Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Alfandegamento

23 de maio de 2013 0

A possibilidade de uma central de alfandegamento em Porto Belo foi a pauta de discussão de uma reunião entre o prefeito Evaldo Guerreiro (PT) e a ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvatti, na manhã de ontem. A intenção é rearticular o pedido, já que, com a aprovação da Medida Provisória 595, a responsabilidade pelo serviço deixa de ser a Antaq (onde corria o processo) e passa a ser da Secretaria Especial de Portos (SEP).
O próximo passo será procurar a Receita Federal. A estimativa da prefeitura é que a quantidade de transatlânticos que chegam à cidade possa dobrar com o alfandegamento local. Até agora, o processo de nacionalização de Porto Belo é feito no Porto de Imbituba.

Comente e compartilhe

comentários

Envie seu Comentário