Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Polícia leva cães farejadores a escolas de Balneário Camboriú para combater uso e tráfico de drogas

27 de setembro de 2014 4
Foto: Polícia Militar de Balneário Camboriú/Divulgação

Foto: Polícia Militar de Balneário Camboriú/Divulgação

 

Ricky, o cão treinado da Polícia Federal de Itajaí, tem atuado em ambiente inédito nos últimos dias. Ao invés de bagageiros de ônibus e casas de suspeitos, tem farejado mochilas de estudantes em escolas de Balneário Camboriú em busca de drogas.

A operação, pioneira no Estado, é feita em conjunto pela Polícia Militar e a Polícia Federal e tem caráter preventivo, para proteger crianças e adolescentes do contato com entorpecentes.

Até sexta-feira quatro escolas já haviam sido alvo da operação, e em todas elas foram encontradas drogas. Os adolescentes responsáveis foram encaminhados à delegacia especializada.

Luiz Eduardo Cleto Righetto, mestre em Ciência Jurídica e professor da Univali em Itajaí, diz que não há impedimento legal a operações de combate às drogas em escolas – inclusive, a distribuição de entorpecentes em ambiente escolar pode render pena de um sexto a dois terços maior de prisão.

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (4)

  • A Coruja diz: 27 de setembro de 2014

    muito bom o trabalho, os cães não falham qd seu foco farejam o odor! pastores alemães são incríveis. – Obs: A policia tem que intensificar em balneário camboriu as rondas por trafico que acontece escancaradamente a noite na Av.dos Estados nas proximidades do banco Itaú, por jovens a pé e de bicicleta. É muito fácil adquirir um entorpecente.
    Só não vê quem não quer!!! É a famosa ”vista grossa”.

  • Luciane diz: 27 de setembro de 2014

    Eu gostaria de saber se isso aconteceu apenas nas escolas públicas ou também aconteceu nas privadas?

  • Daniel Ramos De Oliveira diz: 27 de setembro de 2014

    Isso nos Estados Unidos já é uma realidade, acredito que é uma medida válida, já que sabemos que o ambiente escolar infelizmente não está livre desta demanda penso que este trabalho deve ser estendido a outras cidades da região, e sempre prezando a segurança pública, dos estudantes e o cumprimento da Lei. A Polícia Federal de Itajaí e a Polícia Militar de Balneário Camboriú estão parabéns por esta iniciativa.

  • Carlos diz: 29 de setembro de 2014

    Muito bom trabalho, a Policia de Itajaí deveria seguir o exemplo de forma que dificulte a entrada de drogas nas escolas. Mostrar para os adolescentes que as drogas destroem a vida e família.

Envie seu Comentário