Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "Personagens da Folia"

Reveja o Personagens da Folia com Chula

10 de fevereiro de 2014 1

chula

Foi ao ar neste final de semana, na TVCOM, mais um programa Personagens da Folia da série 2014. O homenageado da vez foi Chula, mestre-sala da Restinga. Além de relembrar seus desfiles, Chula mostrou seu trabalho no projeto ” Bailado do Cisne” e, também, o seu trabalho como babalorixá.  Reveja:

Relembre também os demais programas clicando aqui:

Neste final de semana tem Personagens da Folia na TVCOM com Ademir Moraes, o Urso

22 de janeiro de 2014 0
Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Neste sábado tem mais uma edição do programa Personagens da Folia na TVCOM. A partir das 0h, o apresentador Cláudio Brito entrevista Ademir Moraes, o Urso.

A reprise do Personagens da Folia será no domingo para segunda, a partir das 0h, e terá flashes no programa Gaúcha no Carnaval.

Antônio Ademir de Moraes, o Urso foi o Presidente que trouxe a escola Império da Zona Norte de volta ao grupo-especial e reestruturou o patrimônio da entidade

A Império da Zona Norte foi fundada em 20 de março de 1975. Seus fundadores foram: Pedro Guilherme Lopes, Waldir Alves, Oscar Alves, Heitor Lopes, Carlos Alberto, Gildo Lopes e Ana Regina Lopes. Inicialmente localizada no bairro Sarandi, a escola acabou se mudando para outro bairro na zona norte, o Navegantes, onde tem sua quadra na Avenida Sertório7 .

Após vencer o carnaval de 1982, a escola acabou passando por maus momentos no final da década de 1990. Após conseguir se restabelecer e subir para o grupo especial novamente, em 2005, sob o comando de Antônio Ademir Moraes (o Urso), o Império foi vice-campeã em 2006 e 2007. A Império da Zona Norte conquistou o primeiro lugar do carnaval de Porto Alegre em 20088 .

 

Transmissão da Rainha do Carnaval será neste sábado na TVCOM, a partir das 23h.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

 

 

Conheça os vencedores do Prêmio Personagens da Folia

11 de fevereiro de 2013 2

Escola do juri popular: Bambas da Orgia
Samba-enredo: Unidos de Vila Isabel
Bateria: Estado Maior da Restinga
Meste-sala e Porta-bandeira: Chula e Priscila – Estado Maior da Restinga
Porta-Estandarte: Shayenne – Bambas da Orgia
Comissão de Frente: Imperadores do Samba e Imperatriz Dona Leopoldina
Intérprete: Lú Astral – Acadêmicos de Gravataí
Passistas: Adilson e Luciane – Bambas da Orgia
Escola juri técnico: Imperadores do Samba

Reveja o Personagens da Folia com Aderney Ramos

21 de janeiro de 2013 0

Para quem perdeu o 2º episódio da série Personagens da Folia 2013, o Gaúcha no Carnaval disponibiliza para você. Aderney Novaes Ramos, criador e diretor da famosa Ala Perigosas Peruas, dos Imperadores do Samba, foi o personagem deste programa. Reveja:

Relembre também o programa com o Rei Momo, Fábio Verçosa aqui

Aderney Ramos é o Personagem da Folia deste sábado

19 de janeiro de 2013 0

O Personagens da Folia com Cláudio Brito, na TVCOM, neste sábado, irá relembrar a história de Aderney Novaes Ramos, o criador e diretor da famosa Ala Perigosas Peruas, dos Imperadores do Samba. O programa vai ao ar às 17h30 no sábado com reprise no domingo à meia-noite.

Na semana passada, o programa foi com Fábio Verçoza, o Rei Momo do Carnaval de Porto Alegre. Perdeu? Confira aqui:

Gaúcha no Carnaval e Personagens da Folia neste sábado

12 de janeiro de 2013 1

A folia é em dose dupla neste sábado. O Gaúcha no Carnaval vem com muitas atrações neste sábado a partir das 21h30 no comando de Cláudio Brito. Já na TVCOM estreia mais uma edição do Personagens da Folia. O primeiro personagem da série deste ao será o Rei Momo do Carnaval de Porto Alegre, Fabio Verçosa. O programa vai ao ar a partir das 17h30. Não perca!

Inesquecíveis Personagens da Folia - Meneca

21 de março de 2012 6

Por Cláudio Brito

Morreu Meneca. O Carnaval de Porto Alegre perde mais um de seus baluartes. Luiz Fernando Soares de Lima foi intérprete, compositor, Mestre de Bateria, Diretor de Harmonia. Sua trajetória teve ponto culminante nos anos 80, nos Bambas da Orgia, mas também brilhou nos Imperadores, Umbu e Batutas da Orgia, de Taquari. Meneca era filho de Alceu Soares de Lima e irmão de Juarez, já falecidos. Alceu presidiu Os Bambas e a AECPARS. Juarez foi Carnavalesco e Figurinista dos Bambas e dos Imperadores. Meneca faleceu esta noite, no Instituto de Cardiologia, onde estava há cinco dias.

Relembre o Personagens da Folia que contava esta história. Com um detalhe: no final,  uma homenagem a outro grande baluarte do nosso Carnaval que partiu à época do programa, o mestre Neri Caveira.

Inesquecíveis Personagens da Folia - Sandro Pires

12 de março de 2012 2

Por Juliano Vieira

O Gaúcha no Carnaval retoma a lembrança de grandes momentos do Personagens da Folia da TVCOM recordando hoje o programa em que contou a história de Sandro Pires.

Assim como Cláudio Brito,  Sandro Pires é mais um bacharel em direito envolvido com o Carnaval. Para falar um pouco de sua trajetória, outro advogado-sambista, Antônio Carlos Côrtes:

“O Nelson Sargento, quando da posse do Elmo José dos Santos na presidência da Mangueira no final dos anos 90 se pronunciou: Menino, a
Mangueira é uma árvore frondosa, que tem raízes, tronco, galhos e frutos saborosos. Você, como Presidente, é galho desta arvore. Não se
esqueça: por mais que os galhos cresçam, tronco sempre será maior e quem sustenta o tronco são as raízes.

Doutor Sandro Pires, como sempre saudamos carinhosa e amorosamente, faz parte do tronco do nosso carnaval. Foi o primeiro assessor jurídico da Associação das Entidades Carnavalescas, elaborando seu Estatuto e Regimento Interno ao lado de baluartes como o negro Lemos Rubens Silva, Hemetério Barros, Alceu Soares de Lima e tantos outros. Amigo do Tio Borges e Tia Regina dos Fidalgos, mas especialmente de todos os carnavalescos.

Sandro Pires foi nomeado Promotor de Justiça em 27.08.1976, ano em que me formei em Direito, trago esta informação não por jactância, mas apenas para dizer que entre carnavalescos sempre há coincidências de datas que só orixás podem explicar os fundamentos, mas para aduzir que já era admirador de sua contribuição a cultura, eis que o imagino consultor dos Fidalgos quando estes levaram para a Avenida João Pessoa o memorável enredo vencedor do carnaval de 1973 que falava do Carnaval no Gelo.

Na sede campestre Associação do Ministério Público, nos famosos jantares das 3ªfeiras, após jogos de futebol e churrascos no final dos anos 80, levou apresentação de Escola de Samba, querendo dizer com isso aos Fiscais da Lei que ali estava à essência da cultura. No ano de 2011 por ocasião da Semana da Consciência Negra, na Câmara de Vereadores de Porto Alegre foi agraciado com troféu pela Associação dos Jurados do Carnaval, presidida por Silvio Aquino em reconhecimento e agradecimento por sua grande contribuição a cultura,mais uma vez emocionado lembrou-se da Tia Regina no enceramento do evento eis que orador principal.

Teria muito a falar do promotor e carnavalesco Sandro Dorival Marques Pires, mas me reporto ao início desta peça, dizendo que faz parte do tronco maior das raízes do nosso carnaval. Saber. Experiência. Conhecimentos que deságuam no diamante que reflete luz por todos os lados. Pois não existe povo no presente que desconheça seu passado.”

Relembre o programa:

Porto Alex no Personagens da Folia

23 de fevereiro de 2012 13

Por Juliano Vieira

Estávamos devendo o último Personagens da Folia desta temporada. Então, estamos pagando. Porto Alex foi o personagem em um programa gravado na quadra dos Bambas da Orgia.

O ex-intérprete de sambas-enredo conta sua história no Carnaval e como anda sua vida nos dias atuais.

Confira:

Inesquecíveis Personagens da Folia - Roxo

23 de fevereiro de 2012 3

Por Juliano Vieira

O Gaúcha no Carnaval segue relembrando grande personagens do nosso carnaval que tiveram suas vidas homenageadas no programa Personagens da Folia. Por aqui, você já viu Carlos Medina, Sebastião Flores, Mestre Nilton e Miguelzinho da Praiana. Agora, será a vez de relembrarmos um dos maiores carnavalescos que por aqui já se produziu: Carlos Alberto Barcellos, o Roxo.

Roxo dá nome à passarela do Porto Seco, onde desfilam as escolas de samba. Para falar de Roxo, um amigo seu de longa data: Odir Ferreira.

“ROXO: RAÇA, FORÇA, TALENTO E … IRMÃO!

Lourenço, o grande compositor musical, escreveu tudo o que eu gostaria de dizer, em vida, para Carlos Alberto Barcellos, o Roxo. E eu tive a oportunidade de fazê-lo pessoalmente, numa última sexta-feira do mês de julho de 1989, quando ele ainda estava internado no Hospital de Clínicas, em Porto Alegre. Roxo, foi meu colega na Rádio Princesa de Porto Alegre, emissora que liderou a audiência, no segmento da cultura popular, por duas décadas. Melhor: eu era colega dele, pois chegou à emissora alguns meses antes de mim. Mas quis o Grande Arquiteto do Universo que o Roxo nos deixasse muito cedo, com apenas 47 anos, no dia 1º de Agosto de 1989.

Lembro, ainda, daquela manhã muito fria. Os versos de Lourenço traduzem também, principalmente para aqueles que não conheceram o Roxo, como ele era na realidade: gente, raça, força e irmão. Alma brilhante como o sol. Tudo isto aliado a um talento espetacular que deu ao Roxo um status de celebridade do mundo do samba.

Porto Alegre foi seu chão. Coragem, audácia e ousadia não lhe faltavam para enfrentar o dia-a-dia. Foi um empreendedor nato. Um detalhe importante: por mais que estivesse com a agenda atribulada, mantinha, invariavelmente, aquele bom humor e demonstração de estar de bem com a vida. Tinha muita facilidade em conquistar novas amizades e amores. Aliás, as mulheres formam um capítulo à parte na vida de Roxo.

Teve, também, alguns desafetos ao longo de sua carreira, principalmente em função de ser um contestador por excelência. O “nego Roxo”, com gostava de ser chamado, formou-se na faculdade da vida. Foi também, músico, atleta de futebol e atuou profissionalmente no Carnaval. Aliás, o Carnaval foi a sua maior paixão. Coração vermelho e branco, foi “quase tudo” na Escola de Samba Imperadores, onde exerceu cargos e funções em todas as áreas.

Possuidor de tanto talento e sabedoria, chegou, com facilidade aos meios de comunicação. Primeiro, no Jornal Zero Hora. Depois, na Rádio Gaúcha, sucedendo o comunicador Cláudiio Brito, que saia da empresa para exercer a função de promotor de justiça, no Ministério Público. Já nos anos 80, foi para a Rádio Princesa, onde comandou, com brilhantismo – até o final de sua vida – o Programa Tarde de Sucessos.

Roxo, foi um verdadeiro “abridor de portas” para o Carnaval e para os músicos gaúchos. Por sua notoriedade, era sempre solicitado para participar em eventos e promoções que se relacionassem com a cultura popular. Carlos Alberto Barcelos, o Roxo, que deu nome a nossa Passarela do Samba, em Porto Alegre, jamais será esquecido.

Por tudo o que ele fez, por tudo que ele representou no segmento da cultura popular. Neste início de 2012, quando eu estou completando 34 anos, ininterruptos, de cobertura do Carnaval, quero deixar este registro, com meus mais sinceros agradecimentos por tudo o que aprendi com o colega, amigo e irmão Carlos Alberto Barcellos, o Roxo. Sorriso e felicidade, sem dúvidas, sem comentários, tomou conta de toda a cidade. Roxo, alma brilhante para sempre… Obrigado por ter existido.”