependem da conclusão do projeto e do orçamento. Só então a empresa responsável pela manutenção da rodovia poderá adotar a medida paliativa.

A solução definitiva para o trecho é a construção de um viaduto, previsto no projeto da duplicação da BR-470. Conforme a assessoria de comunicação do Dnit não há prazo para que a obra comece neste ponto já que antes é preciso desapropriar terrenos.

O secretário de Planejamento de Blumenau, Alexandre Gevaerd, afirma que o consórcio Stein-Pacopedra, que executa as obras do Badenfurt, abriu e pavimentou faixas de aceleração e de desaceleração paralelas à rodovia para que os carros acessem e saiam da ponte.

Obra passa por ajustes no acesso da Rua Bahia

29 de julho de 2014 7

Quando o Complexo Viário do Badenfurt for inaugurado - são necessários mais 15 dias trabalhados - a rua Bahia terá mudanças no tráfego: no sentido Centro/bairro, veículos precisarão fazer um retorno sob a ponte. A alteração acrescenta cerca de um quilômetro ao trajeto. Para quem vem dos bairros em direção ao Centro, o caminho é pelas ruas Gerhard Stark ou General Osório (para seguir para o bairro da Velha).

Rua Bahia precisa de ajustes no pavimento para abertura da ponte (Patrick Rodrigues/Agência RBS)

Rua Bahia precisa de ajustes no pavimento para abertura da ponte (Patrick Rodrigues/Agência RBS)

Rua Bahia precisa de ajustes em canteiros, calçadas e sinalização para abertura da ponte (Patrick Rodrigues/Agência RBS)

Rua Bahia precisa de ajustes em canteiros, calçadas e sinalização para abertura da ponte (Patrick Rodrigues/Agência RBS)

O secretário de Planejamento de Blumenau, Alexandre Gevaerd, admite que as soluções projetadas para a rua Bahia são paliativas, uma vez que atualmente a rua General Osório já não comporta o tráfego de 21 mil veículos por dia previsto pela Secretaria de Planejamento para a Ponte do Badenfurt.

- Quando essa ponte foi pensada, há 20 anos, a rótula da General Osório dava conta. Agora não dá mais. Por isso, momentaneamente planejamos essa solução, mas a longo prazo no Corredor Oeste existe o início de um estudo para um elevado - argumenta Gevaerd.

O Corredor Oeste seria uma rua paralela à General Osório que absorveria o tráfego de um dos sentidos, transformando-a em via de mão única. Atualmente, os operários do consórcio Stein-Pacopedra, responsável pela obra, trabalham nos ajustes finais, como sinalização horizontal, instalação de placas e de asfalto.

Entrega do Complexo Viário do Badenfurt é adiada pela sexta vez

21 de julho de 2014 18

A conclusão do Complexo Viário do Badenfurt em Blumenau foi prorrogada pela sexta vez desde o início das obras, em 2011. Novamente, o tempo foi o responsável pela prorrogação do prazo dado pela Secretaria de Obras. A partir de agora, a intenção é que o asfaltamento seja concluído até o final desta semana, caso o tempo permita. Desta vez, o prazo foi estendido para a primeira quinzena de agosto.

Após a conclusão do asfaltamento, as equipes devem concentrar o trabalho na sinalização horizontal e em outros tipos de acabamentos no asfalto e calçadas. Na avaliação do secretário interino de Obras, Carlos Leite, seriam necessários dez dias sem chuva para que o trabalho pudesse avançar de maneira satisfatória.

— Se a chuva for confirmada para os próximos dias, teremos que adiar novamente. Trabalhamos para acabar a obra e não com prazos — justificou o secretário.

Além disso, Leite explicou que atrasos na entrega de material também podem acontecer, o que poderia dificultar a conclusão da obra no tempo previsto.

O último prazo foi dado pela secretaria em 24 de junho. Nesse dia, a intenção da prefeitura era entregar o Complexo finalizado no final de julho. Além das últimas chuvas que teriam dificultado o trabalho, uma carga de asfalto líquido vinda de São José dos Pinhais teria atrasado, o que complicou ainda mais a situação. Na quarta vez em que a entrega da obra foi adiada a chuva também teria sido a responsável pelo atraso.

Prazo inicial de entrega era dezembro de 2012
A obra, iniciada em janeiro de 2011, tinha prazo inicial de conclusão para dezembro de 2012. Contratempos causados pela enchente de setembro de 2011 fizeram com que o término fosse prorrogado para abril de 2013. Em janeiro do ano passado, porém, a empresa diminuiu o ritmo dos trabalhos por falta de R$ 10 milhões para terminar a obra e o prazo foi novamente revisto. De lá para cá, outros contratempos, alguns também envolvendo problemas climáticos, continuaram prorrogando a conclusão dos trabalhos.

Prefeitura adia pela quinta vez conclusão da Ponte do Badenfurt

24 de junho de 2014 29
Asfaltamento está em estágio avançado nas obras do complexo

Equipes trabalham nos detalhes da obra – Foto: Lucas Amorelli

A conclusão do Complexo Viário do Badenfurt foi adiada pela quinta vez. As justificativas dadas pelo secretário interino de Obras de Blumenau, Carlos Leite, são o excesso de chuva no mês de junho e atrasos na entrega de matéria-prima necessária para a finalização das obras que iniciaram em 2011. Dessa vez, a expectativa do Poder Público é que as obras sejam concluídas até final de julho.

Uma nova reunião está agendada entre Secretaria de Obras e o consórcio Stein-Pacopedra para a sexta-feira da próxima semana. A pauta do encontro é definir os prazos e detalhes finais da obra. Uma verificação de produção também está sendo executada pelo consórcio e apartir daí deve sair a data exata da entrega do complexo que ligará a rua Bahia à BR-470.

- Confira a Galeria de Fotos com diversos estágios da obra

- Uma carga de asfalto líquido vinda de São José dos Pinhais atrasou. Isso não depende do consórcio. São fatores externos. Em função disso, conseguimos asfaltar nesta segunda-feira somente até o meio dia – justificou Carlos Leite.

De acordo com ele, um somatório de fatores contribuiu com o atraso. Falta de energia elétrica e manutenção de equipamentos também estão na lista dos apontados como responsáveis pelo atraso.

O engenheiro Eduardo Schlindwein, da Stein Engenharia, explica que a conclusão da aplicação asfáltica é a etapa mais importante, que está prestes a ser concluída. No entanto, a temperatura influencia na compactação do asfalto, o que pode ter dificultado o trabalho nos últimos dias.

Obras estão em fase de finalização
O responsável pela Secretaria de Obras explica que ainda falta 45% de todo asfaltamento da via para ser concluído, entre eles as conexões do complexo com a rua Bahia e a BR-470. O capeamento asfático da Via Expressa está avançado: 80% já foi concluído. A sinalização viária e a colocação de pórticos também está finalizada e 70% da iluminação também está pronta.

A obra, iniciada em janeiro de 2011, tinha prazo inicial de conclusão para dezembro de 2012. Contratempos causados pela enchente de setembro de 2011 fizeram com que o término fosse prorrogado para abril de 2013. Em janeiro de 2013, porém, a empresa diminuiu o ritmo dos trabalhos por falta de R$ 10 milhões para terminar a obra e o prazo foi novamente revisto. De lá para cá, outros contratempos, alguns também envolvendo problemas climáticos, continuaram prorrogando a entrega da obra.

Rua Henrich Hemmer é fechada para obras do Complexo da Ponte

13 de junho de 2014 2

badenfurt

A Prefeitura inicia neste sábado pela manhã as obras de execução do entroncamento do Complexo da Ponte do Badenfurt com a BR-470. Com isso, o final da rua Henrich Hemmer, no bairro Badenfurt, no trevo de Pomerode, foi fechada ao trânsito na tarde desta sexta-feira (13). As demais extensões da via estão funcionando normalmente ao tráfego de veículos, com acesso próximo ao trevo da Parada Um.

Com a alteração no local, os motoristas que vierem do Centro da cidade em direção à BR-470 para acessar a rua Henrich Hemmer devem fazer o contorno no trevo e voltar um percurso de 400 metros de extensão para acessar a rua Bernardino José de Oliveira. Para quem vem do sentido da BR-470 para acessar a rua Henrich Hemmer deve ficar atento e entrar na rua Theodoro Nuss, defronte à Santa Clara Veículos, aproximadamente 500 metros antes do trevo do Badenfurt. De acordo com o secretário interino de Obras, Carlos César Leite, este trecho da rua ficará interditado aos veículos até encerrar as obras de construção do Complexo da Ponte do Badenfurt.

As obras do complexo estão se concentrando na colocação do asfalto nos três trechos do percurso de quase dois quilômetros de extensão. O Complexo da Ponte do Badenfurt soma um investimento de R$ 44 milhões, sendo R$ 30 milhões do Governo Federal (BNDES), R$ 10 milhões do Governo do Estado e R$ 4 milhões do próprio município. Segundo o secretário de Planejamento, Alexandre Gevaerd, depois de concluído, a previsão é de que o tráfego de veículos no Complexo da Ponte do Badenfurt fique em aproximadamente 20 mil veículos por dia.

Conclusão do complexo do Badenfurt é adiada pela quarta vez

12 de março de 2014 41

WILLIAN REIS
willian.reis@santa.com.br

Pela quarta vez a conclusão do Complexo Viário do Badenfurt, em Blumenau, ganha uma nova data. Se tudo der certo em junho deste ano será para comemorado o fim da obra que deveria ter sido terminada em dezembro de 2012, como previa o cronograma inicial. Desde o ano passado, quando ficou cravado que neste 31 de março a complexo finalmente seria entregue, as chuvas atrapalharam os trabalhos e atrasaram, de novo, o cronograma.

Obra precisará de pelo menos mais 60 dias trabalhados para ser concluída (Foto: Gilmar de Souza/Agência RBS)

Obra precisará de pelo menos mais 60 dias trabalhados para ser concluída (Foto: Gilmar de Souza/Agência RBS)

O Consórcio Stein-Pacopedra estima que sejam necessários mais 60 dias trabalhados, se o tempo colaborar. Segundo o engenheiro Cristian Fuchs, da Pacopedra Obras de Infraestrutura, a obra só seguirá em ritmo normal se o clima permanecer firme.

_ Estamos de novo com tempo chuvoso e se chover forte temos que parar os trabalhos nas três frentes de obras em andamento: pavimentação, implantação de iluminação e de passeios e ciclovias _ justifica Fuchs.

O engenheiro Eduardo Schlindwein, da Stein Engenharia, acrescenta:

_ Esse prazo anterior foi estipulado em abril do ano passado, quando imaginamos que estaríamos com a obra pronta agora em março. Por causa da chuva, a previsão furou. Ela também causa muito retrabalho.

No vídeo, engenheiro do complexo fala sobre a obra:

No caso da terraplanagem, por exemplo, Schlindwein explica que em dias de temporal o trabalho acaba sendo interrompido por cerca de quatro dias, até que o solo fique seco novamente.

De todo o complexo, o trecho entre a rua Bahia e o rio Itajaí-Açu é considerado o mais adiantado. Os responsáveis pela construção garantem tudo será inaugurado por completo, sem pendências. De acordo com Fuchs, toda a obra está em fase final de execução, com 95% da terraplanagem já concluída.

As estradas estão ganhando as últimas camadas de brita, formando a base que receberá o asfalto. Postes estão sendo colocados ao longo da via, enquanto são construídas ciclovias e calçadas. Essas, no trecho entre o Itajaí-açu e rio do Testo, estão recebendo grades de proteção, conhecidas por guarda-corpos.

O Complexo do Badenfurt ligará a BR-470 à rua Bahia. Com orçamento previsto em pouco mais de R$ 31 milhões, os gastos com a obra passaram para R$ 39 milhões. Entre os principais motivos para o aumento de custo estão os prejuízos causados pela cheia de 2011, o acréscimo de etapas e a redução do ritmo de trabalho durante cerca de quatro meses por falta de verbas.

Em reportagem publicada pelo Santa em dezembro o secretário de Obras, Paulo França, informou que a parte que cabia à prefeitura estava concluída e que o prazo de entrega para 31 março, a princípio, estava mantido. Na época, Schlindwein já alertava que seria preciso mais tempo para a conclusão da obra. França sugeriu que o trabalho ocorresse aos finais de semana e feriados para que o cronograma fosse mantido. A reportagem tentou contato com França, mas não teve retorno das ligações  (Colaborou Sarita Gianesini).

Prefeito Napoleão faz visita técnica na ponte do Badenfurt nesta sexta-feira

14 de fevereiro de 2014 19

Acompanhado de lideranças comunitárias arregimentadas pelo Codeic (Conselho de Desenvolvimento da Itoupava Central), representantes sindicais e de outros organismos da sociedade, o prefeito Napoleão Bernardes fez na manhã desta sexta-feira, às 9h, uma visita técnica na ponte do Badenfurt.

Gilmar de Souza/Agência RBS

Além do prefeito, o secretário Paulo França esteve no local e confirmou a previsão de entrega da obra que é dia 31 de março. No local o secretário de Obras ressaltou que 95% da terraplanagem está finalizadas e em breve a ponte deve receber a camada asfáltica.

A vistoria ocorre de maneira periódica, com a avaliação do cronograma de obras e o cumprimento dos prazos estabelecidos.

 

Terraplanagem no complexo do Badenfurt deve terminar no começo de fevereiro

23 de janeiro de 2014 25

Os trabalhos de terraplanagem no complexo do Badenfurt devem ser concluídos no começo do mês de fevereiro. A informação é do secretário de Obras de Blumenau, Paulo França. Segundo ele, a partir do término da terraplanagem, vão ter início os serviços de pavimentação.  O trecho onde os trabalhos estavam mais prejudicados por causa da chuva, no ano passado, era entre a ponte sobre o Rio do Testo e a BR-470.

Com o bom andamento das obras, a prefeitura ainda trabalha com o prazo de entrega da obra no fim de março. A data foi definida em conjunto com o consórcio responsável pelo trabalho, formado pela Construtora Stein e pela Pacopedra.

O complexo do Badenfurt ligará a BR-470 e a Rua Bahia. Terá duas pontes _ uma sobre o Rio Itajaí-Açu, com 362 metros, e outra sobre o Rio do Testo, com 80 metros _, uma passagem inferior, via expressa, calçadas e ciclovia.

Área que estava mais atrasada na terraplanagem era o trecho entre a ponte do Rio do Testo e a BR-470 (Foto: Gilmar de Souza/Agência RBS)