Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Saiba como estão os gêmeos que perderam a mãe em Bagé, 3 meses depois

02 de junho de 2016 0

Por Marcela Panke

Pedro Henrique, Adaildo e Maria Clara

Pedro Henrique, Adaildo e Maria Clara

Muitos leitores nos perguntam como estão os gêmeos Maria Clara e Pedro Henrique, de Bagé, que perderam a mãe, Lia Mara, aos 2 meses de vida. O pai, Adaildo Fontoura Franco, de 32 anos, ainda precisa de ajuda para cuidar dos bebês, hoje com 5 meses.

O blog voltou a conversar com o pai dos gêmeos, que é repositor de cereais em um supermercado de Bagé e ganha pouco mais de um salário mínimo. Ele contou que desde que perdeu a esposa, em fevereiro, tem recebido muita ajuda e muitas doações. Adaildo conseguiu pagar as despesas do funeral da mulher e começou a construir uma peça na casa dos pais, onde ele e os gêmeos vivem hoje. Os bebês estão bem, saudáveis e ganhando peso!

“Começamos a obra dessa peça, mas tivemos que parar por falta de verba. Aos poucos, vamos fazendo. Estamos recebendo muita ajuda, graças a Deus. Somos muito gratos a todos que nos apoiam. Meus pais e minhas irmãs também me ajudam muito a cuidar das crianças”, contou.

Adaildo vive com os filhos, Maria Clara e Pedro Henrique, de 5 meses, na casa dos pais dele, onde moram outras oito pessoas. A família ainda precisa de doações, seja para a compra de material de construção, seja para manter os bebês, com fraldas e leite. Para quem quiser ajudar, repassamos novamente o contato de Adaildo: 53-9709-5970.

Leia também:

“Vaquinha” online arrecada mais de R$130 mil para custear tratamento de menino de 4 anos com doença rara

Surpresa, mãe de quíntuplos faz campanha de arrecadação na internet

Mãe que doou órgãos do filho ouve o coração dele batendo em outra criança três anos depois

Lutando pela vida: pai filma primeiro ano de bebê prematuro

Família de Gravataí cria página para ajudar pais de crianças com microcefalia

Da desconfiança ao desmaio: como pais reagem à gravidez de gêmeos

Envie seu Comentário