Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Saldo da eleição: Saímos perdendo

06 de outubro de 2014 5

O Litoral Norte sai das eleições perdendo. Enquanto a representatividade na Assembleia Legislativa reduziu de duas para uma cadeira, na Câmara Federal a região amarga novamente a falta de um nome em Brasília.

Cidade que é dona do segundo maior PIB do Estado, Itajaí não conseguiu ter tamanha força na área política. Deixa de ter um deputado estadual, com a derrota de Volnei Morastoni (PT), que tentava uma reeleição. O ex-prefeito do município conquistou pouco mais de 27 mil votos. Foi o mais votado na cidade, mas dividiu as primeiras posições com Osvaldo Gern (PP), correligionário e candidato do atual prefeito, Jandir Bellini, além de Níkolas Reis (PROS), ex-vereador pelo PT.

Balneário Camboriú conseguiu ao menos manter sua cadeira na Assembleia _ tinha até metade deste ano Dado Cherem (ex-PSDB), que deixou a carreira partidária para assumir vaga de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE). O lugar foi ocupado por Leonel Pavan (PSDB), ex-prefeito do município, que assume o primeiro mandato como deputado estadual.

A vitória indica o fortalecimento dos tucanos na cidade, e abre caminhos para especulação sobre uma possível candidatura de Pavan à prefeitura em 2016.

(Por Patrizia Krieser)

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (5)

  • Candidatos que não agradaram diz: 6 de outubro de 2014

    isso ja era esperado, considerando o naipe dos candidatos de Itajaí – se fossem tao bons ja teriam resolvido varios problemas, como a conclusao da via portuaria e a construcao de viadutos, evitando defuntos em acidentes de transito…. um candidato ja foi governo e nada fez; os outros sao governo e dizem amem pra tudo o que o prefeito quer, entao, por que merecem nosso voto? parabens Pavan, em janeiro vou cobrar coisas pra Itajai e regiao… quanto ao deputado federal que nasceu em Itajai e foi reeleito, que continue trabalhando, pois é pra isso que ele é pago….

  • Rodrigo diz: 6 de outubro de 2014

    O que mais indigna é ver candidatos a dep.estadual daqui de Itajaí, fazendo política e pedindo voto pra dep.federais de outras cidades. Aí me vém a pergunta: como podem pedir pra o povo de Itajaí votar neles, se nem eles apoiam os candidatos daqui ???
    Ta nojenta a política não só em Itajaí, mas em todo o Brasil !
    Um exemplo: Vereador Rafael da Padaria apoiando o Eskudlark, pedindo votos, Sr. Volnei Morastoni apoiando candidato de fora..fora outros que ouvi, mas para não cometer injustiças, prefiro não citar.
    Só pagaram o preço pela sujeira que fazem com Itajaí, ou seria nós que pagamos ?
    =/

  • Rodrigo diz: 6 de outubro de 2014

    E outra: o que o Volnei fez por Itajaí nesse tempo todo na Assembléia ? Nada…só pagou o preço pela falta de comprometimento com a cidade que o elegeu. se bem que ele nem é daqui neh…e ah boatos que o bornhausen viria pra prefeito em Itajaí, em 2016…é o fim d picada !!!

  • Rodrigo diz: 6 de outubro de 2014

    Mas, o que mais dói mesmo é ver aquele povo do nordeste votando tudo no PT, sendo que estao 12 anos de retrocesso praqueles lados…sinceramente, eita povo burro pra votar…O Nordeste é o atraso do país !!!

  • Renata diz: 10 de outubro de 2014

    Sr. Rodrigo, antes de dizer que o deputado Volnei não fez nada por Itajai, procure se informar melhor e estar por dentro das tratativas políticas de sua cidade. Toda ampliação do hospital Marieta, a permanência do pronto socorro do hospital infantil Pequeno Anjo, com o aumento de recursos, são apenas alguns exemplos de ações que tiveram total influência do deputado. E isso ele fez em todo o Estado. Quero ver agora quem vai intervir diretamente por Itajai.

Envie seu Comentário