Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Após romper com patrocinador, McLaren cogita pintar carro laranja na próxima temporada

28 de dezembro de 2013 8
Foto Divulgação

McLaren na pré-temporada de 2006 (Divulgação)

A McLaren estuda inovar nas cores para o carro da próxima temporada. Sairia o tradicional cinza da “flecha de prata” e entraria o laranja — cor que estampou os autinhos do time inglês nos primórdios da escuderia.

O motivo da mudança é a saída da Vodafone, que foi patrocinadora oficial do time inglês até o fim da temporada de 2013. Como não firmou contrato com nenhuma outra empresa, a equipe cogita reativar a cor simbólica.

Especula-se que o laranja deve aparecer no evento de lançamento do carro. Depois, ao firmar novo contrato de patrocínio, tudo indica que a cor da lataria seria adaptada às do novo parceiro comercial. Nos bastidores, o boato é de que o time negocia com a Sony.

McLaren em 1969 (Foto Divulgação)

McLaren da temporada de 1969 (Divulgação)

Em 2006, após romper a parceria com os cigarros West, a McLaren adotou provisoriamente o laranja nos testes de pré-temporada em Barcelona (primeira foto, com Kimi Raikkonen ao volante). Depois, voltou ao tom prateado.

Oficialmente, a equipe usou o laranja até a temporada de 1972. Depois, o time usou preto e branco com listras vermelhas e douradas até, anos depois, incorporar o famoso vermelho e branco da Marlboro (1974 a 1996).

McLaren MP4/6

McLaren MP4/6 (Divulgação)

Particularmente, acho o laranja extravagante demais. Legal, mesmo, seria ver a McLaren branca e vermelha, como nos velhos tempos. Ainda mais com a Honda voltando em 2015. Certamente seria inspirador para os pilotos e, de quebra, um presentaço para os fãs do visual retrô. Vejam abaixo, uma prévia feita pelo estúdio Escape Artist Design:

Escape Artist Design, Divulgação

Visual retrô (Escape Artist Design, Divulgação)

E aí? O que vocês preferem?

Comentários (8)

  • Renan diz: 28 de dezembro de 2013

    Branca e vermelha!!!! Bah! Seria de arrepiar.

    Me pergunto se seria possível. Se aquele código de barras branco na Ferrari já deu naquela acusação de propaganda subliminar e forçou a escuderia a abandoná-lo, imagina só essas cores, que são o próprio pacote de cigarro.

  • Everton Lottermann diz: 28 de dezembro de 2013

    Fala meu amigo Leandro.
    Cara, ver novamente a McLaren em vermelho e branco seria bom demais para nós saudosistas do início da década de 90, era de ouro desta equipe com o nossso grande Airton Senna. O patrocínio da Marlboro é certo que não veremos mais devido à proibição da propaganda de cigarros, mas de qualquer forma ficamos na torcida para o novo patrocinador ser Colorado… hahaha

    Abraços!!

  • Christian diz: 28 de dezembro de 2013

    O visual da Marlboro seria demais, mas duvido que repitam por causa da referência explícita à fabricante de cigarros. O laranja não seria de todo ruim, mas não o tom forte como na foto dos treinos. Na década de 1960/1970 a combinação utilizada (laranja mais fraco combinado com branco) ficou muito mais equilibrada. No entanto é triste ver o prata ir embora depois de tantos anos. Espero que não venham com azul e branco…

  • André Severino diz: 28 de dezembro de 2013

    Olá Leandro! Minhas lembranças mais felizes com relação à F1 remetem-me aos tempos da dupla McLaren-Honda/Ayrton Senna. Era mágico assistir aos treinos e corridas do saudoso Senna, quando todos os outros pilotos lutavam pelo segundo lugar, pois o 1º, invariavelmente era dele! Seria fantástico rever a McLaren com as cores vitoriosas daqueles áureos tempos!
    Desejo a vc e a todos que te acompanham, um feliz 2014, pleno de conquistas e felicidade!

  • LUIZ OLAVO RODRIGUES PEREIRA diz: 29 de dezembro de 2013

    Bom dia amigo Leandro, pois bem a McLaren deverá ficar bem com a cor laranja combinando com preto, pois McLaren é sempre equipe vencedora independentemente da cor que usar, pois temos saudades dos tempos idos do nosso glorioso AYRTON SENNA, pois não temos pilotos da sua estirpe, hoje são pilotos medianos, e tanto faz a cor do carro, sem mais, desejos a todos um ano novo cheio de alegria, amor, saúde, dinheiro, paz, e que o nosso GRÊMIO seja T R I da LIBERTADORES.

  • diego luiz da silva diz: 29 de dezembro de 2013

    bom
    acho que nao voltara mais a ser como da epoca da Marlboro
    pelo fato de lembrar da marca e fazer uma “propaganda” para a indústria tabagista
    entao
    a cor quem escolhe vai ser o patrocinador principal que nesse caso parece que vai ser a sony !!!
    assim que assinar vai usar as cores que a sony quiser !!!!!

  • Gabriel diz: 31 de dezembro de 2013

    A cor básica da McLaren desde o início dos anos 70 foi o laranja, por identificação com a cor utilizada pela petroleira norte-americana Gulf, patrocinadora da equipe em diversas categorias (F-2, Indy, Can-Am). A cor branca com listras vermelha, azul e dourada eram de um patrocinador da F-1 (1972/1974, sendo que, neste último ano, a equipe foi obrigada a alinhar um terceiro carro, para a Yardley, conduzido por Mike Hailwood). Assim como a Ferrari e a Alfa-Romeo eram vermelhas (cor oficial da Itália para competições automobilísticas), Lotus e a Brabham eram verdes com detalhes em amarelo (verde é a cor oficial da Grã-Bretanha), e a Matra e a Tyrrell eram azuis (esta última por opção e pela relação com os patrocinadores franceses, dado que o azul é a cor da França). Quem se interessar pelo assunto das cores de países na pintura dos carros de competição pode recorrer à Internet para saber mais. A propósito, sabem porque os irmãos Fittipaldi escolheram pintar seus carros de F-1 na cor amarela a partir da temporada de 1977?

  • kaique reginaldo da cruz diz: 11 de novembro de 2014

    branca e vermelha!!!! vai ser de arrepiar nois brasileiros ia lembrar de boms momentos da mclaren honda!!!!

Envie seu Comentário