Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Cobrança de pedágio em Bombinhas começa dia 20

10 de dezembro de 2014 35

00a89095

Agora a data é oficial: a prefeitura de Bombinhas escolheu o dia 20 de dezembro, o sábado anterior ao Natal, para dar início à cobrança da Taxa de Preservação Ambiental (TPA). A definição, feita uma semana após a decisão do Tribunal de Justiça de Santa Catarina que liberou o pedágio, levou em conta o período necessário para os ajustes.

De acordo com a prefeita Ana Paula da Silva, lixeiras e banheiros químicos terão que estar instalados nas praias e a equipe de limpeza contratada para a manutenção das trilhas e da areia terão que estar nas ruas quando a cobrança começar.

::: Leia mais sobre o pedágio ambiental de Bombinhas

O pagamento por esses serviços, de R$ 1,8 milhão para toda a temporada, deverá ser quitado com o recurso arrecadado com a TPA.

A prefeitura deverá fazer audiências públicas para definir a aplicação do restante da verba recolhida. É possível que o município institua uma guarda ambiental.

Até o fim desta semana será instalada a publicidade da TPA para avisar aos turistas sobre a cobrança da taxa. Com a data definida para o dia 20, o prazo deve ser menor do que o previsto em lei, que eram 15 dias de antecedência.

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (35)

  • Feliz 2016 diz: 10 de dezembro de 2014

    vamos comecar bem o proxmo ano com novas taxas… feliz2016

  • Manfred Kreutzfeld diz: 10 de dezembro de 2014

    A partir de agora, vou gastar meu dinheiro em outra praia. Adeus, Bombinhas e vão precisar de sorte para não se arrependerem desta decisão, pois conheço muitos que farão o mesmo que eu!

  • jorge henrique de souza diz: 10 de dezembro de 2014

    tomara que nao tirem mais a taxa como forma de castigo pela besteira que uma pessoa publica no comando da cidade fez. eu e muita gente nao mais iremos ao municipio . é facil administrar um municipio com dinheiro publico, ja basta o imposto abusivo que nos cobram. tomara que em florianopolis tambem comecem a cobrar, visto que agora abriu um prescedente. aqui é ilha da magia e para tal o prefeito tera o mesmo direito de fazer essa besteira. onde esta o direito de ir e vir. estamos mal representado em todos os sentidos. garanto que quem deu aval para esse procedimento nao pagara o pedagio.

  • carlos diz: 10 de dezembro de 2014

    Srta. jornalista. Eu moro na Argentina e eu tenho reservas em um hotel para as minhas férias em bombas para meados de Janeiro de 2015 para um período de 7 dias. Poderia informar cuanto debere pagar por Taxa Preservação Ambiental (TPA)?
    E cada vez que eu viajo para Camboriú para entrara a bombas debere pagar de novo taxa ?
    Obrigado pelo seu tempo e pela sua resposta.
    amavelmente
    carlos

  • Pedro Pacas diz: 10 de dezembro de 2014

    Somos o país com a maior carga tributária do mundo. Descontam 27,5% do meu salário no contra-cheque, que vai para o imposto de renda. Quando você vai no mercado e compra um pãozinho, 70% do valor é imposto, e assim é com a maioria dos produtos que consumimos. Gasolina então nem se fala. Agora precisou de médico, não tem! Tem que pagar. Escola de qualidade? Só pagando! Ou seja, não recebemos de volta pelo que pagamos. Então quando ouço falar em cobranças além da conta acho um absurdo. É outra coisa totalmente imposta, sem a autorização da maioria das pessoas. Ou seja, vivemos como escravos neste pais. e viva a demagogia!

  • VIT diz: 10 de dezembro de 2014

    A tempos não visito Bombas no verão por conta das filas infernais. Agora que precisa pagar para visitar…

  • Jeferson diz: 10 de dezembro de 2014

    Péssimo para o comércio, péssimo para o turismo e péssimo para a prefeitura de Bombinhas.

    Lamentavelmente varias cidades catarinenses são geridas por pessoas que nada entendem de administração pública ou privada, pessoas que vivem na escuridão do conhecimento, planejamento e gestão pública de qualidade. Pessoas que além de pouco ou nenhum conhecimento em administração pública ainda possuem forte carência de bom-senso. Preservação ambiental se faz com a delimitação de áreas, zoneamento urbano, observância do plano diretor, investimento em saneamento e rede de esgoto, agora limitar o acesso das pessoas a um município?? Isso é um enorme retrocesso que só faz sentido na cabeça de gestores que pretendem engordar a arrecadação do município e nada contribuir para a sua melhoria, pessoas que só tem em vista a próxima eleição e não o bem estar da comunidade, o livre acesso dos turistas, moradores, mercadorias e serviços.

    Lamentável que um local tão belo, com as praias mais bonitas do pais, sofra restrição no acesso a pretexto de investimento ambiental que todos sabem que não será feito. Além do mais, R$ 1,8 milhão é muito pouconpada qualquer melhoria de qualidade.

    Em síntese, péssima ideia dos gestores de Bombinhas, não votarei mais nos idealizadores de tal proposta, para nenhum cargo público.

  • Gil diz: 10 de dezembro de 2014

    É A TAXA DA VERGONHA , CERTAMENTE QUEM SERÁ MAIS AFETADO SERÁ A POPULAÇÃO DE BOMBINHAS POIS, COM A MESMA, HAVERÁ UMA GRANDE QUEBRA NA ECONOMIA DO MUNICÍPIO GERANDO UM GRANDE DESEMPREGO.

  • José Carlos Faustino diz: 10 de dezembro de 2014

    Acho que o município não planejou corretamente esse projeto para cobrança da TAP,
    na minha opinião o municipio deveria invertir em infra estrutura para depois cobrar.
    Gostaria que alguem da prefeitura explicasse qual foi o critério usado para chegar aos valores que serão cobrados dos visitantes. E espero que o dinheiro arrecadado possa
    melhorar a estrutura do município para agradar os turistas.

  • Miro diz: 10 de dezembro de 2014

    Se virar moda, pagaremos em todas as praias aqui de Santa Catarina!!!

  • Adilson diz: 10 de dezembro de 2014

    TPA, MP, o P de MP não é PÚBLICO ? Para defender o PÚBLICO ?? Cadê ????

  • Miro diz: 10 de dezembro de 2014

    E a sra Ana Paula da Silva, deveria pagar pedágio a cada entrada dela aqui na Nossa Ilha!!! Será que gostaria de pagar??? Mesmo sem frequentar nossas muito melhores praias??? Vai te catar!!!

  • Paulo diz: 10 de dezembro de 2014

    POR QUE VOCÊS NÃO ESTÃO PUBLICANDO OS COMENTÁRIOS, Qual o interesse do site em esconder a indignação das pessoas com a tal taxa.

  • Delano diz: 10 de dezembro de 2014

    Mais taxa? Mais impostos? Esse não é meu país. Mais dinheiro será roubado

  • Everton Luz diz: 10 de dezembro de 2014

    Não concordo , imagina se isso pegar , guarda do embaú , são Francisco do Sul enseada , mas aqui no brasil tudo pode desde que cobre mais de nós trabalhadores aí está tudo certo . O pessoal deveria se revoltar e fechar essa entrada daí eu queria ver o que esse prefeitinha iria fazer.

  • Roberto diz: 11 de dezembro de 2014

    Cobrança duas vezes pode???? sim, porque com a indefinição da cobrança de tal pedágio, criaram rapidamente em toda Bombinhas e Bombas, áreas de estacionamento “Zona Azul” sendo que será cobrado R$4,00 por 4 hs. Isso não é cobrar duas vezes pelo mesmo “des”serviço? E o nosso direito de ir e vir que é Constitucional??????

  • lorena diz: 11 de dezembro de 2014

    num carro con 4 pessoas 20 reais? caro? eu reclamo sim…teria que ser cobrado 10 reais POR PESSOA…quem não tiver 20 pilas so vai deixar sujera em Bombinhas…
    a opção é das pessoas.. podem ir ao mar de Balneario…lá não paga e o mar é igualcinho…

  • Filipe diz: 11 de dezembro de 2014

    Pode começar a arrumar as trouxinhas desde já Sra Prefeita! a próxima eleição não é sua não, está na cara do povo a indignação!! ridículo o que a Sra está fazendo!!!

  • Menésio Felício Adriano diz: 11 de dezembro de 2014

    Absurdo isso, contraria o direito de ir e vir do cidadão, bando de otários (verdadeiros imbecis) que criaram isso, fico admirado que o Ministério Público não consiga derrubar. Torço mesmo para que os turistas em sua maioria procurem outro lugar para desfrutar suas férias, pois considero isso uma afronta. Tomara que o tiro acerte os próprios pés deles, palhaçada.

  • Menésio Felício Adriano diz: 11 de dezembro de 2014

    Absurdo isso, contraria o direito de ir e vir do cidadão, fico admirado que o Ministério Público não consiga derrubar. Torço mesmo para que os turistas em sua maioria procurem outro lugar para desfrutar suas férias, pois considero isso uma afronta. Tomara que o tiro acerte os próprios pés deles, palhaçada.

  • pantaneiro diz: 11 de dezembro de 2014

    Taxa imoral e inconstitucional; logo, logo, bem antes do dia 20.12 a justiça na sua instância maior, decidirá!!!

  • Maria Paula diz: 11 de dezembro de 2014

    na minha opinião essa cobrança será excelente! Tem muita gente que vai curtir a praia, leva uma caixa cheia de comida e bebida, não consome nada ou praticamente nada do município e ainda deixa toda a sujeira! Esse pessoal tem que pagar para ir, para ficar e para voltar!

  • Claudio Roberto Miranda diz: 11 de dezembro de 2014

    Sera que agora nao vai mais faltar agua em bombinhas??????

  • Mi Braun diz: 11 de dezembro de 2014

    Uma vergonha total essas cobranças… cadê o MP para intervir? Pagaremos essa taxa, mais estacionamento???? A favor da campanha: NÃO VÁ A BOMBINHAS NESTE VERÃO!!!

  • Ceci diz: 12 de dezembro de 2014

    Essa cobrança é um absurdo. Já pagamos impostos ( e alto) e não recebemos nada em troca.
    Com essa taxa vamos ter água em nossas casas? Vamos ter segurança para nossas casas? Vamos poder ir e vir com rápido acesso? As praias estarão limpas? Pronto Socorro? Recolhimento de lixo? Recolhimento e separação do lixo reciclado?

    Qual mesmo é a obrigação do Estado? E da prefeitura?

  • Fabíola diz: 12 de dezembro de 2014

    Bombinhas se tornou um “faroeste”, cidade sem infraestrutura, sem “dono” e sem lei!Antes mesmo da temporada já falta água com frequência no município, as ruas estão mega esburacadas e sem falar nesse ABSURDO de zona azul que implantaram na cidade toda. Agora eu lhe pergunto: quem fiscalizará os veículos da zona azul? Se não existe nem população suficiente para trabalhar nos comércios da região? Instalaram placas de zona azul, em ruas de mão dupla estreiras…o trânsito que já é um caos ficará pior ainda e o povo ainda pagará por isso! Aí o turista se sujeita a pagar o pedágio, entra na cidade e se decepciona com toda a falta de condições da cidade. Bombinhas já foi um lugar mágico, de refúgio e sossego, mas a ganância e a falta de escrúpulos dos seus adminstradores estão denegrindo a imagem deste lindo lugar. Esse governo pode durar apenas 4 anos, mas alguns dos seus malefícios ficarão para sempre.

  • Paulo da Marreta diz: 13 de dezembro de 2014

    A prefeita consegui, nao sei como,…convencer a justiça catarinense a praticar a vergonheira que e esta taxa de Bombinhas… Ali tem truta, nao somente tainha..Tribunal de Justiça Catarinense decepcionou a todos nos…

  • marcelo diz: 15 de dezembro de 2014

    vai ganhar 20 n entrada…mas e o gasto q os turistas ainda tem pois tudo e muito caro ,,,e uma pena o lugar e muito bonito mas tbm e plubico isto e uma vergonha eu tbm n vou

  • Jerônimo diz: 16 de dezembro de 2014

    Minha família tem casa em Bombinhas, não sou tão contra o pedágio assim, eu mesmo vou ter que pagar quando for com 2 veículos pra lá, mas fico pensando mais na população que fica o ano inteiro lá, vários moradores possuem mais do que um veículo no mesmo domicílio, possuem filhos que estudam em outras cidades próximas, enfim, precisam se deslocar e vão ter que arcar por uns 4 meses com esse pedágio, além disso ainda existe todo o problema de infra-estrutura, a cada ano que vou pra lá fico espantado como ainda existem tantas pessoas que vão passar férias em Bombinhas alugando lugares pra ficar, atualmente seria a minha última escolha se eu tivesse que alugar um lugar pra ficar, com certeza não seria Bombinhas, mas não por causa do pedágio e sim pela falta de água, falta de luz, falta de estradas decentes pra se andar, até quando nossos políticos vão achar que apenas a beleza natural resolve para se trazer turistas? Ano passado soube de vários casos em que as pessoas entregaram os imóveis alugados muito antes do prazo estipulado porque não conseguiram ficar tanto tempo sem água. E quando se resolve ir embora é outro sufoco, 4 horas pra se conseguir chegar até a BR101, ou então passar pelo morro de Zimbros sem saber se vai chegar vivo do outro lado… vergonha. O pedágio é só a cereja do bolo do atestado de incompetência dos governantes. Como não sei se realmente o dinheiro arrecadado realmente vai para o destino ambiental como estão falando, se for ótimo, mas espero realmente que resolva de imediato é o problema das filas. Uma coisa que eu fico me perguntando é, ouço varias vezes muitas pessoas justificando a cobrança dizendo que a cidade não comporta o volume de turistas que chegam no verão, mas esses turistas ficam onde? Em casas/aptos alugados certo? Essas casas/aptos são construídos durante o verão e demolidos em seguida? Não né? Então deveria-se prever em um plano diretor que não poderiam ser liberadas obras de construção como foi liberado, o problema não é de quem vai pra lá se existe oferta de imóveis, o problema é da prefeitura que deixou construir sem critério algum.

  • mauro parana diz: 16 de dezembro de 2014

    Sou contra, cade o direito de ir e vir? Isso a torna particular?

  • Cobrança de pedágio em Bombinhas fica para depois do Natal | Guarda-sol diz: 17 de dezembro de 2014

    […] nesta quarta-feira que a cobrança da Taxa de Preservação Ambiental (TPA), prevista para começar neste fim de semana, foi adiada para depois do Natal. Esta é segunda vez que o início do pedágio troca de […]

  • Sueli diz: 23 de dezembro de 2014

    ATENÇÃO TURISTAS!!! RECADO DA PREFEITA….

    TURISTAS, FREQUENTADORES DE OUTRAS PRAIAS,,, TODOS VOCÊS NÃO SÃO BEM VINDOS A MINHA BOMBINHAS!! VOCÊS CONGESTIONAM A VIAS, LOTAM AS LOJAS, SUPERMERCADOS, AS CRIANÇAS BRINCAM EM NOSSAS AREIAS. AQUI PERMITIMOS A CONSTRUÇÃO DE GRANDES PRÉDIOS EM ÁREA DE PRESERVAÇÃO, MAS NÃO PERMITIMOS QUE VENHAM AQUI. NÃO INVESTIMOS EM SANEAMENTO, NEM AGUA VOCÊS VÃO TER.

    ESSE É O RECADO QUE ENTENDI. NUNCA MAIS VOU DIVULGAR BOMBINHAS!

  • Sergio diz: 23 de dezembro de 2014

    Vejam esse detalhe. Sou frequentador a décadas em Bombinhas. Acabei comprando uma casa e alugo. É uma renda que ajuda pagar os impostos e a sobrevivência da minha família. Anos venham fazendo trabalho de divulgação para que as pessoas, não só venham em janeiro e fevereiro, como também março e todo ano. É um trabalho que leva muito tempo, e que vai gerar renda para muitos comerciantes e reconhecimento que Bombinhas é uma excelente praia. Começou dar certo, vejo que em março a praia esta lotado. Mas eu não me conformo que uma ideia absurda de cobrar taxa para entrar em Bombinhas. Em segundos, se assinar acabou todo esse trabalho que levamos anos e anos. Vejo os comentários aqui a decepção dos Turistas que deveríamos respeita-los e incentiva-los. Eles que trazem toda a arrecadação do município. Já frequentadores da nossa casa, desistiram. E ai Sra Prefeita???? Você vai cobrir esse furo? Pode ter certeza, vou entrar com processo. Sra Prefeita voce esta destruindo um trabalho de anos. E fique sabendo que se não fosse esse trabalho, você não estaria ai, Bombinhas seria parte de Porto Belo, tenha um mínimo de vergonha.

  • Jorge diz: 26 de dezembro de 2014

    Turistas, frequentadores temporários de Bombinhas!!! Não adianta ficar aqui comentando. Vamos agir!!!! Não vamos aceitar esse abuso, já pagamos muitos impostos e geramos renda para Bombinhas!!. Todos que vão alugar casa em Bombinhas.

    ALUGUE, MAS NÃO ACEITE PAGAR ESSA TAL DE TPA. FALE DIRETAMENTE COM AS IMOBILIÁRIAS E PROPRIETÁRIOS QUE ISSO É ABUSO, MESMO PAGANDO UMA ÚNICA VEZ. RECLAME DIRETAMENTE COM AS IMOBILIÁRIAS. SE ELES ACHAM QUE É IMPORTANTE, ENTÃO PAGUEM NÃO VOCÊ, QUE JÁ ESTA GERANDO RECURSOS PARA O MUNICÍPIO.

    NÃO ACEITE PAGAR, PENSE NAQUELES QUE TEM DIFICULDADES.
    VAMOS FAZER ESSA CORRENTE.

    MOVIMENTO CONTRA A TPA, LOGO ESTAREMOS NO FACEBOOK
    PELO DIREITO DE IR E VIR E CONTRA ABUSO DA PREFEITURA.

    E NÃO VOTE BOMBINHAS COMO MELHOR PRAIA DE BOMBINHAS.

    MCTB – MOVIMENTO CONTRA TPA BOMBINHAS
    TURISTAS TEM QUE SER RESPEITADO.

  • Sergio diz: 31 de dezembro de 2014

    Caros Colegas,

    Se vc alugar uma casa ou um apto, vc tem direito de cadastrar o seu veículo, não precisa estar o veículo em seu nome vc deve levar o contrato da locação e apresentar o documento do veiculo e não precisa estar em seu nome, vc vai cadastra por um determinado período.

Envie seu Comentário