Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Um gigante vizinho

20 de agosto de 2014 7
Foto: Marcos Porto

Foto: Marcos Porto

Enormes embarcações usadas no suporte à exploração de petróleo e fabricadas em Navegantes também podem ser vistas no outro lado da margem, em Itajaí. Como esse supply clicado pelo repórter fotográfico Marcos Porto a partir da Avenida Reinaldo Schmithausen, no Cordeiros, que parece mais um edifício na paisagem.

A indústria naval é hoje a segunda maior fonte de receita em Navegantes, logo atrás das atividades portuárias. O município tem seis estaleiros de grande porte, quatro deles com capital estrangeiro. E há mais dois em fase de negociação.

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (7)

  • VITOR ILO HERZOG diz: 20 de agosto de 2014

    DAGMARA, NÃO É Q O SOBRENOME DO REPÓRTER FOTOGRÁFICO VEIO A “CALHAR”…ABS.

  • Francisco Celso diz: 20 de agosto de 2014

    Enquanto isso nossa “capital” recebe suas embarcações para duas pessoas, é sim, essas para duas pessoas pescarem na beira mar, um remendo e outro lançando sua tarrafa.

    Mas como diz o surfista dono da onda no Campeche, “isso aquí é nosso” ninguém mexe.

    Sua a favor da preservação, mas não do retrocesso.

  • math diz: 20 de agosto de 2014

    Fco disse tudo! Os transatlânticos jamais poderão atracar aqui, pois aqui tem uma meia duzia de lunáticos. Quero ver quando os morros estiverem mais que tomados (mais do que já estão) com a violência descontrolada, se vão querer essa terra toda para eles.

  • Alex Sandro diz: 20 de agosto de 2014

    Amigo floripa infelizmente não tem porto do porte de Itajaí. Quando tiver vai poder ter embarcações maiores de mais de 2 pessoas

  • Renato diz: 20 de agosto de 2014

    A Imagem impressiona, mas a sua beleza Dagmara impressiona muito mais……

  • Renato diz: 20 de agosto de 2014

    Há!! Meu amigo Francisco Celso, nossas baias aqui na capital já estão poluídas demais, não precisamos de navios e sim pequenos barcos com duas pessoas pescando….E não me venha com este papo de bairrismo ou que o manezinho não quer que a cidade evolua, este papinho já saiu de moda………..Vc prefere visitar Veneza ou Cubatão ??…Vc me entendeu ??….Se vc gosta tanto de navios e acha que não tê-los é retrocesso, por favor as malas eu posso doar a vc…

  • Rodrigo diz: 20 de agosto de 2014

    Caro Francisco Celso: retrocesso é parar no tempo e viver como na caverna !!!

Envie seu Comentário