Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Vitória no Tribunal

02 de outubro de 2013 0
Foto: Lucas Correira, BD 19/11/2012

Foto: Lucas Correira, BD 19/11/2012

Por dois votos a um, o Tribunal de Justiça de Santa Catarina decidiu nesta terça-feira que o secretário de Planejamento de Balneário Camboriú, Auri Pavoni, não deve perder a função pública.

Ele foi acusado de improbidade administrativa (por supostamente ter usado os serviços da prefeitura em benefício próprio) e condenado na Comarca de Balneário.

O TJ manteve a condenação, mas não aplicou as punições de não poder contratar com o poder público ou ocupar cargos públicos. A pena será apenas financeira, no valor de 10 salários do secretário.

Ainda na terça-feira à noite, Pavoni usou as redes sociais para se manifestar sobre a decisão. Ele agradeceu “aos que sempre acreditaram” nele e aos que o “apoiaram incondicionalmente”. Disse ainda que agora é “hora de trabalhar e recuperar o tempo perdido”.

Comente e compartilhe

comentários

Envie seu Comentário