Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de outubro 2012

Lucro

30 de outubro de 2012 1

Cenário apocalíptico demais para o meu gosto. É assim que vejo as constantes manchetes de queda de lucro de instituições financeiras ou de empresas de telefonia celular, por exemplo. Até parece que nas últimas décadas eles não foram os que mais lucraram no mundo dos negócios.

Aquecimento solar

30 de outubro de 2012 0

Iniciativa digna da prefeitura de Camboriú, em parceria com a Celesc, de instalar placas de aquecimento solar em mais de 200 residências. Isso reduz a conta de luz e contribui com o meio ambiente. Aliás, iniciativas como essa deveriam estar nos projetos de todas as prefeituras e companhias de energia elétrica, em todas as cidades, em todos os estados. Sem falar que a água quente que vem do sistema de aquecimento solar é diferente daquela esquentada na marra, por choque elétrico. Arrisco-me a dizer que o banho fica mais proveitoso. Os sistemas estão tão desenvolvidos que garantem o aquecimento mesmo alguns dias sem sol forte. Isso é tecnologia e precisa ser garantido a todos, já que o preço ainda não é atrativo.

Atendimento

30 de outubro de 2012 0

Sem citar esse ou aquele município, está faltando treinamento para o pessoal que atende em lanchonetes e restaurantes. Muita cara amarrada para quem quer receber o turista. Fica feio. A temporada ainda nem começou.

Turismo

30 de outubro de 2012 0

Santa Catarina foi escolhida, pela sexta vez consecutiva, o melhor estado turístico do Brasil. É claro que nossas belezas naturais são incríveis. Mas tem muito lugar bonito por esse Brasil afora. Sou um pouco cético em relação a esse tipo de premiação. Será que ela realmente repercute tanto assim no restante do País e internacionalmente? Vá à avenida Atlântica, em Copacabana. Lá, você encontra turistas de várias nacionalidades o tempo inteiro. Várias línguas diferentes. Aqui, dependemos demais de nossos amigos argentinos.

Bombinhas

29 de outubro de 2012 2

A polêmica em torno da possível cobrança de pedágio para os turistas que visitam Bombinhas nos faz refletir sobre a falta de planejamento do passado. O turismo, então encarado como vital, agora incomoda? Não pode ser. O problema está no turista ou na falta de planejamento dos governantes? Como um balneário como Bombinhas pode ficar à mercê de apenas um acesso pavimentado, uma estrada estreita já sobrecarregada na baixa temporada? Uma ligação direta com a BR-101 ainda não saiu do papel. O pedágio proposto agora não seria capaz de resolver todos os problemas ocasionados pelo trânsito caótico. Na qualidade de observador do que acontece com nossa região em todas as temporadas de verão, principalmente no tocante ao caos que se estabelece no trânsito da BR-101 e nos acessos a cidades como Bombinhas, penso que a quantidade de veículos que se dirigem ao balneário, ao mesmo tempo, provocando o entupimento do único acesso, é formado por aqueles que têm moradia no município, além de amigos e parentes. Não são turistas de um dia. Até porque é praticamente impossível entrar e sair no mesmo dia, dado o estresse das filas formadas do Centro de Bombinhas até a BR-101. E o que acontece com Porto Belo, então? Se boa parte dos veículos atravessam a cidade para chegar a Bombinhas e nem ficam neste que também é um dos lugares mais bonitos do Estado, não se pensa no caos provocado ao munícipe de Porto Belo? Afinal, na alta temporada, é preciso paciência e uma boa dose de criatividade para encontrar caminhos alternativos de se chegar a BR.

Som

29 de outubro de 2012 0

Alguns motoristas estão exagerando no volume do som pelas ruas de Itajaí. Quase toda noite é possível observar essas aberrações nas proximidades do semáforo que funciona em frente ao Asilo Dom Bosco. A gente fica imaginando como um ser humano pode estar dentro de um veículo com tamanho volume sonoro. E fica pensando como os idosos que estão ali, no asilo, devem se incomodar com a barulheira. Falta de respeito é pouco.

Grupo de apoio

29 de outubro de 2012 0

Importante a parceria entre a Univali e a Associação Brasileira de Doença de Cronh, para a criação do grupo de apoio aos portadores de doenças inflamatórias intestinais como retocolite e doença de Cronh. O primeiro encontro foi no dia 18 de outubro. Problemas cada vez mais presentes e que merecem atenção. Nutricionistas, psicólogos, enfermeiros, farmacêuticos e médicos reúnem pacientes e familiares para troca de experiências. Algumas doenças intestinais comprometem a qualidade de vida do paciente, praticamente incapacitando-o para as atividades diárias.

Chip

29 de outubro de 2012 1

O cabo D’Ávila, do Corpo de Bombeiros de Itajaí, entrou em contato com a coluna para sugerir que todos os cavalos da região recebam um chip. A ideia é frear a quantidade de cavalos soltos nas ruas e impedir, com isso, que eles causem acidentes como o registrado há alguns dias. Segundo ele, há cidades brasileiras que já usam esse sistema. A intenção é localizar o proprietário do animal rapidamente e puni-lo, se necessário. Boa ideia.

Faixa

26 de outubro de 2012 0

A matéria de ontem, de O Sol Diário, sobre a distância entre as faixas de pedestre, vai ao encontro do que falamos aqui, com relativa frequência. São poucas as faixas em Itajaí. Além disso, algumas em locais impróprios. Distâncias de até um quilômetro sem faixa. Você caminharia um quilômetro para atravessar a rua? Não, ninguém é louco de fazer isso, concorda?

Garrafas

26 de outubro de 2012 0

Desocupados agora resolveram inovar. Estão deixando garrafas, principalmente as de cerveja, em pé, no meio da rua, em locais de intenso movimento. Tenho percebido isso com frequência. Não se dão conta dos problemas que isso pode desencadear.