Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Prefeitura de Balneário Camboriú quer bares fechados na madrugada

05 de agosto de 2014 16
Foto: Marcos Porto

Foto: Marcos Porto

 

Está em fase de elaboração pela prefeitura de Balneário Camboriú um projeto de lei que reduz o horário de funcionamento dos bares em todos os bairros da cidade, com exceção do Centro, na área turística. A proposta é que os estabelecimentos passem a fechar à meia-noite, com horário um pouco estendido nos sábados.

De acordo com o prefeito Edson Piriquito (PMDB) a ideia, ainda em discussão, é reduzir os casos de violência _ em especial a violência doméstica _ provocados pelo abuso do álcool. O trabalho da Secretaria de Articulação Governamental, agora, está na fase de coleta de dados com instituições como a Polícia Militar para entender quais os locais que mais têm registros de casos violentos e de que forma a legislação pode ser mais adequada à prevenção.

Se passar a valer, a proposta deve ter influência direta, também, sobre as boates (algumas delas, velhas conhecidas dos turistas) que funcionam nos bairros. O prefeito acredita que, para ter o efeito desejado, a medida deveria se estender a outras cidades da região, como Camboriú e Itajaí.

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (16)

  • Ricardo diz: 5 de agosto de 2014

    Cambada de olds!!!

  • Ralf diz: 5 de agosto de 2014

    É o mesmo casso do homem traído. Chega em casa e pega a mulher com outro homem no sofá da própria casa. Solução: vende o sofá.

  • Valmir diz: 5 de agosto de 2014

    Demorou tem apoio da maioria da população certamente. Quem for a favor da saúde bem estar dos jovens contra todo tipo de perversidade aquela que inclui o uso de drogas deve ser a favor desta medida. Este prefeito vai direto pro Céu se conseguir … diga-se por esta atitude.

  • Ricardo diz: 5 de agosto de 2014

    “Está em fase de elaboração pela prefeitura de Balneário Camboriú um projeto de lei que reduz o horário de funcionamento dos bares em todos os bairros da cidade, com exceção do Centro, na área turística”. As mulheres do centro podem apanhar a vontade.

  • Bruno diz: 5 de agosto de 2014

    Querem retirar os cidadãos das ruas ao invés de retirarem os bandidos?
    Qual vai ser a próxima medida, toque de recolher as 20:00?
    Isso só prova o quanto o governo e a segurança pública são incompetentes.

  • Raphael diz: 5 de agosto de 2014

    Ah sim, boa. Vão trazer toda a cacalhada pra Atlântica…

  • Renato diz: 5 de agosto de 2014

    Isso é tapar o sol com a peneira, ao invés dos governantes trabalharem para que as leis sejam cumpridas ficam criando este tipo de aberração, o problema da violência domestica não são os bares, o vagabundo pode beber em casa, o problema maior é as mulheres em sua maioria tem medo de denunciar pois denuncia hoje, o cara fica solto e amanhã apanha novamente…..Para ver como são ridículo estes governantes, em Pomerode o prefeito proíbe a blitz contra a lei seca, pois esta tirando movimento dos clubes alemães pelo consumo de cerveja, em Balneário o cara quer fechar os bares….Eu no lugar deles acabaria com a classe politica, tudo se resolveria com certeza….

  • Gisele Cristine diz: 5 de agosto de 2014

    Que ridículo!!!!

  • Mario José diz: 5 de agosto de 2014

    Que as autoridades tenham coragem para fazer valer as leis já existentes! Lei seca está aí, meus senhores políticos e governantes, de vida boa, pagos com nosso dinheiro. Nós, cidadãos de bem, que não dirigimos bêbados, já temos medo de andar inclusive na Avenida Brasil, Atlântica, etc. Estamos privados de ir e vir, por causa da violência, assaltos, drogas, bêbados (jovens, velhos, de qq idade…)

    E noticiam que ganharam UM bafômetro????? Chapado pode dirigir??? Tá cheio de gente dirigindo e fumando maconha, de janela aberta, à luz do dia.

    Basta ver os frequentes flagrantes de bêbados, drogados, irresponsáveis, que andam batendo em edifícios, lojas, postes, canteiros. Já mataram velhinha na calçada e na porta da igreja. E como demora o julgamento, mesmo quando o sujeito mata várias pessoas. Né, chiques do Judiciário????

    LEI SECA !!!! JUSTIÇA PARA TODOS!!!! Não só para pobre, preto e prostituta….

  • Sandro Xavier diz: 5 de agosto de 2014

    Realmente querem acabar com a turismo em Balneário Camboriú , já não se tem muita opção nas noites de BC, só esta faltando o toque de recolher pra todos os cidadão da cidade a partir das 24 horas.

  • Sonaldo diz: 5 de agosto de 2014

    Acredito que Balneário Camboriú esta bom como esta!! Não tem fundamento tal mudança.

  • Fernanda diz: 5 de agosto de 2014

    Ridículo… apenas um pretexto para não ter que investir em segurança no horário da noite. Um ‘toque de recolher’ disfarçado de zêlo pela mulher do próximo. É melhor proibir venda de bebidas em supermercados também. Quem sabe proibir os churrascos entre amigos e “peladas” que começam cedo e vão até meia noite? Nossa… tem gente que cai nessa!! Se fechar um bar terão que fechar todos. Não existe meio certo. É ou não é! Lei ridícula, adeus turismo em BC. Itajaí, Navegantes, Itapema e cidades próximas agradecem o turismo que vai migrar para suas cidades.

  • Murillo Magalhães diz: 5 de agosto de 2014

    O que tem a ver “casos de violência _ em especial a violência doméstica _ provocados pelo abuso do álcool” com o local ou horário onde se consome o álcool ou qualquer outro tipo de droga?

    Num churrasco de domingo em casa se consome muito mais álcool do que num bar, tendo como base o custo e justamente pelo fator de se estar dentro do domicílio onde se pratica a tal violência doméstica.

    E se tentar argumentar dizendo que os bares incentivam o consumo e isso é um problema, lhe pergunto o que será feito com as propagandas de bebidas? Patrocínios? Grandes negócios fechados no meio de uma boa festa? Campanha eleitoral com churrasco e bebida?

    Dentre muitas outras circunstâncias em que pode ser rebatida essa ideia, lhe pergunto quantas vezes o senhor não quis dar uma esticadinha com a família ou com os amigos em algum barzinho, e ele estava lá, aberto e cheio de funcionários para lhe servir bem! Funcionários esses que terão enorme prejuízo em suas vidas pois dedicam elas a lhe servir depois de um dia de trabalho estressante… lhe servir e lhe entreter a anos! Que ajudaram a construir essa cidade! Você realmente acha que os bares sobrevivem ficando abertos até esse horário? Precisa se informar um pouquinho mais… e talvez criar soluções, não proibições!

    Seja um líder e inspire! Não tente ser um chefe mandando! Posso lhe dar uma sugestão senhor prefeito? Porque não começa pelo transporte público? Faça algo no estilo LUAS de Dublin… com mais horários! Menos poluição e gastos com combustíveis… isso já resolve um problema que é o de dirigir embriagado!

    E para os casos de violência doméstica, não pensei em nada nesses 3 minutos que estou escrevendo esse texto, mas mesmo sem nível superior, mestrado, etc… e etc… lhe garanto que se eu pesquisar um pouquinho, posso lhe dar uma solução melhor do que essa. Porém, deixarei para você esse desafio… afinal… você tem uma gigantesca equipe que ganha muito bem pra isso não?

  • Cris Lima diz: 6 de agosto de 2014

    Eu trabalho com música, veja bem, meu salário vem do entretenimento e posso falar com propriedade por viver isso há mais de 20 anos.
    Isso depende de uma reeducação cultural que seria muito importante se Balneário Camboriú fosse pioneiro, mas não parcialmente, porque parcialmente não adianta, ou é a cidade inteira ou nada.
    Vamos olhar pra países “desenvolvidos”, países que já sofreram do que sofremos hoje e vejam como funciona, Estados Unidos, Inglaterra. Há poucos meses tive em Londres e quem conhece sabe, meia noite para-se a venda de bebidas alcoólicas, e fecham-se as portas, a uma da manhã está tudo fechado. A questão não é ser velho ou novo, é precaução, e as pessoas tem que aprenderem a saírem cedo de casa.
    Imagine você um cidadão que trabalha a semana inteira, quando chega na sexta-feira o cara está cansado, mas tudo bem, se ele se programar em sair direto do trabalho e encarar um Pub (como é na Europa, quase tds estão lotados as 19hs), e curtir até meia noite, putz, são quase cinco horas aproveitando. É uma questão de reeducação cultural.
    Aqui vivemos a utopia de achar que sair tarde é divertido, quando na verdade a pessoa sai do trabalho, passa em casa pra se arrumar em casa, jantar e depois que bate aquele relaxamento, ainda vai sair e beber. Vai somatizando cansaço, bebida, sono, isso vira uma bomba que qualquer hora explode. Sem contar que, muitos quando chegam em casa já nem saem mais, desistem em função do cansaço. OU seja, o comércio ganharia bem mais se os bares e baladas abrissem às 18hs e fechassem à 01h.
    Em Blumenau existe o The Basement que é um Pub e funciona quase assim, é perfeito. O show da banda começa às 22hs, porém, o público já está no local desde às 20hs, por fim o show acaba 01h15, ou seja, às 02h a casa já está fechada. A casa vive lotada, o atendimento é um dos melhores do estado pq as pessoas não estão esgotadas fisicamente, o racional de quem consome álcool não está somatizado ao cansaço e obviamente a consciência trabalha um pouco melhor, enfim, em um primeiro momento, podemos achar isso ruim, mas analisemos os benefícios de diminuição de tragédias que isso pode reduzir, e o comércio de bares e baladas apesar da mudança cultural, no final das contas faturaria bem mais. E se o cidadão que quisesse “esticar” seu encontro com os amigos, poderia facilmente fazer isso em casa, com segurança.
    Lembra quando era permitido fumar em avião ? – Pois é, acharam um absurdo tirar esse direito de quem fumava, olhem hoje em dia, se alguém falar em acender um cigarro dentro de um avião a coisa beira ao absurdo.
    É uma questão de reeducação cultural, volto a citar, os índices de tudo quanto é tipo de questão em relação a acidentes, roubos e etc, nesses países são bem abaixo do nosso.
    Acho que Balneário Camboriú poderia sim com um bom planejamento, entrar em acordo com comerciantes e com a população para se reeducar e servir de exemplo inclusive a grandes centros na adaptação dos seus horários e colaborar para diminuir o índice de incidentes que só aumentam com esse formato cultural antigo.

  • LHNA diz: 6 de agosto de 2014

    Isso nao iria mudar bosta nem uma, isso e mais uma prova de que o Brasil ta se tornando um pais de ditadura
    Ja nao basta a corrupçao agora isso
    pq nao vao caçar bandidos em vez de fuder com quem ta trabalhando honestamente
    Essa lei e ridicula

  • Maninho diz: 6 de agosto de 2014

    Coisa de CATARINA…

Envie seu Comentário