Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Pais e professores receberão cartas do Ministério da Saúde incentivando a vacinação contra o HPV

15 de março de 2017 0

Por Elisandra Borba

Fonte: Gabriel Lain

Fonte: Gabriel Lain

Os ministérios da Saúde e Comunicação vão lançar uma campanha nacional para incentivar a vacinação de adolescentes nas escolas. O objetivo é imunizar os adolescentes contra a meningite do Tipo C e o HPV. Os pais e professores receberão cartas do Ministério da Saúde, explicando a importância da vacinação e consequências dos vírus para o futuro dos jovens. Serão distribuídos materiais para o trabalho de incentivo em sala de aula.

A campanha será realizada em duas etapas, já que a vacina deve ser tomada em duas doses, sendo a segunda seis meses após a primeira aplicação. Também será lançado um jogo chamado “Detona Vírus”, que é considerado pelos idealizadores um dos principais atrativos da campanha. O download do aplicativo pode ser baixado gratuitamente.

Segundo o Ministério da Saúde, o Brasil tem 5,5 milhões de meninas de 9 a 14 anos com o esquema vacinal contra o HPV ainda incompleto. No Brasil, são estimados 16 mil casos de câncer de colo do útero por ano e 5 mil óbitos de mulheres devido à doença. É o terceiro tipo de câncer mais comum em mulheres e a quarta causa de óbito por câncer no país.

Neste ano, os meninos também foram incluídos no calendário. Expectativa é imunizar mais de 3,6 mi de meninos em 2017. A vacina em meninos previne cânceres de pênis, ânus, garganta e verrugas genitais.

Os adolescentes de 12 a 13 anos, de ambos os sexos, também devem se imunizar contra a Meningite C. A meta da vacinação de meningite C é atingir 80% do público-alvo, formado por 7,2 milhões de adolescentes, em 2017.

Leia também:

Meninos também serão vacinados contra o HPV

Meninos já podem se vacinar contra o HPV

Já vacinou seu filho contra o HPV? Tire aqui suas dúvidas!

A vacina contra o HPV é segura?

Seis vacinas têm público-alvo ampliado no calendário nacional de 2017

Envie seu Comentário