Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Grêmio segue inofensivo fora de casa

01 de outubro de 2016 42

Por Guilherme Mazui / @guilhermemazui

O G-4 pode virar até G-8. Não fará diferença. Inofensivo fora de casa, o Grêmio passa longe da vaga na Libertadores. A derrota por a 1 0 para o Cruzeiro foi mais um jogo cururu de uma campanha vexatória como visitante.

O efeito Renato não funcionou longe da Arena. Muito desfalcado, o Grêmio começou bem, mas o pé torto impediu o gol. Luan voltou a perder chance clara. Sem a frieza dos matadores, o piá capricha nas finalizações, porém a eficiência passa longe. Foi assim, mais uma vez, no Mineirão. Apesar da dificuldade, Luan segue como o melhor jogador do time.

Desesperado para deixar o Z-4, o Cruzeiro pressionou e ganhou espaço. Não tivemos inteligência para usar o contragolpe. Ao mesmo tempo em que amplia o poder de marcação, o esquema com três volantes  reduz a criatividade. É um preço que Renato aceita pagar. Por isso, é fundamental ser eficiente nas conclusões.

A defesa tricolor sofreu, em especial no segundo tempo. O Cruzeiro poderia ter vencido com tranquilidade. Achou o gol do jogo em uma bola na área. O Grêmio comemorava uma excelente defesa de Bruno Grassi, quando dormiu no ponto. Escanteio curto e rápido, a bola alcançou Henrique, que guardou.

A oito pontos do G-4 e a seis de um eventual G-5, o Grêmio tem 10 jogos para acordar. Como torcedor, tenho de acreditar.

Sobre a grama vermelha, alguns vizinhos vermelhos dirão que o Grêmio fez corpo mole. Discordo. O Grêmio apenas se repetiu como visitante. Pé torno na frente, furando com bola alçada na área. Nada de novo.

Comentários (42)

  • Rodrigo (RJ) diz: 1 de outubro de 2016

    Saudações Tricolores!
    Não dá para avaliar um jogo destes, com tantos componentes anímicos e éticos envolvidos. Tenho certeza que contra o Vitória o time vai buscar algum dos cinco pontos que nos separam da série B.
    Aquele abraço.

  • LAERT diz: 1 de outubro de 2016

    Só mudou para pior conforme era o esperado.
    Antes o que Grêmio perdia fora de casa tentando jogar futebol, mesmo com toquinhos para lá e para cá, agora temos um time que dá balão tempo todo, jogando feio, e ineficiente da mesma forma. Esse é o esquema Renato. Oitenta volantes e balão para a frente.

    Só mesmo Luan e Douglas ainda tentaram jogar futebol. O resto é um filme de terror.
    As malfadas falhas nas bolas aérea continuam. No primeiro tempo o Cruzeiro ganhou praticamente todas as bolas, sendo que seus atacantes só não marcaram de cabeça porque o Rafael Sobis errou quando subiu sozinho e a outra cabeçada, a bola foi defendida pelo Bruno Grassi.

    O mérito de Renato foi ter aceitado um contrato de apenas 3 meses, uma verdadeira fria para quem se habilita.

    E não me venham dizer que o resultado foi bom porque prejudicou o tradicional adversário. O resultado foi péssimo pois afasta ainda mais o time tricolor da disputa
    por uma vaga na Libertadores.Se alguém for rebaixado será por incompetência, como já aconteceu com o Grêmio e não é da alçada dos gremistas. O que a verdadeira torcida quer mesmo é ver seu time disputando títulos e a Libertadores é um dos mais importantes.

    Vou torcer pelo sucesso de Renato, pois é um gremista de verdade, mas não tenho a menor esperança que ele dê jeito no time atual do Grêmio. Ter que escalar um Wallace Oliveira por falta de opção melhor já desanima qualquer um.

    Esse tal Wallace Oliveira é uma contratação misteriosa que ninguém entendeu até hoje.
    Não sabe defender e nem atacar. Um jogador totalmente inútil e está ganhando uma grana para não produzir nada. Qualquer jogador da base renderia mais que ele.

    A esperança fica por conta da Copa do Brasil, onde a sorte também joga.
    Quem sabe aconteça o milagre. Esse nosso time é fraco mesmo e pronto. A Copa do Brasil nem sempre é ganha pelo melhor time.

    O Grêmio ainda tem um campeonato de um jogo só para disputar na Arena, o Grenal.
    Renato tem a obrigação de ganhar esse jogo. Vale 6 pontos. Não precisa ganhar de 5 a 0 como fez o treinador anterior, mas tem que vencer.

  • Nélio diz: 1 de outubro de 2016

    Que time sofrível. Como pode termos jogadores vestindo a camisa que outrora impunha respeito, como WALACE OLIVEIRA: Se não existe ninguém na base melhor é bom fechar o departamento amador.
    MARCELO OLIVEIRA: Dói ver um jogador assim ser titular absoluto do time.
    JAILSON, KAIO E agora descobriram um tal de GUILHERME, que não sabe dominar uma bola.
    LUAN e DOUGLAS: Displicentes, toques enfeitados e nada de gol. Aliás o LUAN deveria ser proibido de bater de chapa para o gol, nunca acerta.
    Que Presidente, sem noção. Após dois anos de gestão, como pode nos apresentar um time, sem atacantes, laterais, meio campistas e os reservas não seriam em sua maioria titulares nos times da Segunda ou Terceira Divisão.
    É muito amadorismo. Cancelei meu cartão de sócio

  • Gabriel diz: 1 de outubro de 2016

    Pena que o Luan não tem força física, não tem explosão muscular e não tem uma intensidade tão grande quanto o pitoco do Ramiro (nem de perto, aliás). Poderia ser um craque. Mas só com sua técnica refinada não passa de um bom jogador. Um meia atacante de grande qualidade, mas que não tem vigor físico para completar as jogadas e nenhum instinto em ser artilheiro. Que pena. Ainda tem tempo pra mudar e crescer muito, ele é jovem, mas vai levar alguns anos…enquanto isso dependerá de uma marcação frouxa para jogar (e o Grêmio junto esperando o Luan ter espaço!). E, sim, ele e o pança Douglas são os nossos diferenciais técnicos, não há como tirá-los do time, a não ser que o Grêmio contrate outros melhores no ano que vêm ou que surjam melhores na base!

  • Carlosabreu diz: 1 de outubro de 2016

    resultado esperado quando o grêmio joga fora de casa. atuações fracas chances claras desperdiçadas .contra o Vitória nova derrota. luan o jogador mais lúcido do grêmio no jogo sempre se movimentou a procura de espaço e parceria onde seus companheiros não ajudaram. muito chutao e pouca organização das jogadas de ataque. enfim vamos ao próximo jogo sem muita expectativa de vitória.

  • Sérgio LM diz: 1 de outubro de 2016

    O resumo desse jogo é o mesmo dos últimos tempos com Róger, ao jogar fora de casa: se o Grêmio joga p/ empatar, perde. Jogar recuado, tentando vencer com um lance fortuito (o time não é treinado p/ contra-atacar e não tem jogadores rápidos e bons na finalização) é esperar por um tiro de misericórdia. Isso ficou bem claro na substituição de Pedro Rocha, que se atirou e saiu na maca p/ matar tempo.
    O Grêmio só passará a vencer fora de casa quando jogar do mesmo modo que em casa: marcando a saída de bola, pressão no campo adversário – é o que sempre diferenciou esse time. Com 10 marcando atrás do meio-campo, levamos até bola nas costas dos laterais; como segurar e contra-atacar assim?

  • Fabio diz: 2 de outubro de 2016

    Meu Deus, que timeco! Sem treinador, sem presidente, sem elenco! E ainda querem reeleger esse Ruimildo pançudo! Esquema cagão com 3 volantes e o anão inútil de armador!

    Larguei de mão.

  • MIRO diz: 2 de outubro de 2016

    Mas tenho certeza que daqui a pouco o Benedito vai entrar e dizer que foi tudo bom, perdemos para ferrar eles, nos temos é que ganhar títulos e não perder jogos para rebaixalos e se ele escampam como é que nos ficamos, além disso vai dizer que fomos prejudicados pela arbitagem não deram 3 penaltys a nosso favor, e o gol do cruzeiro foi de uma cobrança de escanteio sem eles estarem cuidando da bola e o juiz deixou.

    Mas a verdade é que nosso time é fraco, não é o pior do campeonato este titulo já tem dono, mas isto não é problema nosso, temos jogadores de nível médio p/baixo tipo este Guilherme, isto é jogador para o S.jose, os 2 volantes de hoje também não são de confiança, além dos já manjados os 2 Oliveiras, e o P.Rocha é um legítimo eletro cardiograma em jogo esta lá em cima e no outro lá embaixo, mas este com o tempo ainda vai melhorar, isto sem falar no nosso treinador vitalício, que quando não esta treinando o Gremio esta se aperfeiçoando e estudando muito nas areias de Copacabana
    jogando o seu futevôlei e terminando com um divino chopinho gelado, mas é sito que querem e assim a caravana vai indo.

  • amaury cruz diz: 2 de outubro de 2016

    Nem adianta comentar alguma coisa, 80/90 % desse time não tem a mínima condição de vestir a camisa do Grêmio.
    É um time deplorável. E ainda temos de aguentar o Douglas jogando de calção franzido…

  • João Agrário diz: 2 de outubro de 2016

    O Grêmio é a 4ª pior campanha do returno. Não vai ser rebaixado porque acumulamos muita gordura. Mas já começa 2017 como um dos favoritos para cair.

    Para completar a desgraça, o melhor jogador do time não é escalado onde mais rende. Luan encantou o Brasil como camisa 10, meia armador, nas olimpíadas, atrás do Neymar e dos dois Gabriéis. Aqui é sacrificado para o Douglas poder jogar.

    Luan é obrigado a fazer algo que não sabe: Finalizar. Tem dez gols por ano! O bom do Luan é o passe, a saída qualificada de trás, como vimos nas olimpíadas. Na seleção o Luan deixava os companheiros em condições de finalizar. Como fez hoje com o Pedro Rocha. No Grêmio o Luan tem que finalizar, ser o artilheiro da equipe, falso nove.

    O Grêmio desperdiça o Luan por causa do Douglas!

    O futebol do Grêmio está mal pensado há muito tempo.

  • Ricardo C diz: 2 de outubro de 2016

    O time do Grêmio é tão ruim que o lumbriguento do Luan é nosso melhor jogador, isso por si só já explica muita coisa.

  • ARI diz: 2 de outubro de 2016

    Luan=Pé de Alface

  • Benedito diz: 2 de outubro de 2016

    Eu também acredito, Mazzui.
    Mas como tem anti-gremistas neste blog! Os vermelhos estão perto da série B e ainda tem coragem de postar no blog GREMISTA? Até o Valdomiro reapareceu agora, depois de tantos anos.
    COMPANHEIROS GREMISTAS: Precisamos de um xerife dentro do campo. Devo admitir que no aspecto imposição os jogadores gremistas se postam verdadeiros bundas mole. Ontem, se tivéssemos alguem para chegar junto do juiz o Henrique teria sido expulso. Mas os gremistas abaixam a cabeça e aceitam. O gandula rolou a bola para o jogador do Cruzeiro cobrar o escanteio. Pelo que sei, isso não pode. E aí entrou o Valdoimiro dizendo besteiras.
    Mazzui, você já imaginou se o treinador do Grêmio ainda fosse o Roger, nessa derrota?
    O Renato sempre foi e sempre será meu ídolo. Meis 2 filhos ainda guardam camisas autografadas por ele em 1996. Tive a grande sorte de participar de um jantar na churrascaria Porcão, ao lado do Renato e a convite de amigos meus que mantinham vínculo de amizade com o então craque do Rio de Janeiro. Ele tinha sido campeão pelo fluminense. O Sergio Madureira disse que o Renato ganhava os jogos sózinho, tamanho era o reconhecimento dos cariocas ao Renato.
    Portanto, Mazzui, picuinhas sempre vão existir, pois todos nós temos defeitos. Bobagens sempre vão aparecer no blog. Mas o Grêmio sempre estará na frente, no pensamento gremista. Quem contesta sempre, não é gremista, é intruso.

  • Cláudio F. diz: 2 de outubro de 2016

    Derrota compreensível. Muitos desfalques!

    Temos um grupo mediano. Não temos banco…

    Renato vai precisar tirar leite de pedra!

    Não podemos prescindir de titulares como Wallace, Maicon e Edilson.

    Na falta deles corremos serio risco de derrotas…

    Nessa temporada, pelo menos, não tem outra, será assim mesmo. Mas acredito, ainda, no G4…

    Temos que ter paciência. Pelo menos, agora, temos técnico!

    Abraços

  • Carlos Marcelo diz: 2 de outubro de 2016

    Buenas

    Passado o efeito “motivador” da chegada do Renato já tá bem claro pra.

    Renato chegou tal e qual um “frangão”. Entrou direto na panela do M. Oliveira, Douglas, Maicon e Ramiro.

    Qie venja 2017. Escolham um bom técnico e reformulem tudo.

  • Aureliano diz: 2 de outubro de 2016

    Graças a Deus perderam ontem. Se o Grêmio ajudar o Inter a sair da zona de rebaixamento merece ficar mais 15 anos sem título. Quanto mais politicamente correto o Grêmio tenta ser menor fica. Tem que perder pro Vitória tb, pois não tem mais objetivo no Brasileiro.

  • Marcelo SM diz: 2 de outubro de 2016

    Caro João Agrário, você tem tanta certeza assim da posição que Luan jogou na Olimpíada? Confesso que assisti a todos os jogos e não tenho essa convicção, pois às vezes parecia que ele jogava mais à frente, revezando com Neymar – o que poderia fazer com Bolaños, saindo Douglas.

    Também me questiono onde ele rende mais. Só tenho uma certeza: NÃO É pelo lado (como Roger descobriu)!

  • MIRO diz: 2 de outubro de 2016

    Mas se foi o gandula que cobrou o escanteio então foi ilegal, para com isto o Renato pode ser gremista aqui, mas a paixão dele é o flamengo, em entrevista ele disse que não aguentou o tempo de contrato no Roma por saudades do flamengo, então para com isto precisamos de um técnico que seja profissional, os nossos 3 últimos vieram na condição de torcedores Felipão, Roger, e Agora Renato ganhamos o que???? há mais vão dizer são gremistas, não interessa, precisamos de um cara profissional, que haja como tal, que não aceite imposição de cartolas que escale os melhores, e que faça o time jogar, se a condição para ser treinador do grêmio e ser torcedor então vou me candidatar, porque ninguém é mais gremista que eu, igual pode existir mas mais não, vamos parar com sonhos e romantismo e vamos encarar a realidade, ficar reclamando de fatores extras como o Benendito faz não nos levará a lugar, temos que saber porque perdemos, para depois ganhar e pela ótica dele nos nunca perdemos somos sempre prejudicados por alguem ou alguns, juízes CBF, imprensa e agora chegou ao máximo um gandula nos prejudicou.

  • Charles diz: 2 de outubro de 2016

    Mais uma vez, pra nao variar, o maestro pifador nao e citado. Ele realmente nao tem responsabilidades no time: nao erra gol, nao assiste, nao marca, nao acerta nada jogo apos jogo (ocupando a posicao mais vital do time ofensivamente, o centro do time). Desde o grenal, quando fez um gol de rebote (como todos) temos uma assistencia deste jogador (1 assistencia e 1 gol em 90 dias!), mas “ele e fundamental”. Walace Oliveira jogou, participou bem no 1o tempo, nao foi menos marcador que Marcelo Oliveira, mas e sempre responsabilizado. Ano passado quem sempre vinha a tona como bode espiatorio era Braian Rodrigues, este ano e Walace Oliveira. Enquanto isso ficamos esperando os ” grandes” jogadores titulares acertarem alguma jogada.
    Cruzeiro ganhou o jogo justamente quando colocou um atacante pela direita, Pedro Rocha teve que recuar demais (deixando Luan completamente sozinho na frente). Douglas nao se viu (so aparece quando o time o carrega, nao o contrario) e Marcelo Oliveira nao marca, nao articula e muito menos ataca.
    Oremos.

  • Gustavo Koch diz: 3 de outubro de 2016

    Algo de muito ruim se passa aqui em Porto Alegre: Grêmio e Inter, com una síndrome bem local de time pequeno, concentram suas forças para não cair. Lá e cá, tempos sombrios.. Quero que o Brasileiro, o campeonato, fique com os cariocas. No caso, o Flamengo, com mais chances que o Fluminense. Retração total por aí, mas eles são os que ainda ousam: o mar, o céu e o eixo da competição. Éramos parecidos com eles. Quando voltaremos a ser?
    Resolvendo nossas dúvidas no lado esquerdo, acho que temos chances, noutro torneio, contra os campeõos atuais do primeiro turno. O Palmeiras pode ser batido.
    Obs: Podem se referir ao que digo por aqui sempre que quiserem. É um prazer o debate.

  • Rogerio diz: 3 de outubro de 2016

    O motivador fez mais do mesmo, continuamos jogando na mesma m….!
    Perdemos para um time que esta lutando para não cair, e os bruxos continuam os mesmos.
    O bom disso tudo já foi dito aqui, o contrato do Menino do rio é só três meses.

  • Silveira diz: 3 de outubro de 2016

    Concordo com o Aureliano. O Grêmio pagará muito caro (aos torcedores) se não “ajudar” os coloridos cairem. Querem ganhar o quê este ano? Vaga na Libertadores? E aí, com que time? Ah, vão se catar!!!!
    Luan, veja bem, o Messi não seria o melhor do mundo por várias vezes se não fizesse gols. Porra, vamos chutar no gol e com força. Não esses tapinhas, com o lado do pé e que passa ao lado gol. Façam a revisão neste ano e veja quantos gols, portanto quantas partidas, deixamos de ganhar pela sua mania de colocar a bola. Isso é sério, meu Deus!!!

  • Cassandro diz: 3 de outubro de 2016

    Ganhar do Cruzeiro? Pra jogador chegar no Salgado Filho e ser ofendido? E agredido fisicamente, como aconteceu com o Roberson em 2009?
    Não senhor! Todo mundo, neste país, está submetido à vilania desses bandos de incivilizados que agem livremente, sem qualquer restrição.

  • Adelar diz: 3 de outubro de 2016

    Postei estes dias atrás, se preocupar com a mulher do vizinho e não papar a própia, pode custar caro. Se perdermos pro vitória, e o co-irmão, ganhar do coxa, estaremos só nove pontos á frente deles. Oia quem quer prejudicar pode si fu…….

  • LAERT diz: 3 de outubro de 2016

    A direção gremista cometeu um erro fatal: vendeu Giuliano no meio do campeonato.

    Parte da torcida sempre achou que o Giuliano não jogava nada. Então porque será que o time praticamente desmontou depois da saída dele?

    Concordo que não era um craque acima da média, como outros por aí, mas mesmo assim, Giuliano já marcou 9 gols e deu 7 assistências para outros em apenas 10 jogos
    no clube russo.

    Há…mais vão dizer que no campeonato da Russia qualquer um se destaca. Pode até ser, mas com essa produtividade não é qualquer jogador que consegue. Participar 16 gols direta ou indiretamente em 10 jogos significa ter alta produtividade, coisa que nenhum jogador atual do Grêmio está tendo.

    Os dirigentes fazem isso: estão ali para fazer negócios. Não se preocupam em montar um grande time. O Grêmio de hoje é apenas uma vitrine para a transação de jogadores. De outros tempos de glória só restou a torcida fanática e fervorosa.

    Certamente a torcida deve lembrar que o Jonas saiu do Grêmio praticamente de graça e não houve nenhum esforço da direção para mantê-lo, assim como houve o afastamento do Borges. Esses dois jogadores simplesmente foram artilheiros do Brasileiro, um em cada ano. Se não me engano o treinador na época era Renato, que foi devidamente
    “sacaneado” pela direção, perdendo os seus dois artilheiros.

    Fizeram a mesma coisa com o Roger. Sem o Giuliano o time desmontou. Luan hoje tenta
    construir tudo sozinho e, como não é artilheiro nato, tem que se valer de um Pedro Rocha, especialista em perder gols cara a cara com o goleiro. Ao seu lado Luan pode contar apenas com o velho e desgastado Douglas, o único companheiro que ainda trata bem a bola nesse time fraco do Grêmio atual. Um time onde até um limitadíssimo Ramiro acaba tendo destaque.

    Ou os torcedores fazem valer sua força exigindo um time com qualidade, mesmo que custe caro, ou continuarão tendo pesadelos a cada jogo em qualquer campeonato que dispute.

    Enquanto não tiver um grande time, com reservas à altura, vamos assistir a troca de treinadores e mais treinadores, e o velho rodízio dos “coronéis do futebol” na direção e nada vai acontecer.

    Ou alguém acha que um time gremista de tempos anteriores perderia de 7 a 0 em apenas duas partidas do brasileiro?

    Vamos continuar torcendo para o gremista Renato inventar alguma coisa, pois no passado conseguiu “revelar” os “craques” Diogo Clementino e Júnior Viçosa e transformar um lateral comum como o Lúcio em destaque. Com esse elenco atual
    só mágico resolve. Pessimismo ou realidade? Que cada um pense como quiser.

  • ATÉAPÉ diz: 3 de outubro de 2016

    Amigos:

    MUDAM AS MOSCAS…

    Pode mudar o treinador, mas certas coisas são eternas no time:

    - Avenida Oliveira na LE ou daqui não saio, daqui ninguém me tira. E onde estava o lateral qdo a bola sobrou para o cara do Cruzeiro chutar no Bruno Grassi e em seguida a Raposa fazer o gol num lance esperto? Prq os pernas de pau nunca são suspensos, expulsos ou se machucam???

    - Ramiro, porque é multi função, quebra o galho e é barato. É o tipo do jogador mediano q tem carreira longa. Feliz ou infelizmente…

    - Maicon vai continuar em marcha lenta e fazendo cara de espanto qdo vier o contra-ataque rápido do adversário e sofrermos o gol.

    - Douglas, prq é o único armador do time, embora beirando a aposentadoria. Douglas tbém vai continuar jogando qdo quer, especialmente sob os olhos da torcida, errando todas as bolas paradas da equipe, a exceção de uma ou outra q por milagre não caia na mão do goleiro ou vá para fora.

    - LUan vai continuar liga-desliga, buscando caprichar no chute para ficar no quase. É o craque do quase. Sou capaz de apostar q em melhor companhia renderá muito mais, até prq já provou isso na seleção.

    - O Grêmio só tem 11 titulares e olhe lá, o resto mal dá prá formar um América-MG.

    ESCOMBROS

    O jogo foi horrível e os dois times pareciam disputar quem errava mais. Era uma tragédia fadada ao empate e o Juiz venceu com larga margem, ao não expulsar Henrique numa entrada digna de um cavalo, sendo q foi este justamente quem fez o gol.

    Nosso ataque foi ridículo e um artilheiro tem q ser priorida máxima ano q vem. Até o Brocador serve!

    PODE FICAR PIOR?

    Com Grohe oscilante; Edilson esforçado e sem resultado; Geromel q as vezes vacila; Kaneman, q faz o feijão com arroz; Avenida, q não merece comentários; Wallace Pogbá q dorme; Maicon, q cochila; Jailson, q não sabe prá q lado vai; Douglas, q as vezes quer, as vezes não quer se aposentar; Everton, q precisa ter ritmo de jogo (ou Pedro Rocha q faz um bom jogo a cada cinco ruins) e Luan, q ficou no Rio de Janeiro, tentando ponte aérea com a Europa…

    Dá mesmo prá pensar em G6 ou Copa do Brasil na atual situação???

    Haja reza, meu cumpadi. Haja despacho e descarrego pra q esse time se arraste até o final do ano e mude tudo em 2017.

    Dá neles, Imortal e afunda, Saci miserável! Segue teu rumo prá série B perneta safado!

  • MIRO diz: 3 de outubro de 2016

    Adelar se eles ganharem do coxa e nos perder para o Vitoria, vai ficar pior ainda porque a diferença não será 9 e sim 7 pontos, eles ficarão com 33 e nos com 40.

  • Gilmar Gonçalves diz: 4 de outubro de 2016

    João Agrário,

    Pensei que eu era o único que não tinha visto o Luan na posição que tu citas na seleção olímpica, mas o Marcelo SM também não viu. Sem pretender ser o conhecedor-mor de esquemas táticos, posicionamento e afins, acho que a descrição do Marcelo está bem mais próxima do fato. Luan se movia por várias faixas do campo, sempre em direção à área, muitas vezes trocando posição com Neimar e até com Gabriel Barbosa, confundindo a zaga, que acabava abrindo por não saber em quem focar. Por causa disso é que Luan teve oportunidades de gol frente a frente com o goleiro e guardou em quase todos os jogos, com exceção do último contra a Alemanha, que foi mais equilibrado.

    O mais parecido com isso que vi no Grêmio foi aquele jogo dos 4×0 contra a LDU, em que o Miller Bollaños e o Luan confundiram os equatorianos. Foi a melhor partida do Miller no Grêmio, cabe lembrar.

  • Gilmar Gonçalves diz: 4 de outubro de 2016

    Adelar,

    A “mulher do vizinho”, hoje, está bem mais palpável do que a “própria”. E essa mulher do vizinho, há poucos meses, tirou onda da mulher “oficial” quando esta deu para o Vitória em casa e para o Sport, de quatro. Então, agora, é o momento de fazer a mulher do vizinho se encostar na parede. Só falta dizerem que este comentário é ofensivo!

    E mais: a decisão claramente monetária da Conmebol, inventando essa nojeira do G6, é mais do que motivo para o Grêmio desistir do sonho anual de passear pela América Latina numa Libertadores que só tem nos atrasado. Quer Libertadores? Só existe um meio digno para o Grêmio hoje: ganhar a Copa do Brasil. Daí sim, entra ao menos com moral, e não como quem ganhou prêmio de consolação por ter sido incompetente.

  • Volnei diz: 4 de outubro de 2016

    Nosso time que pare de frescura, temos de olhar pro nosso próprio rabo, estamos prestes a entrar no Z-4 e achamos que podemos.
    Agora tem G6 pois nem que tivesse G10 podemos entrar, pra que? pra passar vergonha na LA como sempre?Esse presidente tem de sair, tem de ter limpeza de mais da metade desse grupo cagão, esses perdedores natos, então pelo amor de Deus mais 7 pontos pra escapar de vez.
    Ah, uma dúvida, porque será que o Douglas, nunca fica fora por cartão, não se machuca, nunca tem arranhozinho…pois digo de novo: enquanto tivermos no time,
    Marcelo Groe( eterno perdedor) Edilson, M.Oliveira, Douglas, e o sem vontade, chinelinho do Maycon, nunca vamos ganhar nada.

  • Caratunes diz: 4 de outubro de 2016

    Desculpe a perguntinha, mas vc é moderador ou censor? Eu pergunto, pq essa fronteira é tão larga, que só por má-fé ou intencionalmente vc deleta ou evita uma mensagem no blog. Ou vc tem medo de alguém. Me dói ver um jornalista travestido de censor de idéias ou de costumes. Se for assim, vc deveria ser demitido, pois é imprestável para saber a diferença entre censura e moderação de textos. Mais um pouco e vc vai colocar tarja preta nos comentários. Sai fora!

  • Daniel Silva diz: 4 de outubro de 2016

    Prestem atenção mais 04 rodadas e o grêmio estará correndo serio risco de rebaixamento.

  • JOAO ANTUNES diz: 4 de outubro de 2016

    Miro .
    Concordo com seus comentários , chega da síndrome do coitadismo , vc esta certo .

    VOLNEI .

    Perfeito seu comentário não acrescentaria uma virgula nele , tems muita razão .

    FORA INDI GESTÃO ATUAL , FORA CORJA DO POLITICO RUIM MILDO0 , direção com DNA perdedor.

    Fora RUIM MILDO .

  • Carlos Marcelo diz: 4 de outubro de 2016

    Renato é mais do mesmo! Espinosa faz o quê mesmo????

    Ramiro e mais dez!!!! Solução PERDEDORA!

    So oro por mais 6 pontos.

  • GILMAR GONÇALVES diz: 4 de outubro de 2016

    Laert,

    Sabes por que razão o Giuliano, que marcou 9 gols em 10 jogos pelo Zenit, marcou 18 pelo Grêmio em CENTO E SETE JOGOS?
    Vamos tentar algumas alternativas:

    1. Escondeu (ou perdeu) o futebol ao vestir a camisa do Grêmio;
    2. Foi escalado fora de sua melhor característica, tendo como técnico Felipão e Roger;
    3. O Grêmio não pagava o salário acertado em contrato;
    4. Ele estava infeliz no Grêmio e encontrou a felicidade na Rússia, que fica perto da Ucrânia, onde jogou no Dnipro;
    5. Ele não foi contratado para marcar gols com a camisa do Grêmio e sim para ser importante no esquema tático dos técnicos.
    6. Outra alternativa (quem quiser listar, fique à vontade, mas, lembre-se: o assunto são os gols marcados aqui e lá)

  • Sérgio LM diz: 4 de outubro de 2016

    Luan até pode ser escalado com a 9 e o treinador dizer que ele é atacante, mas, desde que ele começou a jogar no Grêmio, sempre foi o principal armador do time; aquele que faz a ligação de volante com atacante. A diferença p/ Douglas é a movimentação, pois este fica mais centralizado.
    Na seleção, jogou exatamente como no Grêmio, quando treinado por Róger: muita movimentação p/ dificultar a marcação e armar jogadas p/ os atacantes (com ajuda do Walace, tocando a bola rapidamente – o que, no Grêmio, ele tem muitas dificuldades de fazer). A grande diferença é que, na seleção, ele tinha ótimos atacantes p/ acompanhar e finalizar suas jogadas, dando oportunidade p/ que o próprio chegasse na área. A Alemanha reconheceu isso e o marcou melhor.
    No Grêmio, eu mesmo era contra Douglas, mas, enquanto não aparecer outro meio-campo melhor, ele tem de jogar, pois desafoga as jogadas p/ Luan, tanto que este tem muitas dificuldades quando Douglas está fora, pois sobra só Maicon p/ sair jogando (este, só tem Arthur com as mesmas características, que, acho, poderia ajudar esse time).
    Me parece que o grande problema de Renato – e era de Róger antes – é acertar um esquema de jogo com Douglas, Luan e 2 atacantes: 1 centralizado e outro nas pontas, p/ abrir o jogo e pôr a bola na área. Só jogar pelo meio não vinga. Com Giuliano ajudando no meio, na marcação e no ataque, abrindo o jogo, ficava tudo mais fácil. Ramiro é esforçado, tenta fazer como Giuliano, e parece ser o que mais consegue chegar perto, pelo menos p/ fechar o lado.

  • Cláudio / RS diz: 5 de outubro de 2016

    Hoje tem jogo de nosso time.
    Jogaremos novamente fora de casa. Então já sabemos que sairemos de campo derrotados. Será apenas uma questão de saber qual o placar.
    Mas, mesmo assim, estaremos em frente ao televisor torcendo. Mesmo que seja quase sem qualquer esperança de vitória, lá estaremos, até o apito final…
    Ser gremista é assim. Mas, mesmo assim, estarei torcendo pelo time. Quem sabe se ele não nos surpreenderá com uma inesperada vitória?

    Pouco tempo atrás equivocada mente cheguei a defender que o plantel do Grêmio não era inferior a qualquer um dos times da dianteira do campeonato. Estava tremendamente enganado. Depois, conformado, decidi que apenas iria acompanhar os jogos e torcer, sem qualquer ilusão de vitória, e aceitar com calma qualquer resultado que viesse.

    Copa do Brasil???… com esses jogadores… com essa direção???… Parem de se iludir, nem o Guardiola poderia dar jeito.
    Mas, este ano pode ser salvo pelas moranguetes, desde que eles continuem no caminho morro a baixo em que eles estão metidos… será nossa única alegria, pois, até da compra da Arena, os mentirosos da direção, nem falam mais. W q

  • Cassandro diz: 5 de outubro de 2016

    O Giuliano, em entrevista concedida ontem, atribui sua ótima forma atual e a chegada à Seleção Brasileira a dois fatores:
    a) ao aprendizado durante o tempo em que foi treinado pelo Roger. Disse que aprendeu com o Roger a ser mais intenso, focado e humilde (na marcação e no cumprimento de funções táticas).
    b) à projeção que obteve graças ao trabalho do Roger.
    Falou, também, que o Tite baseou sua convocação à Seleção Brasileira nesses fatores.
    O Ramiro também declarou dia desses que os jogadores pediram ao Roger para ficar, mas este saiu porque não estava vendo os jogadores dar o máximo que podiam e ficou descontente com os resultados que estavam obtendo em campo.
    Ou seja, as críticas rasas ao Roger, tão comuns entre alguns torcedores gremistas, não se criam entre profissionais conscientes. No meio deles, o Roger é respeitado.

  • Caratunes diz: 5 de outubro de 2016

    Fora Nato Guardiola! Fora Menino do Rio. Vai voltar a treinar tua turma de frescobol na Praia de Copacana. E leva junto o Trio Malévolos & Malévola. É fácil colocar a culpa nos de sempre. Assume tua ruim dade ao invés de botar a culpa no Ruim Mildo e no Pepe Roger.

  • Rui Barbo diz: 5 de outubro de 2016

    o gremio e um time de jogadores mediocres, que choram de ruins, assistir a um jogo do gremio, e puro masoquismo

  • Tricolor do Bonfa diz: 6 de outubro de 2016

    Foram feitas críticas exageradas ao Roger, mas ele é responsável pelas indicações de Schuster, Fred e Negueba que vamos combinar não são jogadores para vestir o manto tricolor.

  • Cláudio F. diz: 15 de outubro de 2016

    Tragam o profe Roger de volta e a segundona juntos…

    Abraços

Envie seu Comentário