Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

THE GATES = Crespúculo + Desperate + Charmed + etc

31 de julho de 2010 6

THE GATES não me empolgou de primeira. É aquele tipo de série feito comida-salvação da noite de domingo: você vê o que sobrou na geladeira, sai misturando tudo para a janta e nem sempre fica um rango bom. The Gates pegou elementos de Crepúsculo (os vampiros e os lobisomens), um pouco de Desperate Housewives (a vizinhança “amiga”, os mistérios entre os vizinhos) e uma salada de Charmed, Eastwick e outras com “bruxas”. Só faltava mesmo a ABC pegar um pouquinho de Lost para temperar o troço.

O gosto andava ruim até o episódio 5. Eu andava me irritando com o policial babaca (justamente protagonista da série) que não se tocava de que havia algo de estranho naquela paz toda do condomínio. Quando finalmente o cidadão descobre que – ui – seu vizinho é um vampiro a coisa começa a esquentar (pelo menos neste arco). Os arcos restantes continuam sendo uma salada esquisita. Não me conformo que os vampiros passem um filtro solar phoderoso e possam andar sob o sol. Não me conformo que eles durmam e comam como pessoas normais. Não me conformo que eles sejam lindos e até corados. Pra mim, vampiro legítimo não pode sequer usar anel para circular durante o dia. Tem que ser padronizado como o imaginário coletivo os consagrou.

Enfim, seguirei vendo a série por pura insistência/fome, já que a variedade anda rara nessa midseason fraca. Mas se as bruxas começarem a ficar muito loucas e as bizarrices seguirem me dando nos nervos largo sem dó nem piedade. E vocês, estão assistindo essa série-salada?

:: A propósito: tem gente que jura que já viu lobisomem! Veja esta reportagem do Diário de Santa Maria.

Comentários (6)

  • Cléber diz: 1 de agosto de 2010

    Olha, eu curti a série. Respeiro tua opinião, mas acho que é justamente essa miscelânea que torna a série interessante. Eu acreditoque se pode repetir fórmulas. Porque senão haja criatividade. É a maneira que a história é mostrada que conta. Bem, eu acho prazeroso acompanhar essa série. Espero que ela fique. Abraço. Teu blog é ótimo.

  • Kau diz: 1 de agosto de 2010

    Eh.. mas eu estou curtindo Rizzoli & Isles e Covert Affairs. Rizzoli principalmente pq eu já li os livros da Tess em que foi baseada a série, incrível como a minha imagem da Rizzoli era diferente… hahaha
    Acabei de assistir também uma série inglesa da iTv muito boa chamada de The Fixer, aliás, você já reparou que as séries inglêsas geralmente são muito boas, e que eles não enrolam? as temporadas são curtinhas e de matar qqer um do coração.
    Ainda espero ansiosamente uma terceira temporada de The Fixer e uma segunda temporada de Paradox (outra série inglesa incrível).

    Bjokas…

  • Bibiana diz: 1 de agosto de 2010

    Oi, curti a série também,… achei bem… diferente… Geralmente as séries menos badaladas são as mais legais… Exemplo disso foi a baixa audiência que Jericho teve e por isso cancelada enquanto considero uma das melhores séries já existentes. Não comparo The Gates jamais à Jericho, mas achei a idéia legal.

  • Dêda diz: 3 de novembro de 2010

    -O gosto andava ruim até o episódio 5. Eu andava me irritando com o policial babaca (justamente protagonista da série) que não se tocava de que havia algo de estranho naquela paz toda do condomínio.
    Ele sabia q tinha alguma coisa errada só n sabia o q .Uma pessoa normal vai para uma cidade a ultima coisa q eu iria pensar é q meu vizinho era um vampiro. mesmo diante de fatos como a marca dos dentes no pescoso (ia acha que alguem tava fingindo ser uma vampiro rsrsrsr).
    - Eu tb n tava gostando da série achei uma mistureba, mais depois da esplicação Vanessa Buckley o motivo da construção da cidade achei até que a série tem um certo compromisso com o publico.Em relação a “vampiro de verdade” nunca baixei a séria achando q teria algum lá dentro(da série)pois se trata de uma série teen e nunca em uma serie teen vai ter aquele vampiro que n sai no sol que mata por prazer, pode até ter + ele vai sair e matar só para salvar a mocinha e depois que salva a mocinha ele lembra q ta no sol e morre rsrsrsrs.
    O último episodio da 1 temporada foi muito legal me deixou “animada ” para a 2 temporada (como série teen vale um 7,5)

  • Dêda diz: 3 de novembro de 2010

    Ops ñ vamos ver marcas no pescoço e nem em que Devon transformou o Charlie, uma pena terem cancelado a série.

  • matt diz: 16 de novembro de 2010

    sweet

Envie seu Comentário