Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

O fascínio de Spa

29 de agosto de 2008 11


Para o Alexandre, que falou aqui do prazer de andar em Spa mesmo em simuladores. É fantástico mesmo.

 

Como já disse, sou fascinado por vistas aéreas, e esta mostra muito bem o circuito de Spa-Francorchamps, com a seqüência de ladeira a baixo que o Alexandre se referiu em primeiro plano. Só está faltando um pedacinho da pista. No fundo, o novo complexo de box, a curva Eau Rouge e a parte modificada. Tá certo que tiraram a simpática curva Bus Stop, mas a pista ganhou um novo ponto de ultrapassagem. Se bem que a Bus Stop também era um bom ponto de ultrapassagem.

Testezinho: alguém sabe dizer por que o nome Spa?

Postado por Daniel Dias

Comentários (11)

  • L. Fabiano diz: 29 de agosto de 2008

    Cara, muito boa essa imagem aerea, Spa ja vale a pena só pela Eau Rouge.

  • Mário Gayer do Amaral diz: 29 de agosto de 2008

    Um fantástico circuito, sem dúvida. Mas, Daniel, todo mundo fala da Eau Rouge mas eu gosto mais daquela curvinha safada logo após a largada onde geralmente dois ou três ficam no caminho e que em 1998 ficou quase todo mundo, lembra? E uma aposta a todos os participantes do blog: Quantos carros ficarão naquela curvinha esse ano? com o fim do controle de tração, eu aposto que ficarão quatro. E vocês? Deem seus palpites. Abraços a todos.

  • Bruno diz: 29 de agosto de 2008

    Por causa do nome da cidade onde esta o circuito? Spa?

  • Manfredo Anders diz: 29 de agosto de 2008

    Porque fica próximo do município de Spa, na provìncia de Liège.
    E Francorchamps é uma minúscula localidade ao lado de Spa, e onde está mesmo o circuito.

  • Carlos Mota diz: 29 de agosto de 2008

    Antes de serconhecida pelos GPs de F1 e Motovelocidade, esta cidade belga era conhecida por suas águas termais. Daí vem seu nome.

  • Tiago Nobre de Souza diz: 29 de agosto de 2008

    Eles precisavam dos sons das trocas de marcha de Mônaco, mas não podiam mais fechar a cidade inteira pra fazer uma filmagem e gravação, então pediram pro Phil Hill (que foi uma pessoa chave na criação do filme) tentar simular estas trocas de marcha num local plano. O incrível é que ele conseguiu fazer TODAS as trocas de marcha (não lembro quantas eram na época) de uma volta na Mônaco da época para a gravação do som. Fora de comum.

  • Tiago Nobre de Souza diz: 29 de agosto de 2008

    Spa é a melhor corrida de todas, com toda a certeza! Daniel, viste que a Fórmula 1 perdeu o Phil Hill ontem (quinta-feira)? Tem uma história bem bacana do filme Grand Prix, que tu provavelmente conhece, mas que poderia comentar melhor para os leitores do blog, que mostra como os pilotos de antigamente eram fora do comum.

  • cleiton gremista diz: 29 de agosto de 2008

    grande Daniel, mais uma pista que é um colírio para os olhos. O nome não é por causa da cidade de Spa, que fica nas imediações? Abraços leopoldenses.

  • Alexandre Perin diz: 29 de agosto de 2008

    O termo “spa” foi criado justamente por causa desta cidade, que possui hotéis com aguas termais próximas. Suas águas minerais são famosas há séculos. É interessante ressaltar que as três cidades envolvidas: Spa, Stavelot e Malmedy, foram cruciais na ofensiva das Ardenas, uma tentativa de contra-ataque maçiço dos alemães na segunda guerra mundial. Procure pelo massacre de malmedy…

  • Fernando diz: 29 de agosto de 2008

    Daniel, eu acho que Spa é o nome da cidade!

  • Francisco diz: 29 de agosto de 2008

    O nome do circuíto é Spa-Francorchamps, pois a reta principal do circuíto faz ou fazia parte da estrada que liga as cidade de Spa e Francorchamps.

Envie seu Comentário