Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Gigante na pista

27 de março de 2014 40
Foto: Rafaela Martins

Foto: Rafaela Martins

Estruturas gigantescas como a da foto têm passado diariamente pelo trecho da BR-101 que corta a região. Pode até parecer uma asa de avião, mas se trata de uma pá usada em usinas eólicas _ aquelas que produzem energia com a força do vento.

As gigantes estão sendo levadas para o Rio Grande do Sul. Como o transporte é especial, é exigida a presença de batedores e sinalização na frente e atrás do caminhão.

Se já impressiona no trecho duplicado da BR-101, imagina ter que ultrapassar uma estrutura dessas em pista simples…

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (40)

  • Fernando de A. Marques. diz: 27 de março de 2014

    Nossa, eu ví sim, semana passada, enquanto passava pela BR 101, cheguei a ver 2 carretas com estas tractanas, que pensei ser asas de avião…
    Obrigado pela informação! :)

  • Ana Elisa diz: 27 de março de 2014

    Estas pás eólicas são produzidas aqui em São Paulo, muito provavelmente numa fábrica em Sorocaba, a Tecsis!

  • Isadora Conceição diz: 27 de março de 2014

    Finalmente minha dúvida foi respondida! Passava pelo porto da cidade de Santos-SP diariamente e não era incomum ver essas pás gigantes circulando pela zona portuária…

  • ivan diz: 27 de março de 2014

    Dagmara você é muito linda!!!tudo de bom

  • Gilberto Pandolfo diz: 27 de março de 2014

    Em Osório – RS é a cidade dos ventos, tem um parque eólico que gera energia para no mínimo 400 mil pessoas e esta sendo construído um em Rio Grande – RS . Esses dias vi um caminhão com uma pá eólica que não conseguiu fazer a curva na RS – 116 com a BR 290 na saída de Canoas e trancou o trânsito no local .

  • João diz: 27 de março de 2014

    Lembro que vi algumas passando em 2012, seguiam para o parque eólico de Bom Jardim da Serra/SC, essas “pás” chegavam no porto de Imbituba e, por ser muito longa não conseguiam subir a serra do rio do rastro, seguiam até Lages para depois retornar para Bom Jardim

  • Fermino diz: 27 de março de 2014

    alguem sabe dizer qual o comprimento e o peso desse objetinho, agradeço a informaçao ,abraço

  • jean diz: 27 de março de 2014

    Se a pa eh desse tamanho, imagina o poste que ela vai fixada..

  • Tiago diz: 27 de março de 2014

    São dos geradores eólicos da WEG?

  • Elizandra diz: 27 de março de 2014

    Nós temos uma usina eólica na serra catarinense, na cidade de Bom Jardim da Serra, onde se localiza também a Serra do Rio do Rastro, um lugar lindo.

  • Vera Lucia Braghin diz: 27 de março de 2014

    Sempre vou a Joinville e passo por estas cargas na estrada, gostaria de saber mais sobre estas pás, onde será estas usinas na região do Rio Grande do Sul, e ver fotos do que esta sendo realizado.

  • Raphael diz: 27 de março de 2014

    Essas pás saem de Santos-SP e vêm de navio até Imbituba-SC, depois vão de carreta até o Rio Grande!

  • mauri diz: 27 de março de 2014

    pra ke cidade vai

  • Camila diz: 27 de março de 2014

    Nossa qui maximo eu ja vi duas vezes passando aqui na 101 em são josé , eu pensava qui era algo de avião tbm hehe. Da ate medo di passa dolado kkkk.

  • Raphael diz: 27 de março de 2014

    Na verdade, essas hélices são fabricadas aqui em Sorocaba, perto de casa, na rod. raposo tavares, e saem por transporte rodoviário para várias cidades do brasil, assim como para o exterior tbm..

  • alceu diz: 27 de março de 2014

    vai para torres no rio grande do sul…

  • Josué diz: 27 de março de 2014

    Essas pás, tem aprox. 60mts de comprimento, em Sorocaba-SP tem uma empresa que fabrica elas, ela é muito estreita para confundir com asa de avião e tbem muito comprida, o Airbus A-380 ( acho que é o maior avião comercial ) tem 80mts de envergadura ( de ponta à ponta de asa ).

    Valeu

  • alceu diz: 27 de março de 2014

    vai para Osório no rio grande do sul e tem mais cinco cidade mapeadas para ser instalado as usinas…..

  • Andressa diz: 27 de março de 2014

    Avistei na BR em SC.
    Obrigada pela informação :)

  • Auri Malacarne diz: 27 de março de 2014

    Tambem fiquei impressionado com o tamanho, Fermino, atras do caminha esta escrito comprimento de 70 metros e ainda sobra uns 5 m, entao deve ter entorno de 75 metros, abraço.

  • Marcos diz: 27 de março de 2014

    As pás das hélices, de 35 metros de comprimento, mas não sei o peso certo.

  • Marcos diz: 27 de março de 2014
  • DSQUI PONTES diz: 27 de março de 2014

    Desculpe Gilberto Pandolfo, mas a cidade dos ventos é Santa Vitória do Palmar, onde está sendo construído o 2º maior parque eólico do MUNDO.

  • camilinha diz: 27 de março de 2014

    Firmino, geralmente a Pá Eólica mede de 75 a 80 metros de comprimento e a Torre 120 metros de altura!

  • geribatu diz: 27 de março de 2014

    Está pas estão indo para o parque eólico geribatu no chuí RS

  • paulo diz: 27 de março de 2014

    Confundi uma pá de turbina eólica com uma asa de avião, é pra cair de costas.. Pessoal não observa nada mesmo

  • paulo diz: 27 de março de 2014

    Tem uma pá dessas la na eólica de Palmas-PR a uns dois anos jogada num canto. Agora tem mandar os ambientalistas levar ela pra casa, vão ter pa para o resto da vida. Só Deus sabe oque fazer com aquilo.

  • Sofia diz: 27 de março de 2014

    Apesar das informações contraditórias publicadas por alguns leitores, informo que nenhum parque eólico brasileiro figura na lista dos maiores do mundo. Infelizmente ainda estamos “engatinhando” no que diz respeito a exploração de energia natural e renovável. Enquanto os maiores parques eólicos brasileiros geram em torno de 1.200MW (sendo que cerca de 450MW são gerados nos parques do RS), existem parques eólicos espalhados pelo mundo capazes de produzir entre 700MW e 800MW. Cuidado com a primeira informação obtida na net, nem sempre ela condiz com a verdade.

    Sofia F. C. – Engenheira Elétrica

  • PEDRO SERGIO diz: 27 de março de 2014

    Esta pá da eólica estava circulando hoje na 101, sentido sul.
    São enormes mesmo. Aqui sul conheço o parque eólico de Plamas/Pr, na serra do rio do Rastro-SC, e no litoral do RS, indo de Torres a Porto Alegre.
    Ë a produção de energia limpa. Aliás que o Brasil precisa muito, pois esta a beira de colapso.

  • william diz: 28 de março de 2014
  • Moises diz: 28 de março de 2014

    Pessoal, existe uma Usina Eólica q está sendo finalizada em Senandes/RS na praia do cassino e em Xangri-lá/RS esta iniciando a construção do parque Eólico Honda.

  • CURTO&GROSSO diz: 28 de março de 2014

    O Brasil dá mostras de que mesmo tardiamente começa a investir na geração de energia eólica e isso é muito bom para o país.
    Atualmente o nível dos maiores reservatórios nacionais não passa dos 34% o que coloca a economia nacional e o Brasil em condições críticas e até mesmo porque o nível de alerta se situa na faixa dos 40%.
    O que o governo fez até agora além de gastar bilhões com a geração de energia através de combustíveis caros ? Nada !
    Afinal, fazer para quê se estamos no ano da Copa e de reeleições ???

  • Tiago diz: 28 de março de 2014

    Essas hélices são ineficientes por precisar da direção certa do vendo, mas o governo é burro, e só vê o que quer, já este outro tipo de hélice é muito mais eficiente e garante que continue girando independente da direção do vendo, http://revista.penseimoveis.com.br/rbs/image/13292003.jpg

  • Roberto schulz diz: 28 de março de 2014

    tem um gigantesco parque eolico em osorio-rs,em bom jardim da serra-sc,mais o mais bonito que ja vi foi em palmas no parana.la as pas giram por cima da rodovia em algumas torres.

  • Andreza diz: 28 de março de 2014

    Imagina quando chegar aqui na ponte de Laguna!!!
    Que loucura no transito…

  • Saionara Flores diz: 28 de março de 2014

    Já ví o parque eólico em Osório…

  • Thais diz: 28 de março de 2014

    Estas antenas estão sendo levadas para construção de um parque em Vila Nova do Sul !!! /

  • gabriel diz: 29 de março de 2014

    Achei que fosse um leme de uma baleeira…coza medonha mo nego…coza mais acumpridada não da nem de acredita q e a pádum cataventu…

  • Ronaldo Vieira de moura diz: 3 de abril de 2014

    Olá, trabalho em uma empresa de transporte de carga desse tipo, acho interessante participar de conversas sobre o assunto para divulgar o mesmo, pois por incrível que pareça essas cargas “são ditas como de difícil visualização” falam que não enxergam a ponta da Pá (parte traseira da carreta). Quanto mais divulgação é importante para os usuários das Rodovias tomarem cuidado quando estiverem passando por perto dessas cargas, por mais carros auxiliarem que as acompanham outros motoristas não respeitam a sinalização e provocam colisões… Senhores motoristas por favor cuidado com a direção, prestem atenção por onde passam e quando avistarem cargas à frente que atrás tem um carro zebrado…

  • Maurilio Ferreira Diniz diz: 1 de junho de 2014

    É essas pás são fabricadas aqui em sorocaba,a fabrica que fabricam essa pás são da TECSIS, a maior multinacional do mundo em produção de pás eolicas, a maior que a empresa fabrica é de 59 metrs orgulho de sorocaba.

Envie seu Comentário