Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "ROGER"

Romildo compara Roger a Tite e diz que Argel tem o estilo de Felipão: "É um brocador"

02 de junho de 2016 2

FotorCreated

 

Com filosofias de futebol bem diferentes, os técnicos Roger e Argel realizam ótimas campanhas com Grêmio e Internacional neste início de Brasileirão.

Os dois treinadores são gaúchos e jovens, e ambos se notabilizam pelos bons resultados obtidos até agora.

Na opinião do presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Júnior, entretanto, as semelhanças param por aí.

Perguntado pela reportagem da Rádio Gaúcha sobre o sucesso da escola gaúcha no campeonato e sobre qual o diferencial de Roger perante Argel, do Inter, e Tite, do Corinthians, o dirigente fez a seguinte análise:

“O Roger e o Tite têm muita semelhança de conceitos. O Tite é muito mais experiente e mais pronto, mas o Roger vem se afirmando como uma das grandes perspecticas de treinador no futebol brasileiro”, analisou Romildo.

Sobre o estilo do técnico colorado Argel, o presidente fez uma comparação com uma filosofia implementada no próprio Grêmio no passado. E de bons resultados.

“O Argel me parece um estilo bem diferente. Eu falo vendo o seu time e as suas entrevistas. Ele é um brocador. É o cara que exige e motiva os seus jogadores e faz disso uma transpiração permanente. O Grêmio já viveu isso também. No tempo do Felipão era semelhante. Tinha qualidade técnica e também tinha muita vibração. O perfil dos jogadores era muito parecido. Se o Argel conseguir fazer isso no Internacional, talvez também o Inter tenha um bom desempenho por conta desses perfis”.

Atualmente, Roger, Argel e Tite, todos gaúchos, têm as três melhores campanhas no Brasileirão.

“Vejo dois técnicos que se assemelham (Roger e Tite) e um com perfil diferente (Argel)”, finalizou Romildo.

Ouça a íntegra:

Grêmio está atento a assédio de clubes brasileiros ao técnico Roger

02 de novembro de 2015 8

O trabalho do técnico Roger a frente do Grêmio está chamando atenção de outros clubes brasileiros.

E a direção gremista está atenta a isso.

Roger está valorizado. Foto: Dievo Vara / Agência RBS

Roger está valorizado. Foto: Dievo Vara / Agência RBS

“O Roger é um técnico que está sendo disputado. Tem muita gente de olho nele”, afirmou o diretor-executivo de futebol Rui Costa.

O treinador tem contrato até dezembro de 2015 com uma cláusula de renovação automática para mais uma temporada.

Isso significa que, em tese, a permanência de Roger no Grêmio está assegurada.

No entanto, o assédio de outros clubes deve fazer o técnico receber um polpudo aumento de salário.

 

Confira as cinco ideias de Roger para deixar o time do Grêmio mais imprevisível

16 de outubro de 2015 0

Uma das preocupações do técnico Roger ao longo da temporada sempre foi que o time do Grêmio se tornasse previsível e acabasse anulado pelos adversários.

Diante disso, o treinador aproveitou a parada de dez dias no Brasileirão para desenvolver novas estratégias e surpreender os oponentes.

Alguns resultados já foram vistos na vitória por 1 a 0 sobre o Santos.

Roger pensou em ideias para o time ficar imprevisível. Foto: Dievo Vara / Agência RBS

Roger pensou em ideias para o time ficar imprevisível. Foto: Dievo Vara / Agência RBS

Confira as cinco ideias de Roger para deixar a equipe gremista mais imprevisível:

1) Sai o “falso 9″ e entra o “verdadeiro 9″

Na frente, sai Luan, um centroavante de mobilidade e entra Bobô, um camisa 9 mais clássico. A ideia é orientar a equipe para jogar em função de um centroavante. Bobô não atua de forma fixa, mas é mais presente na área que Luan. A sua função é empurrar a linha de defesa adversária para trás, abrindo mais espaço para os meias.

2) Meias saem das pontas e vão para o meio

Luan deixou de ser falso 9 e, em tese, jogará como meia pela esquerda. No entanto, ele terá a partir de agora funções diferentes das de Pedro Rocha e Fernandinho, que antes ocupavam aquele espaço. Luan não deve ficar na ponta. Sua função é preencher o meio e invadir a grande área. “Luan não é meu ponta-esquerda. Não abro mão da sua entrada na área”, disse Roger, após o jogo. O mesmo vale para Giuliano no lado direito.

3) Laterais avançam mais para a linha de fundo

Roger não abre mão da amplitude, ou seja, quer sempre ter atletas bem abertos nas pontas do campo. Já que os meias extremos agora fecham mais o meio de campo, a orientação é ter a amplitude com o apoio dos laterais. Galhardo e Marcelo Oliveira terão agora mais liberdade para avançar até a linha de fundo e servirem como opção para o passe.

4) Walace em posicionamento mais adiantado

“Eu precisava de um dos volantes a frente da linha da bola”, disse Roger. Em alguns momentos do jogo contra o Santos, Walace avançava uma linha e aparecia como um elemento surpresa, dando superioridade numérica ao Grêmio e aproveitando o corredor central.

5) Mais cruzamentos para a área

Já que agora o Grêmio joga com um centroavante de ofício, a ordem é apostar em mais cruzamentos para a área. E de forma bem diversificada. O time treina cruzamentos abertos, fechados, com bola rasante e bola alta. Tudo para surpreender. Tanto que o gol de Bressan surgiu em uma jogada assim.

O detalhe é que a maioria destas mudanças torna o Grêmio mais ofensivo. E esta é justamente a ideia de Roger, pensando no título.

“A diferença que precisamos tirar é grande. Para isso, precisamos ser um pouco mais ousados”, disse o treinador.

 

VÍDEO: após falhas, Tiago treina saída de gol

21 de setembro de 2015 7

Foto: Rodrigo Oliveira/Gaúcha

A derrota do Grêmio por 3 a 2 para o Palmeiras, no sábado, lançou olhares para falhas determinantes do goleiro Tiago Machowski, substituto de Marcelo Grohe. As saídas de gol do arqueiro foram bastante contestadas após o jogo.

E, no primeiro treino do time de Roger após o confronto do final de semana, os goleiros gremistas passaram por um trabalho específico de saída do gol. Rogério Godoy, preparador de goleiros, cruzava bolas na áreas para que os atletas afastassem o perigo.

Veja no vídeo:

Além de Tiago, Bruno Grassi e Leo participaram do treinamento específico. Com torcicolo, Marcelo Grohe ficou fora novamente e ainda é dúvida para o duelo de quarta-feira, contra o Fluminense, pela Copa do Brasil,

Foto: Rodrigo Oliveira/Gaúcha

Roger busca inspiração em livro de Pep Guardiola

11 de setembro de 2015 0

O técnico Roger é um apaixonado pela leitura desde os tempos de jogador.

Quando ainda era lateral do Grêmio, era comum vê-lo lendo livros nas viagens.

Como treinador, o hábito não se perdeu.

Roger está lendo o livro de Pep Guardiola. Foto: Anderson Fetter / Agência RBS

Roger está lendo o livro de Pep Guardiola. Foto: Anderson Fetter / Agência RBS

Roger está lendo o livro “Guardiola Confidencial”, escrito pelo jornalista espanhol Martí Perarnau.

O escritor passou um ano dentro do Bayern de Munique acompanhando de perto os métodos de Pep Guardiola.

O resultado foi uma obra de mais de 400 páginas considerada uma das melhores bibliografias de futebol lançadas recentemente.

Roger levou o livro na última viagem para São Paulo, onde o Grêmio enfrentou o Corinthians.

O treinador busca inspiração nos métodos de trabalho de Pep para se qualificar ainda mais na carreira.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Grêmio dá aumento para Roger e já prepara novo reajuste salarial

07 de setembro de 2015 17

O Grêmio aumentou há algumas semanas o salário do técnico Roger.

O objetivo é valorizar o trabalho do treinador, que superou as expectativas e colocou o time gremista entre os postulantes ao título brasileiro.

Roger ganhou aumento. Foto: Lauro Alves / Agência RBS

Roger ganhou aumento. Foto: Lauro Alves / Agência RBS

A direção entende que Roger atingiu hoje um alto patamar de mercado no futebol brasileiro.

Por isso, um novo reajuste salarial é preparado para o profissional.

O contrato de Roger expira em dezembro de 2015.

No entanto, o Grêmio tem a condição contratual de renovar o vínculo de forma automática por mais uma temporada com valores já estabelecidos.

A ideia é exercer a opção, mas pagando um salário acima do que está estipulado.

O planejamento é fazer um trabalho de longo prazo com Roger.

A renovação só não vai exceder o período de dezembro de 2016 por que coincide com o fim do mandato do presidente Romildo Bolzan Júnior.

Treino de Roger evidencia disputa por vaga no ataque do Grêmio

18 de agosto de 2015 13

O técnico Roger fez uma atividade nesta terça (18) em que foram trabalhados diversos fundamentos.

Todos os jogadores do elenco participaram de um circuito onde eram exercitados o passe, os cruzamentos e, principalmente, as finalizações.

Os dois principais destaques nas conclusões a gol foram o centroavante Bobô e o meia-atacante Fernandinho.

Centroavante Bobô vem sendo utilizado na vaga de Luan. Foto: Mateus Bruxel / Agência RBS

Centroavante Bobô vem sendo utilizado na vaga de Luan. Foto: Mateus Bruxel / Agência RBS

Eles foram os que mais marcaram gols e os que mais mostraram habilidade para tirar a bola do alcance do goleiro na hora do chute.

E o curioso é que os dois disputam uma vaga no time do Grêmio: a de reserva imediato de Luan.

O garoto, titular absoluto do time de Roger, não atuou contra o Joinville (por suspensão) e não também jogará diante do Coritiba (por conta de uma amigdalite).

Por enquanto, o substituto escolhido vem sendo Bobô.

Porém, Fernandinho vem se credenciando com boas atuações.

Na primeira quinzena de setembro, Luan desfalcará a equipe por mais três jogos.

Desta vez, o motivo é a convocação para a Seleção Olímpica.

Enquanto isso, Bobô e Fernandinho seguem caprichando nos chutes a gol para ver quem fica com a vaga.

Grêmio garante permanência de Roger em 2016 e planeja renovações de Erazo e Maicon

11 de agosto de 2015 8

A direção do Grêmio já faz planejamentos importantes para a temporada 2016.

A principal questão já assegurada é a permanência do técnico Roger.

O treinador tem contrato até dezembro de 2015. No entanto, o acordo prevê uma cláusula de renovação automática, já com valores estipulados.

Roger fica em 2016. Foto: Adriana Franciosi / Agência RBS

Roger fica em 2016. Foto: Adriana Franciosi / Agência RBS

Isso significa que, para Roger ficar em 2016, basta o clube manifestar o interesse na renovação até dezembro.

E o Grêmio tem interesse.

É possível inclusive que o salário previsto seja reajustado, devido à valorização que o treinador está tendo no mercado.

O planejamento gremista para 2016 passa também pelo grupo de jogadores.

A principal prioridade é renovar o contrato do volante Maicon.

O capitão pertence ao São Paulo e o seu vínculo expira em dezembro de 2015.

As negociações para prorrogar o empréstimo devem começar nas próximas semanas.

Na mesma situação está o zagueiro Erazo, cujo contrato também termina no final deste ano.

No caso do equatoriano, a ideia é adquirir o jogador em definitivo.

Porém, o valor estipulado em contrato para isso é considerado significativo.

Confira como Roger armou o time do Grêmio em outros Gre-Nais

07 de agosto de 2015 0

O técnico Roger já comandou o Grêmio três vezes em Gre-Nais.

Em nenhuma delas, ele era o técnico principal da equipe gremista.

Isso ocorrerá pela primeira vez no clássico 407, no próximo domingo (9).

Roger vai para o quarto Gre-Nal como técnico. Foto: Ricardo Duarte / Agência RBS

Roger vai para o quarto Gre-Nal como técnico. Foto: Ricardo Duarte / Agência RBS

No total, o treinador tem duas vitórias e uma derrota em clássicos. Confira:

2011: Gre-Nal de Rivera

Seu primeiro clássico foi o Gre-Nal 384, disputado em Rivera, válido pelo Gaúchão 2011. Vitória gremista de virada por 2 a 1.

Na ocasião, o Inter enviou o time B, treinado por Enderson Moreira. O Grêmio jogou com o time reserva e optou por não mandar o técnico da equipe principal Renato Portaluppi. Roger foi o comandante.

O time f0i escalado no 4-4-2, com: Marcelo Grohe; Mário Fernandes, Vilson, Neuton e Bruno Collaço; Adilson, Mateus Magro, Maylson e Mithyuê; Diego Clementino e Wesley.

O Inter abriu o placar com Guto, ainda no primeiro tempo. No segundo tempo, Bruno Collaço empatou. Depois, Lins entrou na vaga de Mithyue e marcou o gol da vitória tricolor.

2012: Gre-Nal pré-Luxa

Em 2012, o Grêmio demitiu o técnico Caio Júnior e contratou Vanderlei Luxemburgo. No meio do caminho, tinha um Gre-Nal. Roger foi o técnico interino no clássico 391, válido pelo Gauchão 2013. Mais uma vitória gremista por 2 a 1.

Roger armou a equipe no 4-4-2, com três volantes e a dupla Kléber e Marcelo Moreno. O time tinha: Victor; Gabriel, Gilberto Silva, Naldo e Júlio César; Fernando, Léo Gago, Souza e Marco Antônio; Kléber e Marcelo Moreno.

Léo Gago marcou o primeiro gol gremista, Leandro Damião empatou para os colorados e Kléber Gladiador anotou o gol da vitória.

2013: Gre-Nal com reservas

Em 2013, o Grêmio poupou titulares no Gauchão para priorizar a Copa Libertadores da América. No Gre-Nal de Erechim, o clube optou por não enviar o técnico Vanderlei Luxemburgo e colocar o auxiliar Roger no comando, a exemplo do que havia ocorrido em Rivera, dois anos antes.

A diferença é que, desta vez, o jogo seria contra os titulares do Internacional. O time perdeu por 2 a 1.

Roger de novo armou os reservas no 4-4-2, com: Busatto; Tony; Bressan; Werley; Alex Telles; Fernando; Léo Gago; Misael; Jean Deretti; Leandro e Willian José.

Diego Forlán e Leandro Damião marcaram os gols do Inter. Fernando descontou para o Grêmio.

Árbitro que expulsou Roger faz relato confuso na súmula do jogo

26 de julho de 2015 9
Técnico Roger foi expulso por reclamação. Foto: Ricardo Duarte / Agência RBS

Técnico Roger foi expulso por reclamação. Foto: Ricardo Duarte / Agência RBS

O técnico do Grêmio, Roger, foi expulso de campo pelo árbitro Péricles Bassols Cortez, no empate por 1 a 1 com o Sport, neste sábado (25).

Chamou atenção a justificativa apresentada na súmula do jogo para a decisão de tirar o treinador da partida.

Em um relato confuso, o árbitro afirmou que não ouviu o que disse Roger, mas, mesmo sem identificar o que foi dito, considerou as palavras ofensivas.

No documento, o juiz disse também que o treinador fez gestos que caracterizaram “desaprovação” e “reclamação ostensiva”.

Confira o relato da súmula:

Reprodução: CBF.com.br

Reprodução: CBF.com.br

“Aos 45´do segundo tempo, exclui o Sr. Roger Machado Marques, treinador da equipe do Grêmio por desaprovar e reclamar de forma ostensiva
contra a decisão da arbitragem, com movimentação acintosa de desaprovação, contribuindo para que os torcedores se voltassem contra a
arbitragem. Ele se movimentou, abaixou e com as duas mãos e o punho cerrado falou palavras que não foram identificadas, mas que
considerei por demais ofensiva à arbitragem.

Relato ainda que, após a expulsão, o referido treinador não quis entrar no túnel que dá acesso aos vestiários, mesmo sendo orientado pelo
quarto arbitro Luís Teixeira, ficando protegido e escondendo-se atrás do segurança do clube identificado como Sr. Luiz Fernando Cardozo”