Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.

Pedra de Amolar

09 de novembro de 2012 0

Pedra de Amolar 1

A estudante Iara Cunha está indignada com a linha de ônibus 803, Pedra de Amolar, em Espinheiros, Itajaí. Segundo ela, com o fechamento do retorno da BR-101, no São Roque, o ônibus tem que voltar metade do caminho para continuar rumo ao centro. “A desculpa pra não mudarem o trajeto, ou acrescentarem uma outra linha que faça um caminho menor e mais rápido, é de que não há passageiros suficientes, mesmo tendo horários em que o ônibus lota”. A empresa Coletivo Itajaí tem a concessão do transporte coletivo. Ela precisa atender bem a todos os bairros, em todas as linhas. Se alguma linha é deficitária, provavelmente, há várias que são lucrativas. Isso faz parte do risco iminente que se assume quando se entra numa licitação. Se ganhou, precisa atender bem, sempre. E, se as pessoas hoje em dia preferem outros meios de transporte, é porque o transporte coletivo de Itajaí nunca recebeu o devido respeito por parte das autoridades competentes.

Comente e compartilhe

comentários

Envie seu Comentário