Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "Grêmio"

Veja três motivos em que o Grêmio acredita para melhorar o rendimento no próximo mês

24 de março de 2017 2
Foto: Lucas Uebel / Grêmio/Divulgação / Grêmio/Divulgação

Foto: Lucas Uebel / Grêmio/Divulgação / Grêmio/Divulgação

O desempenho do Grêmio no Gauchão não vem agradando. Afinal, a equipe já vem de quatro empates consecutivos. No entanto, tanto o técnico Renato Portaluppi quanto os dirigentes veem vários motivos para acreditar que o rendimento em breve vai melhorar.

Analisando as últimas entrevistas do treinador e do vice de futebol Odorico Roman, o blog Gre-Nal listou os três principais motivos que são um alento para o Grêmio crer que o futebol do time vai evoluir nas próximas semanas.

1) Postura dos adversários

Vários times do Gauchão jogam muito retrancados, o que vem provocando dificuldades. Na fase quente do Estadual, no Brasileirão e na Libertadores, os adversários tendem a jogar mais abertos, dando mais espaços.

“Prefiro sempre enfrentar grandes equipes do que equipes de porte médio, pois os grandes times jogam e deixam jogar. No Campeonato Gaúcho, as equipes procuram achar o gol e se defendem o tempo todo, aí fica difícil de penetrar. Fica quase um ataque contra defesa”, explica Renato.

2) A falta momentânea de “fazedores de gol”

Chutes de média e longa distância e a presença de um “camisa 9″ costumam ser boas estratégias para furar retrancas. Como os reforços contratados que têm a boa finalização como característica estão lesionados, o Grêmio entende que as dificuldades atuais são as mesmas enfrentadas no ano passado.

“O jogo (empate contra o Novo Hamburgo, na última quarta) mostrou talvez o Grêmio de 2016, quando se dizia que o time tinha dificuldades por não ter um finalizador. Nós trouxemos Barrios, Beto da Silva, Gastón e Jael e nenhum deles estava em condições. O Gastón ficou no banco, mas ainda está entrando aos poucos. No momento em que esses jogadores retornarem, o Grêmio vai fazer mais gols”, aposta o vice Odorico Roman.

3) Alto número de desfalques

Não são apenas os finalizadores que estão fora. Nos últimos jogos, Marcelo Grohe, Edílson, Pedro Geromel e Maicon, atletas importantes no esquema de Renato, não atuaram por conta de lesões. O problema maior é o meia Douglas, que só volta no segundo semestre.

“Nós perdemos jogadores importantes. O time está sofrendo muitas mudanças e isso se reflete no desempenho. A nossa expectativa é que, daqui a um mês ou 40 dias o time vai ser outro”, acredita Odorico.

Renato também aposta que, quando o grupo estiver todo à disposição, o time vai deslanchar.

“O time está tendo desconto na hora certa. Na hora que precisar, todo mundo vai estar de volta. Pode ter certeza que na “hora h” o Grêmio será o Grêmio do ano passado”, diz o técnico.

Grêmio antecipa concentração dos atletas para jogo contra o Juventude

23 de março de 2017 0
Já concentrados, jogadores do Grêmio ainda treinarão nesta sexta, antes da partida contra o Juventude, no sábado. Foto: André Ávila / Agência RBS

Já concentrados, jogadores do Grêmio ainda treinarão nesta sexta. Foto: André Ávila / Agência RBS

O Grêmio decidiu antecipar a concentração dos jogadores para o jogo contra o Juventude, neste sábado.

Os atletas já irão dormir no Hotel Deville a partir da noite desta quinta, dois dias antes da partida, marcada para o sábado, às 19h, na Arena, pelo Gauchão.

O normal no Grêmio e em quase todos os principais clubes brasileiros, para jogos sem caráter decisivo, é iniciar a concentração apenas na véspera das partidas.

“Como o jogo de quarta (contra o Novo Hamburgo) foi desgastante e o próximo jogo já é no sábado, achamos melhor deixar os atletas em repouso já agora”, explica o vice de futebol Odorico Roman.

Antes da partida contra o Juventude, os jogadores só deixarão o hotel na sexta à tarde, para o treinamento que ocorrerá às 16h, na Arena.

Renato põe em prática ideia de 2016 e indica nova maneira de escalar Everton no Grêmio

23 de março de 2017 0
Everton deve atuar mais perto da área. Foto: André Ávila / Agência RBS

Everton deve atuar mais perto da área. Foto: André Ávila / Agência RBS

O atacante Everton deve mudar de função no Grêmio.

Acostumado a atuar pelos lados do campo, o jovem de 21 anos será aproveitado a partir de agora mais perto da área, quase como um centroavante.

O técnico Renato Portaluppi acredita que ele é o atleta do grupo mais parecido com Lucas Barrios em características.

“Tive uma conversa séria com o Everton uns dias atrás. Ele, por incrível que pareça, é o que mais se assemelha ao Barrios. Temos que ter alguém ali para incomodar o zagueiro, o Luan não sabe jogar ali. Jogando bem ou não, ele briga o jogo inteiro. As oportunidades estão ai, resta aproveitar”, explicou o treinador, após o empate com o Novo Hamburgo.

Enquanto Lucas Barrios estiver lesionado, a tendência é que Everton atue naquela função, como ocorreu na partida desta quarta, no Estádio do Vale.

Depois, o garoto deverá disputar posição com o paraguaio.

Desde 2014, quando foi lançado pelo técnico Enderson Moreira, o atleta costumava atuar pela beirada.

No ano passado, por exemplo, o jogador geralmente disputava posição com Pedro Rocha, aberto no lado esquerdo, entrando regularmente nas partidas.

A ideia de posicionar Everton de forma mais avançada não é nova.

Em 2016, Renato já havia dado sinais em algumas entrevistas desta intenção de mudar a maneira de escalar o atacante.

O garoto está com o moral elevado no Grêmio, especialmente depois de marcar gols importantes no título da Copa do Brasil, contra Palmeiras e Atlético-MG.

 

Elogiados pelos técnicos, laterais homônimos da dupla Gre-Nal ficam de fora da lista do Gauchão

22 de março de 2017 1

Por coincidências do futebol, Grêmio e Internacional possuem um lateral-esquerdo promissor oriundo da base com o mesmo nome: Iago.

E as semelhanças não param por aí. Mesmo elogiados pelas suas qualidades, os dois acabaram ficando de fora da lista dos 32 atletas inscritos para o Gauchão 2017.

Iago gremista tem 21 anos e já atuou diversas vezes em 2016. Foto: Carlos Macedo / Agência RBS

Iago gremista tem 21 anos e já atuou diversas vezes em 2016. Foto: Carlos Macedo / Agência RBS

O Iago do Grêmio tem 21 anos e já atuou como titular em algumas partidas no ano passado, quando o titular Marcelo Oliveira estava lesionado e o reserva imediato Marcelo Hermes já havia sido afastado do grupo. Em 2017, o atleta jogou apenas uma partida, o empate por 1 a 1 com o Ceará, pela Primeira Liga.

Meia de origem, o jogador optou por virar lateral já na base gremista, em 2015, após um conselho do então técnico Roger, que via mais chances para o garoto prosperar naquela função, onde poderia aliar a sua força física com a velocidade no apoio.

“Iago, quer ser rico? Vai para a lateral que vai ganhar muito dinheiro”, disso o treinador na ocasião.

O contrato do atleta vai até dezembro de 2019.

No entanto, o técnico Renato Portaluppi preferiu incluir na lista do Gauchão apenas os laterais-esquerdos Marcelo Oliveira e Cortez, podendo improvisar o volante Michel em uma eventualidade.

Iago colorado tem 19 anos e contrato até dezembro de 2020. Foto: Ricardo Duarte / Divulgação / Inter

Iago colorado tem 19 anos e contrato até dezembro de 2020. Foto: Ricardo Duarte / Divulgação / Inter

Já o Iago colorado é um pouco mais novo, tem 19 anos, e era elogiado na base pelo cruzamento e pela boa chegada na área. Em 2017, atuou nas duas vitórias sobre o Sampaio Corrêa, pela Copa do Brasil, e na vitória diante do Criciúma, pela Primeira Liga.

Recentemente, o Internacional renovou o contrato do garoto até dezembro de 2020.

Elogiado pelo técnico Antônio Carlos Zago pelas suas atuações, Iago poderia ser uma alternativa para manter Uendel improvisado no meio-campo, já que Carlinhos, titular da lateral-esquerda, está lesionado. No entanto, o Internacional preferiu deixar a última vaga que ainda resta para inscrição de atletas no Gauchão reservada para uma nova contratação.

Enquanto isso, os Iagos da dupla Gre-Nal seguem treinando no grupo principal enquanto aguardam por novas oportunidades.

Musto: diferença entre oferta do Grêmio e pedida do Rosário Central é de R$ 2,3 milhões

21 de março de 2017 0
Foto: Félix Zucco / Agencia RBS

Foto: Félix Zucco / Agencia RBS

O alto valor é o principal obstáculo para o Grêmio contratar o volante argentino Damián Musto, 28 anos, do Rosário Central. Os argentinos querem 1,5 milhão de dólares (R$ 4,6 milhões) para liberar o meio-campista em junho, ao final do campeonato argentino.

Como Musto tem contrato com o Rosário Central apenas até junho de 2018, a direção gremista entende que o valor cobrado é muito caro para um atleta que, seis meses antes, já poderá assinar um pré-contrato com qualquer outro clube.

Por isso, conforme apurado pelo blog Gre-Nal, a intenção do Grêmio é comprar 50% dos direitos econômicos de Musto pela metade do valor, 750 mil dólares (R$ 2,3 milhões).

Como não há chances de o jogador desembarcar em Porto Alegre antes de junho, os dirigentes gremistas têm pouco mais de dois meses para convencer os argentinos.

Rosário Central considera proposta do Grêmio por Musto "insuficiente" e nega baixar valor

21 de março de 2017 1

23025338

O Rosário Central quer 1,5 milhão de dólares (R$ 4,6 milhões) para vender o volante Damián Musto, 28 anos, para o Grêmio e não admite baixar o valor. Em entrevista à Rádio Gaúcha, o vice-presidente do clube argentino, Ricardo Carloni, disse que a proposta gremista que chegou até agora é “insuficiente” e afirmou que não está está disposto a negociar o atleta por um valor inferior ao da opção de compra estipulada no contrato.

“O Grêmio nos procurou há aproximadamente 20 dias, mas nós consideramos a proposta (pelo Musto) insuficiente. Eles manifestaram que mais adiante voltariam a negociar. Para nós, será um prazer. Se conversarmos dentro do valor que está estipulado no contrato, não haverá nenhum tipo de inconveniente. Mas baixar o valor, não. Baixar eu não vejo como viável”, disse Carloni, que trata do assunto, em parceria com o presidente Raul Broglia.

Segundo o dirigente, este valor foi fixado no contrato de Musto em outubro de 2017, quando o Rosário Central recusou uma proposta do Alavés, da Espanha, pelo volante, e renovou o contrato do jogador até junho de 2018.

“Quando ele teve uma proposta importante da Espanha, nós fizemos um esforço importante para melhorar o seu contrato, pois consideramos ele uma peça fundamental do nosso pantel. A partir dali, estabelecemos um valor de uma futura venda”, explica o Carloni, que só admite liberar o atleta a partir de junho.

O dirigente aproveitou para fazer diversos elogios a Musto.

“É um líder, um jogador muito seguro e que tem um bom primeiro passe. Ele está sempre falando e orientando os seus companheiros. Por isso se transformou em um jogador importante no nosso plantel”, opina.

A direção gremista considera Musto uma prioridade para completar o elenco no segundo semestre e, por isso, não deverá medir esforços para convencer o Rosário a baixar a sua pedida.

Veja o que empolga e o que ainda preocupa no Grêmio após a estreia na Libertadores

10 de março de 2017 4

A vitória por 2 a 0 na estreia do Grêmio na Libertadores, contra o Zamora, na Venezuela, mostrou coisas boas no time do técnico Renato Portaluppi. No entanto, algumas preocupações também ficaram evidentes.

Se por um lado, várias individualidades foram decisivas e se afirmaram na equipe titular, como Léo Moura, Ramiro e Pedro Rocha, por outro, o time ainda precisa resolver problemas na defesa e no meio-campo.

Ramiro foi um dos destaques do Grêmio na estreia. Foto: Félix Zucco / Agência RBS

Ramiro foi um dos destaques do Grêmio na estreia. Foto: Félix Zucco / Agência RBS

Pontos positivos:

1) A boa atuação de Léo Moura

Contratado para grupo e com alguma desconfiança, o lateral de 38 anos chegou com o aval de Renato. E, no primeiro jogo da competição mais importante, deu conta do recado. Foi bem na marcação e no apoio e marcou inclusive o primeiro gol gremista.

2) Um gigante chamado Ramiro

Talvez um dos maiores méritos de Renato desde que assumiu o cargo em 2016 seja ter encontrado o lugar ideal para Ramiro, como substituto de Giuliano. Eficiente na meia direita, foi um dos melhores do time na vitória sobre o Zamora. Gigante em campo, salvou um gol em cima da linha e sofreu o pênalti convertido por Luan.

3) A afirmação de Pedro Rocha

O menos badalado dos atacantes gremistas se mostra cada vez mais importante no esquema gremista. Elogiado por sua aplicação tática, o herói da final da Copa do Brasil de 2016 se destacou nas assistências. Ele deu o passe para o gol de Léo Moura e também lançou Ramiro, quando este sofreu a penalidade que resultou em gol.

Jaílson e Michel ainda buscam se afirmar no meio-campo. Fotos: Camila Domingues / Especial

Jaílson e Michel ainda buscam se afirmar no meio-campo. Fotos: Camila Domingues / Especial

Pontos negativos:

1) A queda na qualidade do meio-campo

O Grêmio sentiu a saída do volante Walace, negociado com o futebol alemão. Nem Jaílson e nem Michel mostraram ainda capacidade de substituí-lo à altura. Como a direção não conseguiu contratar o argentino Damian Musto, do Rosário Central, em tempo de inscrevê-lo na primeira fase, melhorar o meio-campo é um dos desafios de Renato.

2) A defesa ainda deve melhorar

O lateral Marcelo Oliveira voltou a mostrar insegurança, especialmente no primeiro tempo. Embora Thyere tenha dado conta do recado, substituindo Geromel ao lado de Kannemann, o Grêmio ainda precisa provar que tem boas reposições no setor, além da dupla titular. Resta ver como será o rendimento de Bruno Rodrigo, mais novo reforço contratado, quando ele tiver condições de estrear.

Grêmio: veja as virtudes de Gata Fernández que mais encantaram Renato

08 de março de 2017 7

O técnico do Grêmio, Renato Portaluppi, já assistiu a vários vídeos do meia-atacante argentino Gastón Fernández, um dos reforços contratados recentemente para a disputa da Copa Libertadores da América, e gostou do que viu.

A ideia do treinador é observar as principais virtudes do atleta para analisar a melhor forma de utilizá-lo.

Renato gostou da atuação de Gata Fernández nos vídeos. Foto: Divulgação / Estudiantes

Renato gostou da atuação de Gata Fernández nos vídeos. Foto: Divulgação / Estudiantes

“Tenho visto vários jogos dele. É um jogador dinâmico e inteligente. Ele faz a equipe jogar e é um atleta que chega na área”, definiu Renato, em entrevista concedida pouco antes da viagem à Venezuela, onde o time gremista estreia na Libertadores, contra o Zamora nesta quinta.

Conhecido como “La Gata”, Fernández ainda não está disponível para a partida, mas já poderá atuar na segunda rodada, contra o Deportes Iquique, do Chile, no dia 11 de abril.

“Espero que ele possa fazer a mesma coisa que já vem fazendo e possa nos ajudar bastante. Na volta (da Venezuela), vamos buscar observá-lo melhor nos treinamentos com bola”, completou o técnico.

Gata Fernández tem 33 anos e assinou contrato com o Grêmio até dezembro de 2018, com a possibilidade de renovação por mais uma temporada ao final do vínculo.

Renato também é "poupado" e não vai a Brasília para jogo do Grêmio contra o Flamengo

07 de fevereiro de 2017 2
Técnico Renato Portaluppi ficou em Porto Alegre com os titulares. Foto: Camila Domingues / Especial

Técnico Renato Portaluppi ficou em Porto Alegre com os titulares. Foto: Camila Domingues / Especial

O Grêmio decidiu poupar não apenas os titulares para o jogo desta quarta, contra o Flamengo, pela Primeira Liga.

O técnico Renato Portaluppi também será “preservado” da partida e sequer viajou para Brasília com a delegação.

A equipe gremista será comandada pelo auxiliar Alexandre Mendes.

Renato permanecerá em Porto Alegre trabalhando com os titulares, que jogarão contra o Passo Fundo, no domingo, pelo Gauchão.

Não é a primeira vez que o treinador decide não comandar o time em jogos em que o time utilizado é reserva.

Em 2016, por exemplo, isso aconteceu no jogo contra o Santa Cruz, no Recife, em meio às finais da Copa do Brasil, e também na última rodada, contra o Botafogo, na Arena.

Nas duas ocasiões, o time foi comandado pelo auxiliar James Freitas, que não está mais no clube.

Os reservas do Grêmio têm chegada prevista à capital federal para o início da noite desta terça.

A escalação terá: Bruno Grassi; Léo Moura, Rafael Thyere, Bressan e Cortez; Arthur, Kaio e Michel; Fernandinho, Everton e Miller Bolaños.

Direção do Grêmio esclarece por que não foi à Fifa cobrar dívida do Atlético-MG por Victor

04 de fevereiro de 2017 6
Goleiro Victor atuou no Grêmio entre 2008 e 2012. Foto: Bruno Cantini / Divulgação / Atlético-MG

Goleiro Victor atuou no Grêmio entre 2008 e 2012. Foto: Bruno Cantini / Divulgação / Atlético-MG

O Atlético-MG deve R$ 8,7 milhões ao Grêmio por contra da contratação do goleiro Victor, em 2012.

Os mineiros não pagaram e o assunto tramita na Justiça.

A direção gremista fez um esclarecimento importante nesta semana sobre o tema.

O clube de Belo Horizonte não pode ser notificado na Fifa, pois se trata de uma transferência nacional.

Segundo o vice de futebol Odorico Roman, uma ação na entidade máxima do futebol mundial só caberia se fosse uma transação envolvendo clubes de países diferentes.

Desta forma, a única maneira de exigir que o Atlético-MG pague a dívida é recorrer à Justiça brasileira

Em 2016, a 17ª Vara Cível de Porto Alegre determinou que a quantia fosse paga, mas o clube mineiro recorreu.