Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Carro alugado pelo Estado e recuperado após assalto some em frente à delegacia de Balneário Camboriú

02 de julho de 2014 1
Foto: Marcos Porto/Arquivo

Foto: Marcos Porto/Arquivo

 

Um inquérito foi instaurado pela Polícia Civil para esclarecer como um carro que estava sob responsabilidade do Estado sumiu em frente à delegacia de Balneário Camboriú, na rua Inglaterra, no fim de semana.

O veículo, um Honda Civic modelo novo, era alugado pela Casa Civil e havia sido tomado por assaltantes em Palhoça, quando estava em poder de um policial militar. Semana passada a polícia recebeu denúncia de que o carro estava estacionado há dias nas proximidades da Rua 3000, em Balneário, e o guinchou para a delegacia.

Só que a DP não tem pátio (não é novidade que os carros recuperados acabam estacionados por vários dias nas ruas ao redor). Por isso o veículo ficou estacionado, segundo o delegado Márcio Colatto, em frente à porta.

A polícia acredita que os bandidos que levaram o carro pela primeira vez, no assalto, ficaram com as chaves, por isso a principal suspeita é que eles tenham voltado para buscá-lo. A madrugada era chuvosa, havia só dois policiais de plantão e ninguém percebeu a retirada do carro. Agora, os investigadores estão analisando as imagens captadas pelas câmeras de segurança para tentar identificar quem o levou.

Como o veículo é alugado, a Casa Civil fez a comunicação do roubo à locadora, que enviou um novo carro ao Governo do Estado e está tratando o caso com a polícia.

A saia-justa levou a delegada regional de Balneário Camboriú, Magali Nunes Ignácio, a afirmar que abrirá uma sindicância para saber se houve negligência. Mas o fato é que as condições da delegacia para a guarda de veículos apreendidos é precária, e não é de hoje. O Honda Civic sequer foi o primeiro carro recuperado e furtado logo depois: meses atrás, a “vítima” foi um Hyundai I-30, que, por falta de espaço na rua em frente à delegacia, estava na quadra de trás.

Um Termo de Ajuste de Conduta intermediado pelo Ministério Público posibilitou que os veículos sejam levados para o mesmo pátio onde ficam os que são apreendidos. Mas isso só é autorizado, de acordo com o delegado Márcio Colatto, 10 dias após a entrega do carro na delegacia.

Leia mais:

Definido o local para nova delegacia de Balneário Camboriú

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (1)

  • Atividade Paranormal – Versão BC diz: 2 de julho de 2014

    apertem os cintos, o carro sumiu…. os três patetas atacam novamente…. a administração pública nesta país já virou história de cinema…. não duvido que o ladrão passe na frente na delegacia, com o braço pra fora, som alto ligado e cigarrinho na boca…. se duvidar, ele entra na delegacia e passa a mão na bu do policial….

Envie seu Comentário