Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Segue o impasse

08 de outubro de 2013 0

Vencido há seis meses, o convênio entre a prefeitura de Balneário Camboriú e a Polícia Militar ainda não foi restabelecido. Sem o acordo, é o Estado quem paga pelo conserto das viaturas baixadas.
A diferença é que serviços que eram feitos em poucas horas _ como a troca de pastilhas de freio _ têm levado mais de um mês. Com isso, os carros demoram mais a voltar às ruas.

A prefeitura espera ter um convênio mais vantajoso do que o anterior, a exemplo do que foi firmado pelo Governo do Estado com Chapecó. Comandante do 12º Batalhão, tenente-coronel Marcello Martinez Hipólito diz que prevê uma solução próxima.

Comente e compartilhe

comentários

Envie seu Comentário