Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Culpa de quem?

06 de agosto de 2013 0

A enxurrada do dia 3 de abril, que alagou boa parte de Camboriú, rendeu um processo do Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente contra Adriano Gervásio, presidente do Conselho Tutelar. Gervásio foi considerado culpado pelos prejuízos registrados na sede do conselho e punido com 10 dias de suspensão. A água que invadiu o prédio causou a perda de móveis, cinco computadores e dados.
Gervásio argumenta que as perdas só ocorreram porque, naquela noite, a Secretaria de Assistência Social não havia escalado nenhum vigia para o Conselho Tutelar _ e, portanto, a água subiu sem que ninguém visse. O secretário, Jhon Lennon Theodoro, diz que era dia de folga do vigia, e o substituto foi transferido para outro prédio público, onde havia denúncias de uso de drogas nos arredores durante a madrugada.

Por unanimidade, os conselheiros dos Direitos da Criança e do Adolescente consideraram que Gervásio poderia ter evitado o prejuízo. Informado sobre a suspensão, ele está recorrendo da decisão e afirma estar sendo vítima de perseguição política.

Comente e compartilhe

comentários

Envie seu Comentário