Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Ron Dennis insinua saída de Button e Magnussen em 2015: "McLaren vai contratar os melhores"

29 de agosto de 2014 0
Foto AFP

Foto AFP

Ainda não é oficial, mas é questão de tmepo. Jenson Button, que admitiu nesta semana que pode se aposentar, está fora dos planos da McLaren. Salvo se o time inglês não conseguir trazer os nomes de peso que cogita no mercado de pilotos: Fernando Alonso, Lewis Hamilton ou Sebastian Vettel.

De volta ao comando da escuderia, Ron Dennis foi claro sobre a dupla para 2015 ao declarar que pretende contratar “os melhores pilotos disponíveis”. Elogiou Button e a jovem promessa Kevin Magnussen, claro, mas não é preciso ser um especialista em Fórmula-1 para saber que os dois não são espetaculares.

Com motor Honda garantido e uma grande reforma interna, a McLaren confia que só falta “a cereja do bolo”, ou seja, um piloto de ponta. Mas Dennis desconversou a respeito de nomes como Alonso e Vettel, afirmando que “eles precisam estar disponíveis”:

— Quero que eles façam o melhor possível e, ao mesmo tempo, tenham maturidade o suficiente para entender que a McLaren sempre vai se esforçar para contratar os melhores pilotos possíveis. Se essas oportunidades surgirem, vamos aproveitar sempre. Todas as grandes equipes são assim nesse ponto. O fato de estarmos de olho em alguns nomes não nos contradiz.

ron_dennis

Dos nomes cogitados, Alonso seria o mais possível, mas dizem que o espanhol já está em adiantada negociação para renovar com a Ferrari. Vettel, apesar do desempenho ruim na temporada, não teria interesse em sair. Já Hamilton, que tem contrato com a Mercedes até 2015, só sairia se o clima com Rosberg e o time sair muito do controle. Logo, mudar é preciso, mas não é fácil.

Outro revés além dos compromissos atuais dos três pilotos é a questão financeira. Os três estão entre os mais bem pagos do grid e, certamente, só trocariam de ares se recebessem mais. Pelo visto, a McLaren insinua que “dinheiro não é problema”, mas na prática a situação pode ser bem diferente.

Enquanto isso, o diretor Eric Boullier destacou que o time está pensando em uma dupla “estratégica” para “três, talvez cinco temporadas”. Pelo visto, os discursos um pouco contraditórios entre os dois manda-chuvas têm uma clara estratégia: se contratar um nome de peso não for possível, uma renovação com a atual dupla — que não é ruim, vale dizer — ocorreria sem traumas.

Para fechar, uma fofoca administrativa da McLaren: depois de meses afastado, o ex-chefe da equipe, Martin Whitmarsh, foi demitido oficialmente, em um acordo polpudo diante dos 24 anos de trabalho dele no time. Diante da euforia para 2015, ninguém parece estar com mínima saudade do ex-comandante…

Cada vez mais distante de Bottas, Massa cobra melhor trabalho da Williams nos boxes

27 de agosto de 2014 12
Foto Ben Stansall / AFP

Foto Ben Stansall / AFP

Com 70 pontos a menos do que o companheiro Valtteri Bottas e sem um pódio sequer na temporada, Felipe Massa fez críticas indiretas à Williams pelo seu mau desempenho obtido na Bélgica, em especial sobre o trabalho realizado nos boxes.

O motivo foi o pedaço de pneu que colou no assoalho do carro do brasileiro no GP da Bélgica e o deixou mais lento na pista. O fragmento só foi removido após duas paradas e foi apontado por Massa como responsável pelo fraco desempenho _ largou em 9º e chegou em 13º.

_ Na qualificação, não fizemos um trabalho perfeito nos procedimentos. Por isso é que estou trabalhando, mas fica muito difícil. Espero que isso não aconteça mais. [Precisa melhorar] Em muitas coisas, não apenas no incidente [em que fragmento colou na base].

Chefe de operações da Williams e ex-engenheiro de Felipe na Ferrari, Rob Smedley disse compreender o pedido de Massa, mas destacou que as equipes de boxe têm apresentado uma boa evolução nas últimas corridas.

Foto Joe Klamar / AFP

Foto Joe Klamar / AFP

O que sinto, no entanto, é um excesso de “chororô” de Massa. Óbvio que o “intruso” no assoalho o tirou velocidade, mas crucificar a equipe por algo que não foi culpa dela é ridículo. O brasileiro tem dado muitas desculpas pela sua temporada irregular.

Talvez o melhor, no momento, fosse ficar em silêncio, se concentrar e discutir internamente formas de evoluir. Se a coisa está feia, reclamar não adianta. Tem de reagir. E tem mais: uma crítica dessas pega mal internamente entre os funcionários do time, que já têm demonstrado uma preferência natural por Bottas, pela consistência e bom desempenho do finlandês.

Para fechar: alguém arrisca qual será a próxima desculpa para Monza?

Para leitores do blog, Rosberg bateu de propósito em Hamilton na Bélgica

26 de agosto de 2014 2

Ainda há muita divergência sobre o polêmico acidente entre Nico Rosberg e Lewis Hamilton na segunda volta do GP da Bélgica, domingo passado. Para a maioria dos leitores do blog que participaram da enquete lançada ontem, no entanto, o alemão atingiu o britânico de propósito. Veja os resultados:

votacao_blog

 

Ascensão da Red Bull e triunfo de Ricciardo são destaque no TOP 5 da Bélgica

26 de agosto de 2014 0
Foto Tom Gandolfini / AFP

Foto Tom Gandolfini / AFP

A segunda vitória consecutiva de Daniel Ricciardo e a solução aerodinâmica no aerofólio que vitaminou a velocidade da Red Bull na Bélgica dominaram o nosso TOP 5.

Não conhece o TOP 5? Então, confira abaixo um resumo e o resultado, claro! A próxima votação será na Itália, no tradicional circuito de Monza, no dia 7 de setembro!

1. Piloto com melhor desempenho (Troféu “Esse é galo!”)
2. Piloto com pior desempenho (Troféu “Mas é um guri de apartamento!”)
3. Momento mais marcante (Troféu “Que barbaridade, tchê!”)
4. Momento mais frustrante (Troféu “Bah, essa é de cair os butiá do bolso!”)
5. Melhor ultrapassagem (Troféu “Maizá índio véio!”)

top5_belgica

Vídeo: Vettel dá primeira volta no circuito que sediará GP da Rússia em outubro

26 de agosto de 2014 1

Coube ao tetracampeão Sebastian Vettel, com um carro de rua da patrocinadora da Red Bull, a honra de ser o primeiro piloto da Fórmula-1 atual a guiar pelos 5,8 quilômetros do circuito de rua de Sochi, que receberá em 12 de outubro o GP da Rússia.

Com duas retas mais longas e 18 curvas, a maioria de baixa velocidade, a pista foi confirmada recentemente como sede da corrida. Havia risco de adiamento devido às obras no local, em meio ao parque olímpico que recebeu os Jogos de Inverno, no começo deste ano.

E aí, o que acharam do traçado? Eu gostei!