Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Chafariz do Saco da Fazenda vai parar na Justiça

02 de outubro de 2014 5
Foto: Marcos Porto

Foto: Marcos Porto

 

Foi parar na Justiça o polêmico chafariz do Saco da Fazenda, em Itajaí. A procuradoria jurídica do município oficializou um pedido de cancelamento de contrato e agora aguarda decisão judicial sobre a possibilidade de reaver o valor pago pela estrutura.

O contrato previa um investimento de R$ 315 mil, mas como os pagamentos eram feitos em etapas, conforme cada parte do chafariz era entregue, o total pago pela prefeitura foi de R$ 265 mil. O valor corresponde à estrutura elétrica, plataforma, bombas e fiação.

O preço total não foi pago porque segundo o secretário de Planejamento, Orçamento e Gestão, Luiz Carlos Pissetti, “no final, o conjunto não funcionou”. A altura de lançamento da água e a iluminação não teriam ficado de acordo com o que era esperado pela prefeitura.

A ação na Justiça pede o ressarcimento de valores e a possível devolução do material. Caso a decisão seja contrária, o município deve amargar o prejuízo.

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (5)

  • Receita do dia: como queimar dinheiro alheio diz: 2 de outubro de 2014

    basta eleger-se prefeito, fazer um monte de obras inuteis e distribuir entre os cumpadres… enquanto isso, 200 mil chupam o dedo, leva-se meia hora pra andar 1 quilometro em Itajai… e tem gente que ta contente com a falta de viadutos e via portuaria – tem pessoas masoquistas, gostam de sofrer….

  • Mãe diz: 3 de outubro de 2014

    E nós mães esperando vagas na creche pública à mais de 2 anos….o chafariz é muito mais urgente é claro!!

  • Valdir Souza diz: 3 de outubro de 2014

    Infelizmente, estamos colhendo o fruto de nós mesmo, que a 2 anos atrás deveríamos ter melhor analisado, para hoje não ficar comentando amargamente a situação de nossa cidade. O pior é que daqui a mais 2 anos, as mesmas pessoas que tanto criticam, tem uma infeliz amnésia no mês de outubro, e novamente isso volta a se passar!…

  • danield diz: 3 de outubro de 2014

    Inadmissivel o que ocorre em nossa regiao e ainda esse chafariz chinfrim écomentario em nossas pags. Se fosse um chafariz igual ao hotel bellagio em las vegas tudo bem… imponente iluminado, turistico… mas tres jatinhos de agua…vao se catar…. obras inacabadas…cliclovias da contorno sul sendo feitas sem desapropriacoes… nas coxas, radares para comer o dinheiro do povo, falta de creches… pgc dominando as ruas por faltade contingente…viadutos…

    Cade esse prefeito boca mole… esse secretario de obras que nao tem conhecimento nehum de obra e sim é um criador de pintos para granjas… faça me favor…. senhores…
    Um secretario que diz q foi feito estudos e que itajai nao precisa de viadutos?

    Sugiro Dagmara reportagens como essa sim denunciando a falta de capacidade do poder publico em nos dar uma qualidade de vida digna.
    Continue fazendo suas denuncias. O povo precisa saber das coisas.

    Sabem quantas ruas foram abertas em itajai para resolverem o problema da mobilidade urbana…. segundo paulo praun secretario de urbanismo, nenhuma.
    A linha branca ate hj inacabada.
    A limpeza do ribeirao da canhanduba…cade… obras pra conter as cheias….
    Viadutos…
    Rondas dos policiais…. efetivos…baixos salarios…
    Porto… qual obra foi feita…

    Estamos a merce de bandidos… os q de arma em punho nos afrontam hj por 1 real e pelos do colarinho branco que nao tomam as medidas para a populacao.

    E tenho dito….

    Indignado.

  • Justiceiro diz: 3 de outubro de 2014

    A obra foi inútil, certo! Mas ai achar que o governo é responsável por vc esta na fila da creche há 2 anos já é demais! O problema é que as pessoas não pensam antes de ter filho, não analisam se de fato tem estabilidade financeira de manter uma ou mais crianças. O governo fornece camisinha e anticoncepcional, e sinceramente, o que falta, é consciência de que os pais são responsáveis pelos filhos, e não o governo. Se vc não tem condições de pagar uma creche ou cuidar do seu filho até ele ir pra escola, pense bem se vc realmente precisa ter filhos.

Envie seu Comentário