Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Laudo cancela competição

21 de fevereiro de 2014 0
Foto: Secretaria do Meio Ambiente de Balneário Camboriú / Divulgação

Foto: Secretaria do Meio Ambiente de Balneário Camboriú / Divulgação

Uma competição de downhill (categoria do ciclismo) estava marcada para este fim de semana em Balneário Camboriú, no Morro de Laranjeiras. Mas uma justificativa a princípio inusitada cancelou o evento: a Secretaria do Meio Ambiente de Balneário não concedeu o alvará para a prova por questões ambientais, apontadas em uma vistoria técnica.

O laudo observa e registra com imagens ocorrências de erosão em alguns pontos, deslizamentos mais acentuados e perda da capacidade de regeneração da vegetação, além do depósito de lixo. Segundo o relatório, a maioria dos problemas foi causada pela criação, manutenção e utilização da pista nos dias das disputas.

Além de negar autorização para o evento, a vistoria também recomenda algumas medidas necessárias para futuros campeonatos no local. Entre elas doação de 100 mudas nativas por competição e isolamento da área utilizada para provas durante o tempo em que o evento não acontece.

A Federação Catarinense de Ciclismo deve se reunir com a Secretaria do Meio Ambiente na próxima semana para discutir o assunto. Para o presidente João Carlos Andrade a decisão causou estranheza, já que a última competição foi realizada em novembro de 2013 e não houve nenhum tipo de restrição.

– Fazemos provas ali há 10 anos. Como que em menos de três meses surgiram tantos problemas ambientais? – questiona.

Diretor da secretaria, Arnaldo Christian Pereira admite que as exigências aumentaram neste ano e que isso faz parte de uma qualificação dos eventos que a cidade deve receber, com foco na sustentabilidade e proteção ambiental.

– Estamos trabalhando em um novo jeito de tratar e qualificar os eventos, que servirá de modelo para a região – afirma.

Comente e compartilhe

comentários

Envie seu Comentário