Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Empresa de Itajaí vai construir aviões de luxo em fibra de carbono

06 de maio de 2014 9
Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Um sonho antigo de investir no mercado aeronáutico levou o empresário Nilton Góes ao projeto de um avião executivo feito em fibra de carbono. A aeronave, com capacidade para seis pessoas, será fabricada em Itajaí pela Galaxy Aero. O modelo, definido após dois anos de pesquisas, será voltado ao consumidor que procura aviões de luxo e chegará ao mercado pelo preço de US$ 1,35 milhões. O pré-lançamento do projeto está marcado para 24 de maio no Condomínio Aeronáutico Costa Esmeralda, em Porto Belo.

O monomotor, que ganhou o nome de Galaxy GA 620, foi projetado por um grupo de sete pessoas, entre engenheiros de São Paulo e técnicos que atuaram na Boeing. Segundo Góes, o uso da fibra de carbono em monomotores é inédito. O material, mais leve, deve garantir uma economia de 25% no consumo de combustível.
No lado de dentro, o projeto investe em conforto,  poltronas espaçosas, sistema inteligente de comando de iluminação Interna, som, TV e ar condicionado digital.

A expectativa de Góes é que a empresa produza de 15 a 20 aeronaves por ano, a partir do ano que vem. Para isso, o empresário negocia uma área de 30 mil metros quadrados (necessária para a construção de pistas de decolagem e pouso) na zona rural de Itajaí, onde deverão ser gerados 1,5 mil empregos diretos.O Além da Galaxy Aero, o empresário Nilton Góes também é proprietário da empresa Autos Fibra, que produz e exporta para o mundo todo protótipos de automóveis como Ferraris, Lamborghinis e Bugattis.

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (9)

  • LEANDRO diz: 6 de maio de 2014

    Aonde a empresa está localizada?
    Estou me especializando na área de Técnico em Manutenção de Aeronaves.
    Gostaria de saber mais informações a respeito a empresa.

    Att

  • Jacques Saul Jr. diz: 6 de maio de 2014

    Sou piloto e gostaria de obter maiores informações sobre o projeto.

  • fabiano marques diz: 6 de maio de 2014
  • Jean Patrick diz: 6 de maio de 2014

    em resposta ao comentario do Leandro: caro Leandro, é só ler a noticia e nem precisa pensar muito, a empresa é ainda um projeto, mas te entregaram de bandeja quem é o proprietário, é o mesmo da AUTOFIBRA, muito famosa em Itajaí, Santa Catarina e no mundo, no setor de réplica de carros de luxo, se eu não me engano, a unica autorizada a produzir réplica da ferrari. mas ai esta o site deles, entra em contato por lá: http://www.autosfibra.com.br/

  • Anilton A. Roders diz: 6 de maio de 2014

    Na foto aparece é Bi motor e/ou Multimotor, mas nunca Monomotor. Encontraram qualquer foto e colocaram.

  • JOHNY diz: 7 de maio de 2014

    Esta empresa existe no Brasil? talvez tenha um site? Não localizo nada sobre esta empresa.

  • Thales Bortolanza diz: 7 de maio de 2014

    Se o avião que será fabricado por essa empresa é o da foto eles vão fazer um “BIMOTOR” não um “MONOMOTOR” como diz a reportagem. Porque monomotor diz respeito a aviões que tenham apenas um motor e bimotor significa dois motores.

  • Fabiano diz: 12 de maio de 2014

    Jean Patrick primeiro a AUTOSFIBRA não é mundialmente conhecida nem chega perto disso, segundo não é autorizada nunca foi e nunca sera autorizada a reproduzir replica da Ferrari, Lamborghini, Bugatti etc, as montadoras nunca permitiram e nunca irão permitir replicas de seus carros.

  • PAULO VALERIO ALVES diz: 30 de junho de 2014

    SOU LICENSIADO PELO F.A.A. E ATUALMENTE TRABALHO NA BOMBARDIER AEROSPACE COM Q.C. (QUALITY CONTROL), SE PRECISAR DE PESSOAS QUALIFICADAS TENHO O CONHECIMENTO DE TECHNICOS ESPECIALISADOS PARA DAR BONS NEGOCIOS ….. PAULO VALERIO ALVES (520)604-1352

Envie seu Comentário