Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Reveja o que movimentou o Litoral em 2014

30 de dezembro de 2014 0

Insegurança, upgrade econômico e política em baixa marcaram o ano de 2014 na região. Obras paradas, combate à corrupção e novas taxas causaram polêmica e provocaram comentários de janeiro a dezembro.

Enfim, o ano chegou ao fim e o blog preparou um apanhado de alguns dos assuntos mais importantes que passaram pelo Santa Litoral nos últimos 12 meses. Com desejos de iniciar 2015 com o pé direito e terminá-lo um pouquinho melhor.

 

Foto: Marcos Porto

Foto: Marcos Porto

Evoluiu

Entre as grandes obras de infraestrutura da região a nova bacia de evolução, que atenderá aos terminais portuários de Itajaí e Navegantes, foi a única a evoluir. Começa 2015 com a empresa Triunfo escolhida para tocar a obra e expectativa de início dos trabalhos em abril. Agora, será preciso garantir a segunda etapa, prometida pelo governo federal.

 

A número 1!

Depois de alguns anos batendo na trave, Itajaí é a primeira economia de Santa Catarina de acordo com dados do IBGE. O PIB da cidade é de 19,7 bilhões, o mais alto no Estado e o 29º no país.
Os números colocaram Itajaí entre 15 não-capitais mais importantes do país _ mas provocaram reclamação por parte de quem considera o cálculo do PIB feito pelo IBGE equivocado.
Culminaram com a aprovação, na Assembleia Legislativa, de lei que muda o Índice de Participação dos Municípios e beneficia as cidades produtoras, em detrimento das portuárias, em transações de exportação. A lei aguarda sanção do governador Raimundo Colombo (PSD).

 

Trato Feito

Operação do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) levou à prisão 14 pessoas ente servidores da prefeitura de Balneário Camboriú e empresários em setembro, sob suspeita de fraudes em licitações. A ação provocou a paralisação de obras e reestruturação no setor de compras e nas secretarias de Obras e de Planejamento.
Liberados os suspeitos o inquérito foi remetido à Procuradoria-Geral de Justiça, em Florianópolis, depois de identificado “possível envolvimento de um agente público com foro privilegiado”. Enquanto aguarda conclusão, virou CPI na Câmara de Vereadores.

 

Foto: Marcos Porto

Foto: Marcos Porto

Livre

Uma vitória no Superior Tribunal de Justiça (STJ) garantiu em junho a liberdade para o ex-deputado federal Nelson Goetten, que estava preso em Itapema desde 2011. As provas do processo que levaram Goetten à prisão, sob acusações de estupro, exploração de vulnerável e favorecimento à prostituição foram consideradas ilegais e o processo acabou anulado.

 

Atentados

Navegantes, Itapema, Balneário Camboriú, Itajaí e Camboriú registraram ocorrências durante nova onda de atentados, em outubro. Policiais militares tiveram férias canceladas, ônibus precisaram ser escoltados e o clima de apreensão se espalhou pelas ruas. O alvo, desta vez, eram agentes de segurança pública. Os atentados cessaram por aqui após o primeiro turno das eleições.

 

Representatividade para quê?

As Eleições terminaram com saldo negativo para a região. Se tivemos nos últimos quatro anos apenas dois representantes na Assembleia, começaremos 2015 com apenas um. Leonel Pavan (PSDB) foi o único eleito para a Assembleia Legislativa por aqui e não teremos, mais uma vez, representante no Congresso Nacional.

 

Novela sem fim

2014 começou com a promessa da construção do Centro de Eventos de Balneário Camboriú e termina do mesmo jeito. O edital de licitação foi assinado pelo Governo do Estado em maio, com previsão de anunciar o vencedor um mês depois e iniciar as obras em agosto. Mas, depois de idas e vindas do edital, dezembro chegou com a licitação suspensa e sem previsão de reabertura. 2015 inicia com a obra de volta à estaca zero.

 

Foto: Marcos Porto

Foto: Marcos Porto

Prazo dado

A lendária Via Expressa Portuária de Itajaí, paralisada há dois anos, ganhou prazo para reinício dos trabalhos em 2014. Deveria ter edital ainda este ano para que os trabalhos fossem retomadas no primeiro semestre de 2015, com conclusão prevista para 2018. Mas o ano terminou sem que a licitação fosse lançada. Segue na promessa.

 

Náutica em alta

Foi anunciada em novembro a volta da regata francesa Jacques Vabre a Itajaí. Desta vez a cidade dividirá com Itapema, que estreia nos grandes eventos náuticos, a recepção aos atletas. A Jacques Vabres chega em novembro. Antes, em abril, será a vez da Volvo Ocean Race.

 

Taxa da discórdia

A Taxa de Preservação Ambiental (TPA) acabou como uma pedra no sapato da prefeitura de Bombinhas. Instituída para ajudar a manter as belezas naturais da cidade, foi parar na Justiça. Liberada para iniciar, esbarrou na burocracia e a indecisão sobre a data de início da cobrança fez o município virar assunto. 2015 dirá se a TPA será mesmo a redenção de Bombinhas, como afirmou a prefeita Ana Paula da Silva.

Comente e compartilhe

comentários

Envie seu Comentário