Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Presídio da Canhanduba tem sete vagas reservadas para os presos pelo Gaeco

15 de setembro de 2014 1

Embora 14 pessoas tenham sido presas durante a operação Trato Feito, do Gaeco, apenas sete vagas teriam sido solicitadas no Presídio da Canhanduba. A tendência é que parte dos detidos seja liberada após prestar depoimento, ainda na tarde desta segunda-feira.

Os presos ficarão em uma cela separada dos demais. A expectativa é que sejam levados ao Complexo Prisional somente à noite.

As prisões incluem pelo menos três ocupantes do alto escalão da prefeitura _ o secretário de Obras, Elton Garcia, o secretário de Administação, João Batista Leal, e o diretor de licitações do Departamento de Compras, Rui Dobner.

O secretário de Planejamento, Auri Pavoni, foi afastado do cargo por ordem judicial.

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (1)

  • OTONIEL ALVES diz: 16 de setembro de 2014

    TEM MAIS É QUE METER ESTA CAMBADA DE VAGABUNDO NA CADEIA. APESAR DA GENTE SABER QUE ISSO NÃO DA EM NADA, COMO OUTRAS OPERAÇÕES QUE JÁ FORAM REALIZADAS, SEMPRE APARECE A JUSTIÇA AMIGA E RESOLVE PRA TODO MUNDO….JÁ TIVEMOS VÁRIAS OPERAÇÕES QUE ACABARAM EM NADA POR EX. OPERAÇÃO MOEDA VERDE. Á NÍVEL NACIONAL OPERAÇÃO MENSALÃO, OUTRA QUE ACABA EM PIZZA É A OPERAÇÃO PTROLÃO…TODOS OS ENVOLVIDOS SEMPRE ESTÃO MUITO BEM CALÇADO COM O DINHEIRO SURRUPIADO. A DONA JUSTA É CEGA MAS NÃO SURDA, DURANTE TODO O PROCESSO ELA ESCUTA O QUANTO FOI GANHO…. NO BRASIL AINDA PRESO SÓ P. P. P!

Envie seu Comentário