Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts na categoria "Tendência"

Só fofurices na passarela da Oh, Boy!

04 de dezembro de 2012 0

Se depender da Oh, Boy!, o inverno 2013 será coloridíssimo, com muito azul, amarelo e rosa, ignorando a tradição das cores sóbrias. A marca carioca, voltada para garotas pops, se inspirou no estilo tomboys dos anos 60 (com referências como Audrey Hepburn e Twiggy) e em fofurices da Internet, como a gatinha Choupette, de Karl Lagerfeld, e o cachorro Boo, que faz o maior sucesso no YouTube.

As estampas de gatinhos, cachorrinhos, sorvetes e balões, as patinhas estilizadas que aparecem em várias peças, os cabelos com ar retrô e os maxiacessórios ganharam um “ooohhhh” generalizado do público. Tinha até bolsa para transportar os animais. Eu fiquei mesmo apaixonada pela estampa de gatinhos desta blusa, à direita. Aliás, a modelo teve trabalho para desfilar com um felino na passarela. Eles ficam muito assustados neste tipo de situação! Foi este look que me fez olhar no detalhe a coleção inteirinha da Oh, Boy! e fazer coro para o “ooohhhh” da plateia do Fashion Rio.

Temporada de desfiles da SPFW apresenta tendências para o inverno 2013

29 de outubro de 2012 2

A Osklen abriu a temporada de desfiles da São Paulo Fashion Week Inverno 2013 ao meio dia desta segunda-feira. Esta foi a terceira temporada de 2012, depois do ajuste do Calendário Oficial da Moda Brasileira, que agora fica sintonizado com os principais eventos internacionais. As coleções de inverno passam a ser mostradas entre outubro e novembro e as de verão, em março e abril.


A mudança do calendário é uma reivindicação antiga do mercado, atende a uma necessidade direta das marcas e confecções que terão agora um intervalo maior entre o lançamento, a produção e entrega das coleções ao consumidor final. A SPFW mudou também de endereço e, nesta edição, estará no Parque Villa Lobos. O Fashion Rio acontece de 7 a 9 de novembro no Píer Mauá.


Confira o line up das duas semanas de moda brasileira:

SÃO PAULO FASHION WEEK

Hoje (29 de outubro)
Osklen – 12 horas
Têca por Hêlo Rocha – 15 horas
Ronaldo Fraga – 16 horas
FH por Fause Haten – 17h30
Tufi Duek – 19 horas
Triton – 20 horas
Ellus – 21 horas

Terça-feira (30 de outubro)
João Pimenta – 16 horas
Uma Raquel Davidowicz – 17h30
Samuel Cirnansck – 19 horas
Lino Villaventura – 20h30
Colcci – 21h30

Quarta-feira (31 de outubro)
Gloria Coelho – 11h30
Alexandre Herchcovitch – 16 horas
Maria Garcia – 17h30
R.Rosner – 19 horas
Vitorino Campos – 20h15
Forum – 21h30

Quinta-feira (1º de outubro)

Reinaldo Lourenço – 11 horas

FASHION RIO

Quarta-feira (7 de outubro)
Rio Moda Hype – 11 horas
Acquastudio – 17 horas
Herchcovitch – 18 horas
Oh Boy – 19 horas
Ágatha – 20 horas
Alessa – 21 horas
TNG – 22 horas

Quinta-feira (8 de outubro)
Bianca Marques – 12 horas    
Oestúdio – 17 horas    
Sacada – 18h30    
Filhas de Gaia – 19h30    
2nd Floor – 20h30
Espaço Fashion – 22 horas

Sexta-feira (9 de outubro)
R.Groove – 17 horas
Nica Kessler    - 18 horas
Andrea Marques    - 19 horas
Patachou – 20 horas
Coca Cola Clothing – 21 horas
Auslander – 22 horas


A estética das montanhas da Osklen

Com 18 looks, a marca carioca Osklen apresentou uma coleção rica em texturas e bordados, inspirada na arquitetura e sofisticação de Aspen, dos anos 50 e 60. O ponto alto foram peças em jacquard de algodão, com a estampa do tradicional leão da Osklen – desenvolvido em tear artesanal, nas cores do desfile combinadas numa única peça: preto, off-whitte e carmim.


Luz e cor nos desfiles de Carolina Herrera e Tommy Hilfiger

04 de outubro de 2012 0

Com silhuetas fluidas, Carolina Herrera exibiu uma coleção cheia de luz na Semana de Moda de Nova York. “Eu me inspirei no movimento da luz, numa fluidez encantadora”, explicou a estilista logo após o seu desfile de primavera-verão 2013, afirmando ter apostado numa “nova silhueta” com comprimento, corte marcado e, de vez em quando, com calças curtas ou shorts.

As roupas tinham cintura marcada e as cores foram doces e claras, mas também houve lugar para estampados leves e belos alaranjados – cor que novamente apareceu em várias coleções apresentadas em Nova York. “Também misturei o romantismo de certas aparências com impressões abstratas”, explicou a estilista de 73 anos, que tem a arte de transformar complexidade em luminosa simplicidade.

O tema viagem dominou os desfiles da Tommy Hilfiger. No cenário da high line (passeio público criado em uma antiga linha ferroviária nova-iorquina), a Tommy conduziu seus espectadores a uma “viagem americana”, decididamente patriótica, para apresentar sua coleção feminina, na qual pedominaram o vermelho, o azul e o branco (cores da bandeira dos Estados Unidos), em um clima que lembrava o exclusivo balneário Hampton, com uma casa de praia de teto tricolor. (Com informações da AFP)


Listras e estampas de cordas foram predominantes em jaquetas de corte reto, calças retas ou largas arrastando no chão, em vestidos trapézio longos e nos vestidos de couro curtos da Tommy

 

 

 

A doçura da coleção de Carolina Herrera esteve presente nas saias longas e nos vestidos de seda e gaze. Algumas peças acabadas com leves adornos nas costas, cintura marcada ou um ombro só para provocar o efeito de corte assimétrico

Hipnotizante Marc Jacobs

01 de outubro de 2012 0

Marc Jacobs abandonou o romantismo e apresentou uma coleção ousada na Semana de Moda de Nova York, com listras hipnotizantes, submetidas a extrema velocidade. Celebridades como a cantora e estilista britânica Kelly Osbourne e o cantor Ricky Martin estavam na plateia no Armory Lexington, onde desfilaram as modelos de Jacobs no ritmo de “Copped it”, da banda punk britânica The Fall.

 

“Muito selvagem, muito sexy, muito simples, sem romance, sem emoção, apenas o poder real, força e simplicidade”, descreveu Jacobs, um forte contraste com muitas de suas etéreas apresentações em Nova York. Pela passarela triangular passaram uma camisa; em seguida, uma túnica com listras; depois, um conjunto listrado com uma bolsa combinando; uma camisa com Mickey Mouse.


As linhas retas deram lugar a grandes estampas com desenhos psicodélicos saídos do LSD – sobre isso Jacobs citou Edie Sedgwick, musa do ícone pop dos anos 1960 Andy Warhol, como inspiração. Jacobs, que em 2007 fez um desfile de duas horas, disse que a apresentação do dia 10 de setembro poderia ser a mais rápida já feita. “Meu sonho é um show que dure um minuto. Eu gostaria de terminá-lo antes de todos.”

(Com informações da AFP)



Marcas de calçados apostam em coleções com modelos iguais para mães e filhas

30 de setembro de 2012 0

Julia tem seis anos e é toda estilosa. A mãe, Patrícia Voigt Socher, não esconde o orgulho de ser uma referência para ela. É pensando neste público e nesta nova tendência – mães e filhas que estão loucas para desfilar por aí com peças iguaizinhas – que a Capodarte desenvolveu uma coleção para o verão 2013. São sapatilhas de várias cores, como a dourada que elas exibem na foto abaixo, e chinelos que são uma graça.


“Adoramos fazer compras juntas, mas nem sempre encontramos marcas que ofereçam peças adulta e infantil com a mesma estampa ou características aqui em Joinville. A sapatilha a gente adorou”, explica Patrícia. A Capodarte inagurou sua loja no Joinville no Garten Shopping.

 

 


 


Lego só para mulheres

26 de setembro de 2012 0

Clutches, pulseiras, brincos, colares, todos feitos com as pecinhas de plástico coloridas da marca Lego. Parece coisa de criança? Não mesmo! Para comemorar os 80 anos da marca, que encanta adultos e crianças, a loja Agabag (www.agabag.com) está comercializando os acessórios supercoloridos e divertidos no seu site. Todos são produzidos artesanalmente. O brinquedo versátil e aparentemente eterno surgiu nos anos 1930, na Dinamarca. As peças eram inicialmente feitas de madeira. Foi no final dos anos 1940 que surgiram os primeiros blocos de plástico, criados de maneira que se encaixassem de várias formas, semelhantes aos que são fabricados ainda hoje. Para as mulheres que desejam dar um up do visual com uma peça diferenciada, as pulseiras e colares da Lego são uma boa aposta. Mas eu adorei mesmo as clutches coloridas. Acho que elas são estilosas e tem a cara do verão.

 


Jorge Bischoff aposta nas candy colors para o verão 2013

20 de setembro de 2012 0

As cores do verão já começam a dar as caras nas vitrines. Inspiradas nos tons suaves dos sorvetes e dos macarons, famosos doces franceses, as chamadas candy colors são a grande aposta do verão 20123 e trazem cores como rosa, verde, azul e amarelo, tudo bem clarinho e delicado. Lá fora, quem lançou a tendência foi a grife francesa Louis Vuitton.

Por aqui, quem aposta forte nas candy colors é a grife de calçados e acessórios Jorge Bischoff (foto abaixo). A marca viajou no tempo em busca dos visuais poéticos das décadas passadas, e o resultado são peças femininas, delicadas e em total sintonia com a moda. Tons de salmão, verde água e bege em modelos como scarpin e rasteirinhas prometem dar o toque romântico nos looks das garotas antenadas.



O luxo de Saab como inspiração

19 de setembro de 2012 0

Os vestidos do estilista libanês Elie Saab despertam suspiros e desejos, tamanha a delicadeza e o requinte aliados numa única peça. Além disso, as transparências, o brilho e os decotes generosos dão um toque sexy, simplesmente adorável. Esta coleção de alta costura para o inverno 2013, apresentada em Paris, me despertou vários suspiros e desejos. Fiquei apaixonada pelos pretos. Mas os tons pastel e os detalhes dourados é que deram show na passarela. O cinto fininho marcando a cintura, delineando a silhueta foi o acabamento perfeito. Nos cabelos, apenas tranças. Tudo muito limpo e elegante. O que brilha é o vestido. As criações de Saab são sempre uma aposta para as celebridades que desfilam no Tapete Vermelho e servem como inspiração para mulheres do mundo inteiro na hora de definir um vestido de festa. Em entrevista ao portal WWD, Saab revelou que suas inspirações para esta coleção de alta costura saíram diretamente da Turquia.



Inspire-se no estilo e vintage e aprenda a compor um look com peças de brechó

08 de setembro de 2012 0

O costume de comprar roupas em brechó é muito comum na Europa e até nos Estados Unidos. Os brasileiros ainda consideram algo alternativo. Mas aos poucos o comércio de produtos de segunda mão está conquistando seu espaço no mercado. “Focados na sustentabilidade, na valorização do estilo vintage (também fortemente presente na arquitetura e na decoração), na exclusividade e no bom preço, os brechós estão conquistando a clientela cult”, explica Bárbara Zanella, que montou um brechó virtual faz algum tempo: o Dress Like a Nerd (www.dresslikeanerd.com.br).

Apaixonada por moda, ela mesma separou as peças para produzir este editorial e mostrar às mulheres que é possível combinar e desfilar o estilo vintage sem medo. Ela lembra que os cuidados na hora da compra são os mesmos que devem ser tomados numa loja qualquer. “Certifique-se de que a peça não possui rasgos ou furos e de que a costura está firme. Invista em tecidos de qualidade. No caso da compra realizada virtualmente, certifique-se de que a loja tenha histórico de vendas e de clientes satisfeitos”, ressalta Bárbara.


 

INVISTA NOS CLÁSSICOS
Passe o tempo que passar, dez, vinte, trinta anos, algumas peças nunca saem de moda. Estas são curingas nas compras de brechó: um bom vestido tubinho e um blazer estruturado. Perfeitas para composições atuais. A moda até pode ser reinventada a cada estação, porém, a base sempre foi sólida. Blazer tribal custa R$ 50; vestido de renda acervo; lenço de seda custa R$ 10.


 

 

VERMELHO, PRETO E BRANCO
São as cores must have do armário e por estarem sempre presentes no cenário da moda é fácil encontrá-las em brechó. Não é regra usar todas ao mesmo tempo, é claro. Mas tenha pelo menos uma peça de cada e misture com cores-tendência para atualizar o look. Blazer três cores custa R$ 40; e saia plissada, acervo.

 

 

TRICÔS E FLORAIS
São as principais texturas em que você deve investir no visual vintage. São fáceis de encontrar nos brechós e podem se tornar peças-chave de um look. Os florais podem ser usados  também no inverno em tons mais fechados. E os tricôs em versões mais curtas são ótimos para os dias mais frescos. Top de tricô custa R$ 20;  e saia floral, R$ 30.

 

 

 

CUSTOMIZE
Viu aquele tutorial de faça-você-mesmo na internet, achou superbacana, mas não quer arriscar naquela peça supercara? As peças de brechó são ótimas para isso, pois o preço geralmente é mais baixo. Ilustre, pinte, borde e reforme peças antigas para criar um look exclusivo. Para os menos prendados, vale a pena pedir ajuda da costureira ou do amigo talentoso. Lenço de poá, acervo; camisa masculina (intervenção no bordado e na gola), também acervo; e short de sarja (intervenção de Valter Hamagushi) custa R$ 50.


Quem fez o quê
Styling: Barbara Zanella (www.dresslikeanerd.com.br)
Fotografia: Luiza Marques Lima (www.facebook.com/lu.marqueslima)

Uma camisa, cinco estilos

01 de setembro de 2012 0

Do trabalho à balada, a camisa branca é garantia de um visual elegante e clássico em qualquer ambiente.

Camisa branca é mais um clássico que mademoiselle Chanel levou para o guarda-roupa feminino. Mas não é porque é clássico que precisa ser usado sempre do mesmo jeito.

A proposta desse ensaio, produzido pela consultora de estilo Josane Muriel, é ensinar que, com uma única peça, é possível montar cinco looks capazes de agradar a estilos muito diferentes.

Afinal, variedade de combinações é item fundamental em roupas que fazem parte do closet da mulher contemporânea. Josane também é blogueira de moda e sempre tem dicas exclusivas no blog  Chiquerria.



Clássica moderninha

Para quem quer usar camisa branca com saia lápis, uma boa notícia: não existem só as pretas. A nova estação chega repleta de saias com estampas de lenço e florais, o que acrescenta um ar moderno para essa combinação clássica. Eleja a sua preferida e aguarde os elogios! Camisa branca Dudalina, cardigã Makenji, saia Corporeum (Pimenta Rosa), sapatos e clutch Jorge Bischoff (ambos Resedá Calçados) e acessórios Morana

 

 

Brilho na medida

Camisa branca pode ir pra balada sim, senhor! Combinada com um short boxer cheio de brilho, acessórios poderosos e sapato neon pra arrematar, ela segura o look e ainda por cima arrasa na pista. Camisa branca Dudalina, short boxer Corporeum (Pimenta Rosa), peep toes neon (Jorge Bischoff), carteira Makenji e acessórios Morana

 

 

Refinada elegante

Combinada com uma bela saia longa, a camisa branca ganha um ar cheio de classe e refinamento. Capriche no maxicolar encaixadinho na gola, supertruque de styling que acrescenta mais um ponto de luz no look. Camisa branca Dudalina, saia Makenji, carteira Flor (MADmoizelle Outlet), sapatos Jorge Bischoff (Resedá Calçados) e acessórios Morana

 

 

Jovem street

Camisa branca pode, sim, fazer parte de um look jovem e superstreet. Short jeans, cardigã com estampa de onça e sneakers (a febre do momento) são os complementos perfeitos para um visual moderno e descomplicado. Camisa branca Dudalina, short e cardigã Carlos Miele (ambos MADmoizelle Outlet), sneakers Dumond (Resedá Calçados) e acessórios Morana

 

 

Romântica girlie

Para um visual supergirlie, basta uma saia curtinha e rodada acompanhada de um romântico bolero. Repare no charme que o broche confere ao look – truque fácil de repetir em casa. Para dar uma temperadinha, peep toes em verniz vermelho garantem uma pitada de sensualidade para a mocinha. Camisa branca Dudalina, bolero Maria Bonita Extra e saia Gig (ambos MADmoizelle Outlet), sapatos Jorge Bischoff (Resedá Calçados) e acessórios Morana

 

 

Quem fez o quê

Fotografia: Maiara Bersch

Produção e estilo: Josane Muriel

Cabelo e maquiagem: Leila & Gisele Centro de Estética

Modelos: Gabriela Possamai e Gabriela Michels (DF Model)

Marcas e lojas que participaram do editorial: Dudalina, MADmoizelle Outlet, Pimenta Rosa, Resedá Calçados, Makenji, Morana, Jorge Bischoff, Carlos Miele, Dumond, Maria Bonita Extra, Gig e Flor

Locação: Moobil Design

 

 

Confira a galeria de fotos.