Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Possível ação judicial faz bancos descumprirem novas regras no primeiro dia de mudança de horário em Balneário Camboriú

23 de março de 2015 5

Atualizada às 10h53min

A Febraban informou que a lei municipal que altera os horários dos bancos ainda está sendo avaliada pelo departamento jurídico

Entra em vigor nesta segunda-feira a lei que altera o horário de atendimento das agências bancárias em Balneário Camboriú para 11h às 16h. Mas parte dos bancos não vai acatar as novas regras.

O motivo é a informação de que o departamento jurídico da Federação Brasileira de Bancos (Febraban) está avaliando a lei municipal _ o que significa que pode ser solicitada a manutenção do horário das 10h às 15h.

Entendimentos diferentes

A possível pendenga jurídica causou diferentes posturas entre os bancos. Itaú, Bradesco e Caixa Econômica Federal, por exemplo, vão passar a abrir às 11h até que haja uma decisão judicial a respeito da demanda. O Banrisul passará a adotar o novo horário a partir de terça-feira. Já as agências do Banco do Brasil permaneciam nesta segunda-feira com o horário antigo, das 10h às 15h.

O projeto de lei que alterou o atendimento foi do vereador Nilson Probst (PMBD), subscrito pelos vereadores Pedro Francez (PSD), Asinil Medeiros (PR), Arlindo Cruz (PMDB), Marcos Augusto Kurtz (PMDB), Fabio Flôr (PP), Roberto Souza Junior (PMDB), Elizeu Pereira (PR) e Leonardo Piruka (PP).

A justificativa foi um pedido da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e do Sindicato do Comércio Varejista (Sincomércio), que apontaram haver preferência dos comerciantes pela mudança de horário.

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (5)

  • Luiz Carlos Cappi diz: 23 de março de 2015

    como sempre, bagunça geral… o que os bancos gostam mesmo é faturar alto, basta verificar o faturamento deles em 2014;;; horario? o cliente que se lixe, se chegar mais cedo, que espere….

  • Gregório diz: 23 de março de 2015

    Deviam abrir das 8h as 18h e colocar mais funcionários.

  • Alexandre diz: 23 de março de 2015

    Correta a assessoria jurídica da Febraban, o Município não tem competência para legislar sobre horário de funcionamento bancário; apenas limites sobre a fila de espera. O Município detém competência ainda para legislar sobre horários de funcionamento do comércio, baseado nisso a CDL fez o pedido, provavelmente.

  • Jonatas Paza diz: 23 de março de 2015

    Fui feito de palhaço cheguei ao HSBC as 15:02 para trocar um cheque e dei com a cara na porta, liguei ao Procon que de nada serve e nada podiam fazer. O Brasil e uma bagunça mesmo e o trouxe aqui que se terre pagar juros.

  • Aretusa diz: 24 de março de 2015

    Bom dia.

    Somente em SC esses horário malucos, no RS (Porto Alegre), atendimento bancário é das 10:00 às 16:00.

Envie seu Comentário