Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Operação Trato Feito apura fraude em licitação da Passarela da Barra e outros dois editais recentes

15 de setembro de 2014 4

O promotor de Justiça Jean Forest, coordenador do Gaeco, informou durante entrevista coletiva nesta segunda-feira que as investigações da Operação Trato Feito incluem indícios de fraudes em três licitações recentes de Balneário Camboriú: a obra do elevado da Quarta Avenida, o contrato de execução da Passarela da Barra e medições e pagamento de materiais de pavimentação.

O promotor não divulgou os nomes dos envolvidos.

>>> LEIA MAIS SOBRE OPERAÇÃO TRATO FEITO

 

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (4)

  • Estou feliz por isso diz: 16 de setembro de 2014

    Tenho 58 anos estou aprendendo Inglês. Pra que? VOU EMBORA DO BRASIL. Melhor ser catador de lixo em alguns países do que viver nesta droga. Isto aqui chegou no fundo da FOSSA, e o pior; jamais iremos melhorar. Em breve estarei num avião rumo algum país decente deste planeta. Estou indo…

  • GAECO no SMU de Itajai diz: 16 de setembro de 2014

    A SMU de Itajai precisa ser investigada…

  • MPSC pede soltura dos presos da Operação Trato Feito à Justiça | Guarda-sol diz: 30 de setembro de 2014

    […] Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) solicitou à Justiça a soltura dos oito presos na Operação Trato Feito que continuavam detidos. A revogação das prisões preventivas foi solicitada pelo Promotor de […]

  • Dois pesos, duas medidas? | Guarda-sol diz: 5 de outubro de 2014

    […] tenha sido anunciado que os presos da Operação Trato Feito seriam todos afastados das funções, até ontem o nome do ex-secretário de Administração, José […]

Envie seu Comentário