Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Audiência do aterro tem acordo e ausência de Piriquito

14 de abril de 2014 0

O prefeito de Balneário Camboriú, Edson Piriquito (PMDB), não compareceu à audiência marcada pela Justiça para discutir o passivo ambiental do aterro de Itajaí, nesta segunda-feira. Piriquito foi representado pelo procurador do município, Marcelo Freitas.

A audiência foi marcada em função de uma ação movida pela prefeitura de Itajaí, que pedia, liminarmente, que Balneário fosse impedida de despejar lixo no aterro até as duas cidades entrarem em acordo. Itajaí pede que Balneário também se responsabilize pelas consequências que a manutenção do aterro trarão no futuro — como a necessidade de controle dos níveis de poluição mesmo após o período de vida útil do espaço.

Na reunião, da qual participaram o prefeito de Itajaí, Jandir Bellini (PP), representantes da procuradoria do município, da Famai e do Ministério Público, ficou acordado que as cidades terão 30 dias para entregar um convênio assinado, para iniciar estudos que indicarão qual o percentual do passivo ambiental que deveria ser assumido por Balneário Camboriú.

Comente e compartilhe

comentários

Envie seu Comentário