Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Médicos gaúchos alertam para risco de traumatismo craniano em crianças que usam andadores

12 de agosto de 2016 0

Inmetro vai regulamentar a comercialização dos equipamentos no Brasil

Por Milena Schoeller

Foto: Andréa Graiz / Agencia RBS

Foto: Andréa Graiz / Agencia RBS

A Sociedade de Pediatria do Rio Grande do Sul divulgou nota nesta sexta-feira (12) condenando o uso e a comercialização de andadores. A justificativa é o risco de quedas e de traumatismo craniano nos bebês que usam. O pediatra responsável pelo Comitê de Segurança da entidade, Danilo Blank, afirma que a decisão do Inmetro, de apresentar uma portaria para regulamentar a comercialização do equipamento no Brasil, vai contra o que os profissionais defendem:

- Além do risco de traumatismo craniano, o andador pode causar até a morte da criança. Embora os índices sejam baixos em comparação aos dados da violência em geral, acreditamos que um equipamento que ofereça risco de morte a uma criança deve ser proibido, assim como o Canadá fez em 2004 – declarou Blank.

Outros aspectos que colaboram para o posicionamento contrário da Sociedade de Pediatria do Rio Grande do Sul, além do fácil acesso a locais que ofereçam risco, como escadas e piscinas, é o prejuízo no desenvolvimento do bebê. Segundo o médico Silvio Pereira Coelho, ortopedista-pediatra do Hospital da Criança Santo Antônio, em entrevista ao Jornal Zero Hora, as crianças que usam andador levam mais tempo para caminhar de forma independente.

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK

SIGA O FRALDA CHEIA NO TWITTER

SIGA DICAS DE MÃE NO INSTAGRAM

O documento regulamentando o equipamento no Brasil está em fase final de elaboração, após ter passado por consulta pública (acesse o relatório final). As regras devem ser divulgadas no Diário Oficial da União em 45 dias. A partir da regulamentação, o Inmetro poderá fazer testes periódicos com os andadores disponíveis no mercado para avaliar se os fabricantes cumprem as normas técnicas de qualidade e segurança estabelecidas.

Em 2013, a Sociedade Brasileira de Pediatria conseguiu uma liminar, na Justiça de Passo Fundo, proibindo em todo o Brasil a venda dos andadores tradicionais, onde a criança fica suspensa no equipamento. Mas a ação foi suspensa.

Circulam nas redes sociais várias imagens com alertas de porque não usar andador. Algumas delas (clique para ampliar):

Imagem: www.tupediatraenlinea.com.mx

 

Imagem: www.fisoterapia.com

Imagem: www.fisoterapia.com

 

Imagem: http://blogdakarlitcha.com.br/o-perigo-nos-andadores/

Imagem: http://blogdakarlitcha.com.br/o-perigo-nos-andadores/

Leia Também

Andadores infantis devem ser regulamentados

Prevenção de Acidentes na Infância: dicas e orientações

Aprovadas novas regras do Inmetro para berço infantil

Como proteger seu bebê durante o sono

Atenção para os cuidados que podem salvar a vida de seus filhos

Inmetro proíbe venda de chupetas e mamadeiras customizadas

Carrinho de bebê? Só com selo do Inmetro

Nenhuma cadeirinha recebe nota máxima em teste de segurança

Envie seu Comentário