Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Tropeçou na língua portuguesa

15 de abril de 2014 8
Foto: Fernanda Néis/Especial

Foto: Fernanda Néis/Especial

Fernanda Néis, moradora de Itajaí, fotografou um tropeço dos feios na Língua Portuguesa em um dos letreiros que a Autopista Litoral Sul mantém na BR-101, em Itapema. A mensagem traz a palavra “excesso” escrita sem a letra X.
A Autopista informou que as mensagens são inseridas pelo Centro de Controle Operacional, em Joinville. Algumas são fixas, e outras digitadas na hora. A concessionária vai verificar o que ocorreu.

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (8)

  • Yolanda L. Sestren diz: 15 de abril de 2014

    Independentemente de quem tenha sido o erro, esta é uma pequena amostra de como anda a educação no Brasil, baixa qualidade e pouco caso com a nossa língua!

  • Daniel diz: 15 de abril de 2014

    Na realidade, deve ter faltado espaço para colocar o X, ou seria eXesso ou eCesso.

  • JULIANO diz: 15 de abril de 2014

    Acho que a palavra na ocasião seria ACESSO de veículos e não excesso.

  • MARCOS diz: 15 de abril de 2014

    Este será o nosso futuro……infelizmente, com a educação que o governo oferece hoje, a tendencia é ficar muito pior.

  • DHONS diz: 15 de abril de 2014

    ocorreu que não sabe escrever português… investigar o que?

  • Tõ de olho diz: 15 de abril de 2014

    E o que dizer das pacas que diferenciam ¨automóveis¨ de ônibus e caminhões? Seriam os veículos de grande porte movidos a tração animal, para não se enquadrarem na categoria de automóveis?

  • ismael diz: 15 de abril de 2014

    ¨A concessionária vai verificar o que ocorreu¨…? A concessionária vai verificar se algum condutor que trafega na BR não usou uma escada e furtou o X.

  • Ari Carvalho diz: 15 de abril de 2014

    Entendo o erro apontado como falha de digitação, como ocorreu com esse jornal, que também errou ao identificar a empresa que cometeu o erro em comentário, como sendo: Leitoral. O que acham?

Envie seu Comentário