Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Depois daquele dia, não sou mais a mesma...

14 de fevereiro de 2012 2

Liege Müller tinha 16 anos quando recebeu o título de Garota Verão 2002. Escolhida pelos jurados para disputar a final em Capão da Canoa, ela representou Agudo, região de cobertura da RBS TV Santa Maria, e superou mais de 4 mil candidatas de todo o Estado. Sem entender direito o que estava se passando na hora, caminhou na passarela para receber a faixa e teve uma explosão de alegria e felicidade. Até hoje ela se emociona quando escuta a música do concurso. E tem como não se emocionar?

Acompanhe o relato desta bela loira, que atualmente mora em São Paulo e é atriz.

Foi um momento muito mágico na minha vida… Lembro, como se fosse hoje, de tudo que aconteceu naquele dia, inclusive detalhes do momento em que o Sergio Do Erre anunciou a candidata de número 1 como vencedora. Nesta hora parece que fiz tudo no “botão automático”: vibrei e caminhei até o final da passarela para receber a faixa, mas não tinha noção do que estava acontecendo e de que realmente tinha sido eleita. Depois de receber a faixa, me virei para o público para fazer o tradicional desfile como Garota Verão e ao ver a torcida de Agudo [região da RBS TV Santa Maria] comemorando, minha família e amigos, tive uma explosão de alegria e felicidade. Somente neste momento a “ficha, literalmente, caiu”. Até hoje, toda vez que escuto a música do concurso Garota Verão, ainda me emociono muito.

No ano de 2002, o Garota Verão completava seus 20 anos de história. Sinto-me privilegiada por ter participado do concurso e principalmente por ter sido eleita a Garota Verão 2002. Justamente por ser a 20º edição do concurso estavam presentes todas as Garotas Verão, inclusive elas foram as  juradas, e por esse motivo me senti muito mais vitoriosa ainda. A etapa final em Capão da Canoa exigiu muita disposição de todas as meninas, foram quatro dias de muito ensaio e também tinham as avaliações de vídeo.

No dia da escolha realizamos um desfile maravilhoso com roupas de material reciclável idealizadas pelo estilista Xico Gonçalves. Lembro que a cada grupo de 20 meninas o modelo da roupa mudava, no meu grupo usávamos um top dourado com uma saia confeccionada com garrafas pets que causavam um efeito incrível. Também usamos biquínis de paetê maravilhosos com uma coroa lindíssima da mesma cor.

O meu sonho de menina tornou-se realidade ao ser eleita a Garota Verão 2002. Foi um momento único e muito importante, surgiram inúmeras oportunidades, cresci e amadureci como pessoa nessa etapa. Sou muito grata a todas as pessoas que me ajudaram a conquistar este título. Depois daquele dia, não sou mais a mesma, tudo mudou para muito melhor na minha vida. E parece mentira que já se passaram 10 anos de concurso.

O Garota Verão me trouxe muitos frutos. O ano foi maravilhoso porque tive a oportunidade de viajar muito e conhecer os diversos municípios do Rio Grande do Sul. Fiz ótimas amizades que mantenho até hoje. E tive a oportunidade de fazer vários trabalhos como modelo fotográfico. A partir deste ano, tudo mudou na minha vida, na minha cidade fiquei conhecida como “a menina que foi Garota Verão”. Adquiri mais responsabilidade, amadureci como pessoa e tive a certeza de que devemos sempre ter esperança e acreditar na concretização dos nossos sonhos.

Atualmente estou morando no Rio de Janeiro, concluindo a faculdade de teatro e trabalhando como atriz.


Fotos: Arquivo pessoal e Ricardo Penna/Divulgação


Comentários (2)

  • Cacá,the summer’s old boy! diz: 15 de fevereiro de 2012

    By the way,is she married?
    She is very beautiful,I’m fallin in love!Oh my God.

  • Vini diz: 19 de fevereiro de 2012

    A Liege, de Agudo (mais uma vez Agudo), simplesmente absoluta. A beleza dela casou perfeitamemte com o concurso. Eu me lembro bem da cena… como é BOM lembrar de quem mereceu levar o título. Uma pena é que um ano após, quando ela entregou o título, estava mais “cheinha” de corpo. Aí em 2003, ano em que ela entregou o título, me vem Michele Wrasse (de Agudo) arrasando tudo e todas. Acredito que Zanella venceu por questão de “milímetros” a Wrasse em 2003. E também pra não fazer “dobradinha”. E Francieli Fischer anos antes? Coisas de Agudo e que só Agudo oferece… hehe!

Envie seu Comentário