Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Sem autorização

29 de maio de 2014 0

A Fatma não licencia desde o início do ano novos grandes empreendimentos em Balneário Camboriú que vão usar a rede coletora de esgoto da Emasa. O motivo é a estação de tratamento, que ainda não tem licença ambiental. A Emasa responde a um termo de ajuste de conduta e está em fase de adequação. Até que a situação se resolva, quem insistir em levar à frente a construção está sujeito a multa e embargo.

Comente e compartilhe

comentários

Envie seu Comentário